Translate

30 de set de 2011

LEIS DAS REAÇÕES QUÍMICAS

Prof. Agamenon Roberto LEIS DAS REAÇÕES QUÍMICAS www.agamenonquimica.com 1
LEIS DAS REAÇÕES QUÍMICAS
LEI DA CONSERVAÇÃO DAS MASSAS ou LAVOISIER
01) (FCMSC-SP) A frase: “Do nada, nada; em nada, nada pode transformar-se” relaciona-se com as idéias
de:
a) Dalton.
b) Proust.
c) Boyle.
d) Lavoisier.
e) Gay-Lussac.
02) Dada a seguinte reação de combustão do etanol:
C2H6O + 3 O2 2 CO2 + 3 H2O
De acordo com a estequiometria da reação, 10g de etanol reagem com 21g de oxigênio, produzindo 19g
de gás carbônico e 12g de água. Pode-se afirmar que o texto acima está de acordo com a lei de:
a) Dalton.
b) Boyle.
c) Proust.
d) Charles.
e) Lavoisier.
03) (UFG-GO) Existem, pelo menos, duas correntes de pensamento que explicam o surgimento da vida em
nosso planeta; uma é denominada “criacionista” e a outra, “evolucionista”. Considerando-se as leis e os
princípios da Química, o “criacionismo” contraria
a) o princípio de Heisenberg.
b) a lei de Lavoisier.
c) o segundo postulado de Bohr.
d) o princípio de Avogadro.
e) a lei de Hess.
04) Acerca de uma reação química, considere as seguintes afirmações:
I. A massa se conserva.
II. As moléculas se conservam.
III. Os átomos se conservam.
São corretas as afirmativas:
a) I e II apenas.
b) II e III apenas.
c) I e III apenas.
d) I apenas.
e) III apenas.
05) Acerca de uma reação química, considere as seguintes afirmações:
I. A massa se conserva.
II. As moléculas se conservam.
III. Os átomos se conservam.
IV. Ocorre rearranjo dos átomos.
Está correto o que se afirma em:
a) I e II, apenas.
b) III e IV, apenas.
c) I, III e IV, apenas.
d) II, III e IV, apenas.
e) I, II, III e IV.
Prof. Agamenon Roberto LEIS DAS REAÇÕES QUÍMICAS www.agamenonquimica.com 2
06) Comparando reagentes e produto na reação CO (g) + 1 / 2 O2 (g) CO2 (g), pode-se dizer que
apresentam iguais:
I. Número de átomos.
II. Número de moléculas.
III. Massa.
Dessas afirmações, apenas:
a) I é correta.
b) II é correta.
c) III é correta.
d) I e II são corretas.
e) I e III são corretas.
07) Considerando a reação 2 NO + O2 2 NO2 , efetuada a pressão e temperatura constantes, podemos
afirmar que, durante a reação, permanecem constantes:
a) A massa e o volume totais do sistema.
b) A massa total e o número total de moléculas.
c) A massa total e o número total de átomos.
d) O volume total e o número total de moléculas.
e) O volume total e o número total de átomos.
08) A afirmativa “Numa reação química, a soma das quantidades dos reagentes é igual à soma das
quantidades dos produtos da reação”.
a) É sempre verdadeira na química.
b) Só é verdadeira quando as quantidades forem em massa.
c) Só é verdadeira quando as quantidades forem em volume.
d) É verdadeira quando as quantidades forem em massa ou em número de moléculas.
e) É verdadeira quando as quantidades forem em volumes ou em número de moléculas.
09) (Faesa)Considerando a reação abaixo:
+
Dados: nitrogênio = ; oxigênio =
efetuada à pressão e temperatura constantes, podemos afirmar que, durante a reação, permanecem
constantes:
a) A massa e o volume totais do sistema.
b) A massa total e o número de moléculas.
c) A massa total e o número de átomos.
d) O volume total e o número total de moléculas.
e) O volume total e o número de total de átomos.
10) A reação entre 23g de álcool etílico e 48g de oxigênio produziu 27g de água, ao lado de gás carbônico.
A massa de gás carbônico obtida foi de:
a) 44g.
b) 22g.
c) 61g.
d) 88g.
e) 18g.
11) Dada a seguinte reação de combustão do etanol:
C2H6O + 3 O2 2 CO2 + 3 H2O
De acordo com a estequiometria da reação, 10g de etanol reagem com certa massa de oxigênio,
produzindo 19g de gás carbônico e 12g de água. Pode-se afirmar que a massa de oxigênio necessária
para reagir completamente com todo o álcool usado é de:
a) 12g.
b) 18g.
c) 21g.
d) 32g.
e) 64g.
Prof. Agamenon Roberto LEIS DAS REAÇÕES QUÍMICAS www.agamenonquimica.com 3
12) (Fuvest-SP) Quando 96g de ozônio se transformam completamente, a massa de oxigênio comum
produzida é igual a:
a) 32g.
b) 48g.
c) 64g.
d) 80g.
e) 96g.
13) (UFMG-MG) Em um experimento, soluções aquosas de nitrato de prata, AgNO3, e de cloreto de sódio,
NaC , reagem entre si e formam cloreto de prata, AgC , sólido branco insolúvel, e nitrato de sódio,
NaNO3, sal solúvel em água.
A massa desses reagentes e a de seus produtos estão apresentadas neste quadro:
Reagentes Produtos
AgNO3 NaC AgC NaNO3
1,699g 0,585g X 0,850g
Considere que a reação foi completa e que não há reagentes em excesso.
Assim sendo, é CORRETO afirmar que X, ou seja, a massa de cloreto de prata produzida é:
a) 0,585 g.
b) 1,434 g.
c) 1,699 g.
d) 2,284 g.
e) 2,866 g.
14)Dois frascos, A e B, contendo diferentes reagentes, estão hermeticamente fechados e são colocados
nos pratos de uma balança, que fica equilibrada como mostra o diagrama abaixo.
Ba (N03)2 H2SO4
Na2S04 Zn
A B
Os frascos são agitados para que os reagentes entrem em contato. As seguintes reações ocorrem:
Frasco A: Na2SO4 + Ba(NO3)2 2 NaNO3 + BaSO4 (precipitado branco)
Frasco B: Zn (s) + H2SO4 ZnSO4 + H2 (g)
Podemos afirmar que:
0 0 Com o andamento das reações o braço da balança pende para o lado do frasco A.
1 1 Com o andamento das reações o braço da balança pende para o lado do frasco B.
2 2 Com o andamento das reações os braços da balança permanecem na mesma posição.
3 3 Este experimento envolve uma reação ácido–base.
4 4 Este experimento envolve uma reação de oxidação–redução
15)Dado o fenômeno abaixo: metano + oxigênio gás carbônico + água
(x + 3)g (6x + 2)g (6x - 8)g (3x + 3)g
Podemos afirmar que:
a) Estão reagindo 5g de metano com 32g de oxigênio.
b) A massa de água produzida é de 33g.
c) São obtidos 38g de gás carbônico.
d) O oxigênio usado pesa 32g.
e) A massa total dos reagentes é de 15g.
Prof. Agamenon Roberto LEIS DAS REAÇÕES QUÍMICAS www.agamenonquimica.com 4
16) Dois frascos, A e B, contendo diferentes reagentes, estão hermeticamente fechados e são colocados
nos pratos de uma balança, que fica equilibrada como mostra o diagrama abaixo.
Ba (N03)2 H2SO4
Na2S04 Zn
A B
Os frascos são agitados para que os reagentes entrem em contato. As seguintes reações ocorrem:
Frasco A: Na2SO4 + Ba(NO3)2 2 NaNO3 + BaSO4 (precipitado branco)
Frasco B: Zn (s) + H2SO4 ZnSO4 + H2 (g)
Podemos afirmar que:
I. Com o andamento das reações o braço da balança pende para o lado do frasco A.
II. Com o andamento das reações o braço da balança pende para o lado do frasco B.
III. Com o andamento das reações os braços da balança permanecem na mesma posição.
IV. As reações satisfazem a lei de Lavoisier.
É (são) verdadeira(s), apenas, a(s) afirmação(ões):
a) I.
b) II e IV.
c) III.
d) I e II.
e) III e IV
17) Num recipiente foram misturados 5g de hidrogênio com 42g de oxigênio. Após a reação pudemos
observar, ao lado do oxigênio, a formação de 45g de água. A massa do oxigênio em excesso é de:
a) 47g.
b) 15g.
c) 40g.
d) 87g.
e) 2g.
18)De acordo com a lei de Lavoisier, quando fizermos reagir completamente, em ambiente fechado 1,12g
de ferro com 0,64g de enxofre, a massa, em gramas, de sulfeto de ferro obtida será de:
a) 2,76g.
b) 2,24g.
c) 1,76g.
d) 1,28g.
e) 0,48g.
19)Provoca-se reação da mistura formada por 10,0g de hidrogênio e 500g de cloro. Após a reação,
constata-se a presença de 145g de cloro remanescente, junto com o produto obtido. A massa, em
gramas, da substância formada é:
a) 155g.
b) 290g.
c) 365g.
d) 490g.
e) 510g.
Prof. Agamenon Roberto LEIS DAS REAÇÕES QUÍMICAS www.agamenonquimica.com 5
20)Os pratos A e B de uma balança foram equilibrados com um pedaço de papel em cada prato e efetuouse
a combustão apenas do material do prato A. Esse procedimento foi repetido com palha de aço em
lugar de papel. Após cada combustão, observou-se:
Com papel Com palha de aço
A A e B no mesmo nível A e B no mesmo nível
B A abaixo de B A abaixo de B
C A acima de B A acima de B
D A acima de B A abaixo de B
E A abaixo de B A e B no mesmo nível
21) (Ceeteps-SP) A queima de uma amostra de palha de aço produz um composto pulverulento de massa:
a) menor que a massa original da palha de aço
b) igual à massa original da palha de aço
c) maior que a massa original da palha de aço
d) igual à massa de oxigênio do ar que participa da reação
e) menor que a massa de oxigênio do ar que participa da reação
22) 18g de um metal são adicionados a 40g de enxofre. Após a reação, verifica-se a formação de 50g de
sulfeto do metal ao lado de excesso de enxofre. A massa de enxofre que não reagiu foi de:
a) 4g.
b) 6g.
c) 8g.
d) 10g.
e) 12g.
23) (UNICAMP) Numa balança improvisada, feita com um cabide, como mostra a figura abaixo, nos
recipientes (A e B) foram colocadas quantidades iguais de um mesmo sólido, que poderia ou ser palha
de ferro ou ser carvão.
Foi ateado fogo à amostra contida no recipiente B. Depois de cessada a queima, o arranjo tomou a
seguinte disposição:
a) Considerando o resultado do experimento, decida se o sólido colocado em A e B era palha de ferro
ou carvão.
Justifique.
b) Escreva a equação química da reação que ocorreu.
A B
Prof. Agamenon Roberto LEIS DAS REAÇÕES QUÍMICAS www.agamenonquimica.com 6
24)Querendo verificar a Lei da Conservação das Massas (Lei de Lavoisier), um estudante realizou a
experiência esquematizada abaixo:
1000g
solução de
HNO3 K2CO3 (S)
(1) (2)
(1)
(2)
(1) (2)
995g
solução final
erlenmeyer
vazio
A reação que ocorre é a seguinte: K2CO3 (s) + 2 HNO3 (aq) 2 KNO3 (aq) + H2O (l) + CO2 (g)
Terminada a reação, o estudante verificou que a massa final era menor que a massa inicial. Assinale a
alternativa que explica o ocorrido:
a) A lei de Lavoisier não é válida nas condições normais de temperatura e pressão.
b) A lei de Lavoisier não é válida para reações em soluções aquosas.
c) De acordo com a lei de Lavoisier a massa dos produtos é igual à massa dos reagentes quando
estes se encontram no mesmo estado físico.
d) Para se verificar a lei de Lavoisier é necessário que o sistema seja fechado, o que não ocorreu na
experiência realizada.
e) Houve excesso de um dos reagentes, o que invalida a lei de Lavoisier.
25)(Covest-94) Na preparação de pães e bolos, utiliza-se fermento para crescer a massa. Considere uma
receita preparada com 150g de farinha de trigo, 100g de açúcar, 50g de manteiga, 300g de ovos e 20g
de fermento. Depois de crescida, a mistura pesará aproximadamente:
a) 1240g.
b) 620g.
c) um valor intermediário entre 620g e 1240g.
d) 1860g.
e) um valor intermediário entre 1240g e 1860g.
LEI DAS PROPORÇÕES DEFINIDAS ou LEI DE PROUST
26) (Covest-2000) O etanol é obtido da sacarose por fermentação conforme a equação:
C12H22O11 (aq) + H2O (l) 4 C2H5OH (aq) + 4 CO2 (g)
Determine a massa de etanol obtida pela fermentação de 171g de sacarose. As massas molares da
sacarose e do etanol são, respectivamente, 342 g e 46 g.
27) (Covest-98) Quantos gramas de cálcio serão necessários para produzir 84g de óxido de cálcio?
Dados: O = 16 g/mol; Ca = 40 g/mol.
28) (Covest-2009) A decomposição do carbonato de cálcio, por aquecimento, produz óxido de cálcio e
dióxido de carbono. A partir de 100 g de carbonato de cálcio, e sabendo-se as massas molares: Ca
(40 g/mol), C (12 g/mol) e O (16 g/mol), é correto afirmar que:
a) pode-se obter no máximo 40 g de óxido de cálcio.
b) se tivermos este sistema em equilíbrio, o mesmo será deslocado no sentido de produtos, caso
aumentemos a pressão sobre o mesmo.
c) pode-se obter no máximo 1 mol de dióxido de carbono.
d) pode-se obter no máximo 200 g de produtos.
e) se forem consumidos 50 g de carbonato de cálcio, serão produzidos 1 mol de óxido de cálcio.
CaCO3 (s) CaO (s) + CO2 (g)
100g 56g 44g
1 mol 1 mol 1 mol
Prof. Agamenon Roberto LEIS DAS REAÇÕES QUÍMICAS www.agamenonquimica.com 7
29) 8g de hidróxido de sódio reagem com quantidade suficiente de ácido sulfúrico produzindo 14,2g de
sulfato de sódio e certa quantidade de água. Que massa de hidróxido de sódio é necessária para, em
reação com o ácido sulfúrico, produzir 35,5g de sulfato de sódio?
a) 7,1g.
b) 14,2g.
c) 21,3g.
d) 20g.
e) 16g.
30) Com respeito à tabela:
carbono + oxigênio gás carbônico
12g x 44g
y 16g z
I) O valor de “x” é 32g.
II) O valor de “y” é 6g.
III) O valor de “z” é 22g.
IV) Os cálculos usaram as leis de Lavoisier e Proust.
a) apenas I, II e III são corretas.
b) apenas I e III são corretas.
c) apenas I e II são corretas.
d) apenas I é correta.
e) todas são corretas.
31) Com respeito à tabela:
carbono + oxigênio gás carbônico
12g x 44g
y 16g z
I) O valor de “x” é 32g.
II) O valor de “y” é 6g.
III) O valor de “z” é 20g.
IV) Os cálculos usam as leis de Lavoisier e Proust.
a) apenas I, II e III são corretas.
b) apenas I e II são corretas.
c) apenas II e IV são corretas.
d) apenas I, II e IV são corretas.
e) todas são corretas.
32) (Fempar-PR) Hidrogênio reage com oxigênio na proporção 1: 8, em massa, para formar água. A partir
da reação descrita e completando com valores, em gramas, os espaços preenchidos com X, Y e Z na
tabela a seguir, teremos, respectivamente:
sistema
I
II
massa de
hidrogênio
massa de
oxigênio
massa de
água
massa em
excesso
5g 32g x y
7g z 63g 4g
a) 32; 1 e 56.
b) 36; 2 e 52.
c) 32; 2 e 56.
d) 36; 1 e 56.
e) 36; 1 e 60.
33) Podemos produzir gás metano reagindo 6g de carbono com 2g de hidrogênio. Pode-se afirmar que no
metano temos:
a) 10% de carbono e 90% de hidrogênio.
b) 15% de carbono e 85% de hidrogênio.
c) 25% de carbono e 75% de hidrogênio.
d) 60% de carbono e 40% de hidrogênio.
e) 75% de carbono e 25% de hidrogênio.
Prof. Agamenon Roberto LEIS DAS REAÇÕES QUÍMICAS www.agamenonquimica.com 8
34)Analise os dados abaixo referentes a uma série de três experiências realizadas, envolvendo uma
determinada reação (os dados constantes nesta tabela correspondem às quantidades
estequiometricamente envolvidas na reação).
REAGENTES PRODUTOS
A B C D
1ª MA MB MC 7,0g
2ª 2 MA 24,0g 15,0g m’D
3ª 12,5g m’’B m’’c 35,0g
Na terceira experiência houve formação de 35,0g de “D”. A massa de C na terceira experiência foi de:
a) 25,0g.
b) 37,5g.
c) 45,0g.
d) 75,0g.
e) 105,0g.
35)Qualquer que seja a procedência ou processo de preparação do NaCl, podemos afirmar que sua
composição é sempre 39,32% de sódio e 60,68% de cloro, com base na lei de:
a) Lavoisier.
b) Dalton.
c) Proust.
d) Richter.
e) Avogadro.
36) (Vunesp) Foram analisadas três amostras (I, II e III) de óxidos de enxofre, procedentes de fontes
distintas, obtendo-se os seguintes resultados:
Amostra Massa de enxofre Massa de oxigênio Massa da amostra
I 0,32 g 0,32 g 0,64 g
II 0,08 g 0,08 g 0,16 g
III 0,32 g 0,48 g 0,80 g
Estes resultados mostram que:
a) as amostras I, II e III são do mesmo óxido
b) apenas as amostras I e II são do mesmo óxido
c) apenas as amostras II e III são do mesmo óxido
d) apenas as amostras I e III são do mesmo óxido
e) as amostras I, II e III são de óxidos diferentes
37) (UPE-2008-Q1) A Terra é o terceiro planeta em órbita do Sol, de forma aproximadamente esférica, mas
sua rotação produz uma deformação, tornando-a elipsoidal. Na tabela abaixo, constam algumas
características físicas de nosso planeta com alguns valores aproximados.
(Considere a Terra com a forma esférica)
Características Físicas da Terra
Inclinação axial 23,45º
Diâmetro equatorial 2,0 x 104 km
Área da superfície 5,10 x 108 km2
Densidade média 5.500kg/m3
Determinações estimativas revelam que há, na Terra, 7,7 x 1024 kg de ferro. Com esse dado, é correto
afirmar que a percentagem em massa de ferro, encontrada na Terra, é igual aproximadamente a
a) 25,5%.
b) 18,0%.
c) 45,8%.
d) 35,0%.
e) 15,0%.
= 3
Prof. Agamenon Roberto LEIS DAS REAÇÕES QUÍMICAS www.agamenonquimica.com 9
m Fe = 7,7 x 1024 Kg
V terra = 4/3 R3
D = 2 x 104 Km R = 104 Km = 107 m
V terra = 4/3 x 3 x (107)3 = 4 x 1021 m3
dterra = mterra / Vterra mterra = dterra x Vterra = 5,5 x 103 x 4 x 1021 = 22 x 1024 Kg.
22 x 1024 corresponde a 100%
7,7 x 1024 corresponde a x%, portanto x = 35%
38) (Fuvest-SP) A embalagem de um sal de cozinha comercial com reduzido teor de sódio, o chamado “sal
diet”, traz a seguinte informação:
“Cada 100 g contém 20 g de sódio...”
Isso significa que a porcentagem (em massa) de cloreto de sódio nesse sal é aproximadamente igual a:
Observação: o sal diet é composto principalmente de cloreto de potássio.
Dados: Na = 23 g/mol; NaCl = 58 g/mol.
a) 20%.
b) 40%.
c) 50%.
d) 60%.
e) 80%.
39) (UPE-2008-Q1) Um adulto inspira por dia, aproximadamente, 2,50 kg de oxigênio e expira 1.744 g do
mesmo gás no processo de respiração. Sabendo-se que 1,0 cm3 deste gás pesa 1,4 x 10-3g, pode-se
afirmar como CORRETO que:
Dado: O = 16 g/mol.
a) 540,0 L representam a quantidade de oxigênio fixada nos glóbulos vermelhos, por dia, no processo
de respiração de um adulto.
b) 50,0 mols de oxigênio por dia são inspirados por um adulto no processo de respiração, para a
manutenção de suas atividades vitais.
c) a quantidade de ar atmosférico que fornecerá a quantidade mínima de oxigênio requerida por dia,
por um adulto, no processo de respiração, é igual a 2.000 g.
d) no processo de respiração de um adulto, são fixados, nos glóbulos vermelhos, aproximadamente,
250,0 mols de moléculas de oxigênio em 10 dias.
e) 1.250 L é a quantidade de oxigênio fixado nos glóbulos vermelhos, por dia, no processo de
respiração de um adulto.
mO2 = 2,5 Kg = 2500 g de oxigênio inspirado
mO2 = 1744 g de oxigênio expirado
mO2 = 756 g de oxigênio absorvidos
1 mL pesa 1,4 x 10– 3g
x mL pesa 756g x = 540000 mL = 540 L
40) (UPE-2008-Q1) O dióxido de carbono, conhecido mundialmente como gás causador do Efeito Estufa, é
perigoso para a saúde humana, quando em concentrações superiores a 5 x 103 ppm. Em relação à
remoção desse gás do interior de um ambiente, é CORRETO afirmar que
ma( k) = 39u, ma( Li) = 7u, ma( 0 ) =16u, ma
a) 1 mol de hidróxido de lítio remove mais CO2 do ambiente do que um mol de superóxido de potássio.
b) Para cada dois mols de hidróxido de lítio que reagem com dióxido de carbono, são retirados 132,0g
desse gás do ambiente.
c) Um mol de superóxido de potássio remove, em gramas, quatro vezes mais dióxido de carbono do
que 1 mol de hidróxido de lítio.
d) 1,0g de superóxido de potássio remove, em gramas, uma quantidade menor de dióxido de carbono
do que a quantidade removida do mesmo gás, por 1,0g de hidróxido de lítio.
e) 1 mol de hidróxido de lítio, quando reage exatamente com 1,0 mol de dióxido de carbono, produz
meio mol de oxigênio nascente.
Prof. Agamenon Roberto LEIS DAS REAÇÕES QUÍMICAS www.agamenonquimica.com 10
1 K2O4 + 1 CO2 1 K2CO3 + 3/2 O2
142g 1 mol
1g x mol, então: x = 7,04 x 10– 2 mol
2 LiOH + 1 CO2 1 Li2CO3 + 1 H2O
48g 1 mol
1g x mol, então: x = 2 x 10– 2 mol
41) (UPE-2008-Q2) Suponha que sobre um cilindro de revolução de 4,0cm de altura e 1,0cm de diâmetro,
constituído de uma substância MX, escoe água numa vazão estimada de 1,7 L/dia, proveniente de uma
torneira com defeito. O tempo necessário para que toda a substância, MX, seja solubilizada é: (suponha
que toda a água resultante do vazamento não evapora e é absorvida pelo cilindro)
Dados: = 3, d(MX) = 0,85g/mL, M(MX) = 150,0g/mol, Kps = 4,0 X 10 – 4
a) 2 dias.
b) 0,5h.
c) 1,2h.
d) 720 min.
e) 0,5 dia.
D = 1 cm r = 0,5 cm
h = 4 cm V = . r2 . h = 3 . (0,5)2 . 4 = 3 cm3
m = d . V = 0,85 . 3 = 2,55g
massa que solubiliza em 1 L de água
Kps = [M+].[X–] 4 x 10 – 4 = S . S S = 2 x 10– 2 mol/L
ou m = 2 x 10– 2 . 150 = 3g
volume que solubiliza 2,55g
3g 1 L 1,7 L 1 dia
2,55g V 0,85 L x
V = 0,85 L x = 0,5 dia ou 720 min
42) A lei de Proust diz: “Quando qualquer substância composta é formada, seus elementos se combinam
entre si, numa proporção em massa rigorosamente definida”. Sabendo-se que a água é formada numa
proporção em massa igual a 1 g de hidrogênio para 8 g de oxigênio, a combinação de 5,0 g de
hidrogênio com 24 g de oxigênio resultará em:
a) 18 g de água e 6 g de excesso de oxigênio.
b) 29 g de água.
c) 18 g de água e 2 g de excesso de hidrogênio.
d) 27 g de água e 2 g de excesso de hidrogênio.
e) 27 g de água e 2 g de excesso de oxigênio.
43) Sabe-se que 2 g de hidrogênio reagem completamente com 16 g de oxigênio. Se colocarmos para
reagir 6g de hidrogênio com 32 g de oxigênio, a massa de água que se formará será:
a) 36 g.
b) 38 g.
c) 18 g.
d) 19 g.
e) impossível de ser prevista.
44) (UPE-2008-Q2) Adiciona-se a um béquer, contendo 800,0 mL de uma solução aquosa de ácido
clorídrico, 1,20 mols/L, 40,0g de uma amostra de carbonato de cálcio impuro. Após o término da reação,
verificou-se que o gás obtido nas CNTP ocupou um volume igual a 4,54L.
Dados: Vm = 22,7L/mol, ma(Ca) = 40u, ma(C) = 12u, ma(O) = 16u
É CORRETO afirmar, em relação a essa reação, que:
a) a quantidade de ácido clorídrico contida no béquer é insuficiente para consumir todo carbonato de
cálcio.
b) o carbonato de cálcio utilizado nessa reação tem pureza igual a 65%.
c) após o seu término, há um excesso de 0,16 mol de ácido clorídrico.
d) o carbonato de cálcio apresenta um grau de impurezas de 30%.
e) há um excesso de 0,56 mol de ácido clorídrico após o término da reação.
Prof. Agamenon Roberto LEIS DAS REAÇÕES QUÍMICAS www.agamenonquimica.com 11
2 HCl + CaCO3 CaCl2 + CO2 + H2O
Problema V = 0,8 L 40g (impuro) 4,54 L
1,2 mol/L
n1 = 0,8 . 1,2
n1 = 0,96 mol
Equação 2 mol 1 mol 22,7 L
x mol y mol 4,54 L
x = 0,4 mol e y = 0,2 mol ou 20g
45) (Fuvest-SP) A dose diária recomenda do elemento cálcio para um adulto é de 800 mg. Suponha certo
suprimento nutricional à base de casca de ostras que seja 100% CaCO3. Se um adulto tomar
diariamente dois tabletes desse suplemento de 500 mg cada, qual a porcentagem de cálcio da
quantidade recomendada essa pessoa está ingerindo?
Dados: Ca = 40 g/mol; O = 16 g/mol; C = 12 g/mol.
a) 25%.
b) 40%.
c) 50%.
d) 80%.
e) 125%.
46) (FESP-96) O quociente entre as massas mB / mA de dois elementos que reagem exatamente entre si é
igual a 1,5. Juntando-se 240,0g de A e 240,0g de B, após o término da reação, pode-se concluir que:
a) Os elementos A e B, reagem completamente originando 480,0 g do produto formado.
b) A massa do produto formado é 400,0 g e há excesso de 80,0 g do elemento B.
c) A massa do produto formado é 400,0 g e há excesso de 80,0 g do elemento A.
d) Há excesso de 8,0 g do elemento B e 72,0 g do elemento A.
e) A massa do produto formado é de 320,0g e há excesso de 160,0g de A.
47) (UFMG) Um frasco que contém, 1 L de água oxigenada (H2O2), na concentração de 1 mol/L, foi
armazenado durante um ano. Após esse período, verificou-se que 50% dessa água oxigenada se tinha
decomposto, como mostrado na equação:
2 H2O2 (aq) 2 H2O (l) + O2 (g)
Considerando-se essas informações, é correto afirmar que a massa de oxigênio produzida nesse
processo é:
a) 8g.
b) 16g.
c) 17g.
d) 32g.
e) 64g.
48) (FATEC) Quando se aquece uma porção de esponja de aço, constituída principalmente por ferro (Fe),
em presença de oxigênio do ar, ela entra em combustão formando óxido de ferro (III) como único
produto. Logo, se 1g de esponja de aço for aquecida e sofrer combustão total, a massa do produto
sólido resultante será:
Dados: O = 16 g/mol; Fe = 56 g/mol.
a) menor que 1 g, pois na combustão forma-se também CO2 (G).
b) menor que 1 g, pois o óxido formado é muito volátil.
c) igual a 1 g, pois a massa se conserva nas transformações químicas.
d) maior que 1 g, pois o ferro é mais denso do que o oxigênio.
e) maior que 1 g, pois átomos de oxigênio se ligam aos de ferro.
49) (PUC-MG) As espécies químicas que apresentam a mesma composição centesimal são:
Dados: H = 1 g/mol; C = 12 g/mol; O = 16 g/mol.
a) CO2 e CO.
b) CH4 e C2H6.
c) C6H6 e C3H4.
d) C6H12O6 e C2H4O2.
e) C12H22O11 e C6H12O6.
Prof. Agamenon Roberto LEIS DAS REAÇÕES QUÍMICAS www.agamenonquimica.com 12
50) (PUC-RS) Considerando-se os compostos orgânicos:
Dados: H = 1 g/mol; C = 12 g/mol; O = 16 g/mol.
I. C3H6.
II. C2H5OH.
III. CH4.
Pode-se afirmar que a alternativa os compostos em ordem decrescente de porcentagem de carbono
presente é:
a) I, II, III.
b) I, III, II.
c) II, III, I.
d) II, I, III.
e) III, II, I.
51)O quociente entre as massas de dois elementos A e B, que reagem exatamente entre si originando o
composto AB, é igual a 0,75. Misturando-se 24,0g de A e 40,0g de B, ao término da reação, verifica-se
que:
a) houve a formação de 64,0 g de AB.
b) houve a formação de 56,0 g de AB, com excesso de 8,0 g de A.
c) 80 % da massa de B reagiram completamente com 24,0 g de A.
d) 16,0 g de A reagem integralmente com 40,0 g de B.
e) não há reação, porque as massas postas em contato não são estequiométricas.
52)Considere as substâncias M, P, Q, R, componentes da equação M + P Q + R. Ao se utilizar
10,0 g de P, obteve-se 4,0 g de Q; em outra experiência utilizou-se 10,0 g de M e obteve-se 20,0 g de R.
Concluiu-se que, num terceiro experimento, a massa de R obtida a partir de 5,0 g de P é:
a) 2,0 g.
b) 5,0 g.
c) 6,0 g.
d) 10,0 g.
e) 20,0 g.
53)Na reação genérica A + B C + D a relação entre as massas de A e B é igual a 0,6 e de B e C é igual a
2. Colocando-se 80 g de B para reagir com A, pode-se afirmar que a massa formada de D é igual a:
a) 40 g.
b) 48 g.
c) 80 g.
d) 88 g.
e) 100 g.
54) O composto B5H9 poderia ser um excelente combustível para foguetes em virtude da grande quantidade
de energia liberada na sua combustão.
....... B5H9 + ........ O2 ........ B2O3 + ....... H2O
Quantos mols de oxigênio (O2) são consumidos na combustão completa de um mol de B5H9 ?
a) 4.
b) 6.
c) 9.
d) 10.
e) 18.
55) Na reação representada pela equação
K (s) + H2O (l) KOH (aq) + 1/2 H2 (g)
Houve consumo de 5,0 mols de água. A quantidade de gás formado, em mols, é igual a:
a) 5,0.
b) 3,0.
c) 2,5.
d) 1,0.
e) 0,50.
Prof. Agamenon Roberto LEIS DAS REAÇÕES QUÍMICAS www.agamenonquimica.com 13
56) (UNICAP-98) Segundo a equação H2 (g) + 1 / 2 O2 (g) H2O (g) + energia...
0 0 2g de hidrogênio gasoso reagem com 16g de oxigênio gasoso, para produzir 18g de água, no
estado gasoso. Estes dados estão de acordo com a lei de Lavoisier.
1 1 A lei de Proust ou lei das proporções definidas nos permite determinar a porcentagem de
hidrogênio no protóxido de hidrogênio, que é de 11,11%.
2 2 Observando a equação, 1 molécula de H2 poderá reagir com meia molécula de O2
apenas porque essa se encontra no estado gasoso.
3 3 Ao colocarmos 4g de hidrogênio para reagir com 4g de O2, notaremos que o oxigênio estará em
excesso.
4 4 O sinal da energia é positivo, porque se trata de uma reação endotérmica e, portanto, ao
queimarmos 1g de hidrogênio, a reação absorverá a metade da energia posta em jogo no
processo.
57) A tabela a seguir, com dados relativos à equação citada, refere-se a duas experiências realizadas.
Então, podemos afirmar que: C + O2 CO2
1ª experiência 12g 32g X g
2ª experiência 36g Y g 132g
a) X é menor que a soma dos valores das massas dos reagentes da 1ª experiência.
b) X = Y.
c) Y é igual ao dobro do valor da massa de carbono que reage na 2ª experiência.
d) 32/Y = X/132.
e) Y = 168.
58) (Covest-2008) O rótulo de um produto alimentício contém as seguintes informações nutricionais:
Porção de 150 g
Quantidade por porção %VD(*)
Carboidratos 6 g 2%
Proteínas 1 g 2%
Gorduras totais 1 g 3%
Sódio 50 mg 2%
(*) Valor diário (para satisfazer as necessidades de uma pessoa). Percentual com base em uma dieta
de 2.000 cal diárias.
Com base nesta tabela, avalie as afirmativas abaixo.
0 0 O percentual, em massa, de carboidratos neste alimento é de (6/150) x 100.
1 1 Na dieta de 2.000 cal, são necessárias 50 g de proteínas diariamente.
2 2 A tabela contém somente 10% dos ingredientes que compõem este alimento.
3 3 Para satisfazer as necessidades diárias de sódio, somente com este produto, uma
pessoa deveria ingerir 7,5 kg deste produto.
4 4 Este produto contém um percentual em massa de proteína igual ao de carboidratos.
0 - 0 Verdadeiro: Como indicado na fórmula.
1 – 1 Verdadeiro: Se 1 g corresponde a 2%, então, 50 g corresponde a 50x2/1 = 100%.
2 – 2 Falso: A tabela contém 8,05 g, e a porção é de 150 g, o que dá bem menos de 10%.
3 – 3 Verdadeiro: Se 150 g corresponde a 2%, então 7,5 kg (7.500 g) corresponde a 100%.
4 – 4 Falso: O percentual em massa de carboidratos é (6/150) x 100, e o de proteínas é (1/150) x 100
59) Adicionando-se 4,5g de gás hidrogênio a 31,5g de gás nitrogênio, originam-se 25,5g de amônia,
sobrando ainda nitrogênio que não reagiu. Para se obterem 85g de amônia, a quantidade de hidrogênio
e de nitrogênio necessária é, respectivamente:
a) 15 e 70g.
b) 10,6g e 74,4g.
c) 13,5g e 71,5g.
d) 1,5g e 83,5g.
e) 40g e 45g.
Prof. Agamenon Roberto LEIS DAS REAÇÕES QUÍMICAS www.agamenonquimica.com 14
60)(Covest-2008) A preocupação com o meio ambiente levou ao desenvolvimento de metodologias verdes
(pouco poluentes), que procuram reduzir a produção de rejeitos e a utilização de reagentes tóxicos. Um
exemplo de metodologia verde é a síntese descrita abaixo do ácido adípico, utilizado na preparação do
náilon-66. Considere as massas molares do cicloexeno e do ácido adípico iguais a 82 e 146 g·mol–1,
respectivamente.
Na2WO4. 4H2O
[CH3(n-C8H17)N] HSO4
aquecimento
HO
O
O
OH
+ 4H2O
ácido adípico
Calcule a massa de ácido adípico em kg que será formada a partir de 41 kg de cicloexeno, considerando
que o rendimento da reação é 85%. Assinale o número inteiro mais próximo.
Resposta: 62
A estequiometria da reação: 1 mol de cicloexano gera 1 mol de ácido adípico. Se o rendimento da reação fosse de 100%, teríamos
41 kg (correspondente a 0,5 x 103 mol) de cicloexano que iria gerar 73kg (correspondente a 0,5 x 103 mol), mas a reação apresenta
um rendimento de 85%; logo, teremos 73kg x 0,85, o que corresponde a 62 kg.
61) (UPE-2009-Q2) Um recipiente aberto de volume “V”, contendo 1 mol de CO2(g) a 27ºC, foi aquecido a
327ºC. O gás expulso do recipiente foi convenientemente recolhido e insuflado sobre uma solução
aquosa de hidróxido de sódio, suficiente para consumir todo gás. Em relação às transformações, é
CORRETO afirmar que:
Dados: ma(C) = 12u, ma(Na ) = 23u, ma( O ) = 16u, ma( H ) = 1u
a) com a elevação da temperatura para 327ºC, foi expulso do recipiente 1/4 de mol do gás CO2.
b) ao aquecer o recipiente até 327ºC, todo o gás carbônico contido no recipiente foi expulso.
c) após o término da reação do gás carbônico, expulso do recipiente, com a solução aquosa de NaOH,
constatou-se que se formou 0,50 mol de um sal de sódio.
d) após o término da reação do gás carbônico expulso do recipiente, com a solução aquosa de NaOH,
verifica-se que foram formados 2,0 mols de um sal de sódio.
e) o gás carbônico não reage com o hidróxido de sódio, pois, sendo um óxido básico, só reagiria com
ácidos em solução aquosa
Para transformações em recipientes aberto teremos a relação: n1 . T1 = n2 . T2
1 . 300 = n2 . 600 n2 = 1/2 mol, isto é, foi expulso 0,5 mol de CO2 que reagiram com o NaOH
CO2 + 2 NaOH Na2CO3 + H2O
1 mol 1 mol
0,5 mol 0,5 mol
62) (UPE-2009-Q2) Uma amostra de óxido de magnésio impura, pesando 800,0 mg, foi adicionada a um
béquer contendo 400,0 mL de uma solução de ácido sulfúrico 0,05 mol/L. Após a reação, titulou-se o
excesso de ácido com hidróxido de sódio 0,10 mol/L, gastando-se para a completa neutralização
100,0mL. Dados: ma(Mg ) = 24 u, ma( S ) = 32 u.
Sobre as reações que ocorreram nessas transformações, é CORRETO afirmar que:
a) a impureza do óxido de magnésio é aproximadamente igual a 75%.
b) foi consumido na reação exatamente 0,60 mol do óxido de magnésio.
c) foi consumido 0,025 mol de hidróxido de sódio, para neutralizar o ácido sulfúrico em excesso.
d) 3,92 mols de ácido sulfúrico foram consumidos na reação de neutralização com o hidróxido de
sódio.
e) foi consumido 0,015 mol de ácido sulfúrico na reação com o óxido de magnésio.
MgO + H2SO4 MgSO4 + H2O
nº de mol total do H2SO4 = 0,05 x 0,4 = 0,02 mol
número de mol em excesso de H2SO4
H2SO4 + 2 NaOH Na2SO4 + H2O
na nb
1 2
2 na = mb x Vb 2 x na = 0,10 x 0,1 na = 0,01 : 2 = 0,005 mol, então foi consumido:
na = 0,02 – 0,005 = 0,015 mol do ácido
Prof. Agamenon Roberto LEIS DAS REAÇÕES QUÍMICAS www.agamenonquimica.com 15
CÁLCULO DE FÓRMULAS
63) A fórmula da sacarose é C12H22O11. A afirmativa falsa é:
a) Um mol de sacarose contém 11 átomos de oxigênio.
b) A molécula de sacarose é constituída por 45 átomos.
c) Na fórmula da sacarose figuram três símbolos químicos diferentes.
d) A sacarose é uma substância composta.
e) Uma molécula de sacarose possui 12 átomos de carbono.
64) A porcentagem ponderal de carbono existente na molécula de benzeno, C6H6, é de, aproximadamente:
Dados: H = 1 u.; C = 12 u.
a) 6%.
b) 8%.
c) 12%.
d) 50%.
e) 92%.
65) (UNESP) considera as afirmações I, II e III, a respeito da nicotina, cuja fórmula molecular é C10H14N2.
I. C10H14N2 é também a fórmula empírica da nicotina.
II. Cada molécula de nicotina é formada por 10 átomos de carbono, 14 átomos de hidrogênio e 2
átomos de nitrogênio.
III. 1 mol de moléculas de nicotina contém 10 mols de átomos de carbono, 14 mols de átomos de
hidrogênio e 2 mols de átomos de nitrogênio.
Estão corretas as afirmações:
a) I, apenas.
b) I e II, apenas.
c) II e III, apenas.
d) I e III, apenas.
e) I, II e III.
66) (VUNESP) A porcentagem em massa de carbono na uréia, é:
Dados: H = 1 g/mol; C = 12 g/mol; N = 14 g/mol; O = 16 g/mol.
H2N NH2 C
O
a) 12%.
b) 20%.
c) 27,27%.
d) 35,2%.
e) 60%.
67) (UNOPAR-PR) A expressão “ouro 18 quilates” designa de uma liga muito usada em joalharia, na qual
existem 18 partes de ouro, em massa, para um total de 24 partes, em massa, sendo o restante
constituído geralmente por cobre e/ou prata. Pode-se afirmar que, no “ouro 18 quilates”, a
porcentagem, em massa, de ouro é:
a) 18%.
b) 24%.
c) 25%.
d) 43%.
e) 75%.
68) (UNISA-SP) As fórmulas mínimas de acetileno (C2H2), glicose (C6H12O6), água oxigenada (H2O2) e
sulfato de sódio (Na2SO4) são respectivamente:
a) C2H2, C6H12O6, H2O2 e Na2SO4.
b) C2H2, CH2O, H2O2 e Na2SO2.
c) CH, CH2O, HO e Na2SO4.
d) CH, C3H4O3, HO e Na2SO4.
e) C2H2, C3H6O3, H2O2 e Na2SO4.
Prof. Agamenon Roberto LEIS DAS REAÇÕES QUÍMICAS www.agamenonquimica.com 16
69) A composição centesimal de uma substância é de 40% de carbono, 6,7% de hidrogênio e 53,3% de
oxigênio. A fórmula mínima dessa substância é:
Dados: H = 1 u.; C = 12 u.; O = 16 u.
a) CH2O.
b) C2H3O2.
c) C2H4O.
d) C12HO16.
e) C3H6O6.
70) A composição centesimal de uma substância é 40% de carbono, 6,7% de hidrogênio e 53,3% de
oxigênio. O peso molecular da fórmula mínima é:
Dados: C = 12 u.; H = 1 u.; O = 16 u.
a) 26.
b) 28.
c) 34.
d) 30.
e) 32.
71) A fórmula mínima de uma substância é CH2 e sua massa molecular é 70 uma. A fórmula molecular
dessa substância é:
Dados: H = 1 uma; C = 12 uma
a) C3H6.
b) C5H10.
c) C5H12.
d) C3H8.
e) C10H5.
72) (Fuvest-SP) Uma substância X tem fórmula mínima CH2NO e massa molecular 88 uma. O número de
átomos existentes na molécula X é:
Dados: H = 1 u; C = 12 u; N = 14 u; O = 16 u
a) 4.
b) 5.
c) 6.
d) 8.
e) 10.
73) Uma substância orgânica de massa molecular 42 é representada pela fórmula mínima CH2. O número
de átomos de carbono em cada molécula da substância é:
Dados: H = 1 u; C = 12 u.
a) 2.
b) 3.
c) 4.
d) 5.
e) 6.
74) Uma substância de fórmula mínima C2H3O2 tem massa molecular igual a 118. A sua fórmula molecular
é: Dados: H = 1u; C = 12 u; O = 16 u
a) C2H3O2.
b) C2H6O2.
c) C4H3O2.
d) C4H6O4.
e) C6H9O6.
75) Uma substância tem massa molecular 200 e contém 72% de carbono, 16% de oxigênio e 12% de
hidrogênio. Qual a sua fórmula molecular?
Dados: H = 1 u.; C = 12 u.; O = 16 u.
a) C6H12O
b) C10H16O4
c) C11H20O3
d) C12H24O2
e) C13H28O
Prof. Agamenon Roberto LEIS DAS REAÇÕES QUÍMICAS www.agamenonquimica.com 17
76) (Ibero-Americana-SP) A fórmula molecular de um óxido de fósforo que apresenta 43,6% de fósforo,
56,4% de oxigênio (% em massa) e massa molecular 142 é:
Dados: O = 16 u.; P = 31 u.
a) P2O3.
b) PO5.
c) P3O2.
d) PO2.
e) P2O5.
77) (CARLOS CHAGAS) Uma substância possui fórmula mínima C4H5N2O e massa molecular 194 u. O
número de átomos de nitrogênio contidos em uma única molécula da substância vale:
Dados: C = 12 u; H = 1 u; N = 14 u; O = 16 u.
a) 1.
b) 2.
c) 3.
d) 4.
e) 5.
78) A fórmula mínima de uma substância é CH2 e sua massa molecular é 70 uma.
Dados: H = 1 uma; C = 12 uma
0 0 A fórmula molecular dessa substância é C5H10.
1 1 O peso molecular da fórmula mínima é 14 u.m.a.
2 2 A massa molar deste composto é igual a 70g.
3 3 Neste composto encontramos 12 mols de átomos.
4 4 Em 70g deste compostos existem 6,02 x 10 23 moléculas.
79) (FESP-PE) A pirita de ferro, conhecida como ouro dos trouxas, tem a seguinte composição centesimal:
46,67% de Fe e 53,33% de S. Sabe-se também que 0,01 mol de pirita tem massa correspondente a
1,20 g. A fórmula que corresponde à pirita é:
Dados: Fe = 56 g/mol; S = 32 g/mol.
a) FeS2.
b) FeS.
c) Fe2S.
d) Fe2S3.
e) Fe3S.
80) (PUCCAMP) Em 0,5 mol de quinina, substância utilizada no tratamento da malária, há 120g de carbono,
12g de hidrogênio, 1 mol de átomos de nitrogênio e 1 mol de átomos de oxigênio. Pode-se concluir que
a fórmula molecular da quinina é:
Dados: C = 12 u; H = 1 u; N = 14 u; O = 16 u.
a) C20H12N2O2.
b) C20H24N2O2.
c) C10H12NO.
d) C10H6N2O2.
e) C5H6NO.
81) (ITA-SP) Um certo composto AXBY contém 9,1% em massa de A e o resto sendo de B. Se a massa
atômica do elemento A for 30 u e a de B for 100 u, será possível concluir que:
a) X/Y = 1.
b) X/Y = 1/2.
c) X/Y = 1/3.
d) X/Y = 2.
e) X/Y = 3.
82) (Covest-2005) Uma substância pura foi analisada em laboratório e foram obtidos os seguintes
resultados: Teor de H = 0,4 g, teor de C = 2,4 g e teor de O = 3,2 g. Sendo a fórmula mínima desta
substância H CmOn, calcule a soma +m+n. Dados H (A = 1), C (A = 12), O (A = 16).
Resposta: 04
Justificativa:
A proporção em número de moles é: H : C : O = (0,4/1) : (2,4/12) : (3,2/16) = 0,4 : 0,2 : 0,2 = 2 : 1 : 1, cuja soma é 4.
Prof. Agamenon Roberto LEIS DAS REAÇÕES QUÍMICAS www.agamenonquimica.com 18
83) Uma dada substância X é um aromatizante utilizado na industria alimentícia como essência artificial de
morango. Calcule as fórmulas percentual, mínima e molecular dessa substância sabendo que a
decomposição de 5,8g desse composto fornece 3,6g de carbono, 0,6g de hidrogênio e 1,6g de
oxigênio.
Dados: substância X = 116 g/mol; carbono = 12 g/mol; hidrogênio = 1 g/mol; oxigênio = 16 g/mol.
84) (Mackenzie-SP) Ao se analisar um óxido de elemento não metálico Y, encontrou-se a proporção de
1,5 mols de átomos de oxigênio para 1 mol de átomos de Y. A fórmula desse óxido pode ser:
a) OF2.
b) SO3.
c) CO2.
d) Fe2O3.
e) N2O3.
85) (PUC-SP) Em um laboratório foram realizadas reações entre ferro (Fe) e bromo (Br2), produzindo um
brometo de ferro. Os dados obtidos estão resumidos na tabela abaixo:
ferro bromo brometo de ferro
massa inicial
massa final
massa inicial
massa final
40g 120g 0g
12g 0g 148g
7g 40g 0g
0g x g 37g
Assinale a alternativa que indica corretamente, respectivamente, o valor de “x” e a fórmula do brometo
de ferro.
Dados: Fe = 56 u; Br = 80u.
a) 10g e FeBr4.
b) 10g e FeBr3.
c) 20g e FeBr2.
d) 5g e FeBr2.
e) 30g e FeBr3.
86) O urânio é usado como combustível em usinas nucleares, inicialmente na forma de óxido de urânio IV
(UO2). Uma pequena amostra de 0,169g de urânio metálico foi aquecida a 800-900oC no ar, produzindo
um óxido verde escuro. Considere que o urânio metálico foi completamente convertido a óxido de urânio
e que as massas molares de urânio e oxigênio são respectivamente 238g/mol e 16g/mol. Assinale a
alternativa CORRETA.
a) Foram produzidos 0,169 g de óxido de urânio com o aquecimento do metal.
b) Foram produzidos 7,1 x 10-4 mol de óxido de urânio após a transformação completa do metal.
c) Foram consumidos 0,338 g de oxigênio para a formação do óxido de urânio nestas condições.
d) Devem ser consumidos 2 mol de oxigênio na formação do óxido de urânio para esta reação ocorrer.
e) Nenhuma das alternativas anteriores.
87) Nas viagens espaciais, para eliminar o CO2 produzido pela respiração dos tripulantes, faz-se necessário
o uso de determinadas substâncias no interior da cápsula espacial. Existem três substâncias que
podem consumir o gás carbônico produzido, conforme as equações químicas apresentadas abaixo:
2Na2O2 (s) + 2CO2 (g) 2Na2CO3 (s) + O2 (g)
Mg(OH)2 (s) + CO2 (g) MgCO3 (s) + H2O (l)
2LiOH (s) + CO2 (g) Li2CO3 (s) + H2O (l)
Um dos critérios para escolha da substância a ser utilizada pode ser o maior consumo de CO2 por
grama da substância. Considere uma viagem com duração de três meses feita por dois tripulantes
adultos e, ainda, que um adulto elimina cerca de 20 mol de CO2 por dia.
(DADOS: Massas atômicas relativas: Na = 23; O = 16; C = 12; Mg = 24; H = 1, Li = 7)
Assinale a alternativa correta.
a) A cápsula espacial deverá conter, no mínimo, 105 kg de hidróxido de magnésio.
b) A cápsula espacial deverá conter, no mínimo, 1.800 mol de peróxido de sódio.
c) A cápsula espacial deverá conter, no mínimo, 3.600 mol de hidróxido de lítio.
d) A cápsula espacial deverá conter, no mínimo, 3.600 mol de hidróxido de magnésio.
e) A cápsula espacial deverá conter, no mínimo, 245 kg de hidróxido de lítio.
Prof. Agamenon Roberto LEIS DAS REAÇÕES QUÍMICAS www.agamenonquimica.com 19
88)(Covest-2008) O principal componente inorgânico dos ossos no corpo humano é a hidroxiapatita,
Ca10(PO4)6(OH)2, que constitui 70% da massa óssea. O corpo humano possui em sua composição 1,5%
em massa de cálcio, concentrado justamente no esqueleto. Qual será, aproximadamente, a massa
óssea de uma pessoa com 70 kg? (Massas atômicas: Ca = 40; P = 31; O =16; H = 1. Considere que a
massa molar da hidroxiapatita é 1.000 g/mol.)
a) 1.000 g.
b) 1,05 kg
c) 2.500 g.
d) 3,75 kg.
e) 25 kg.
89) A equação de ustulação da pirita (FeS2) é:
4 FeS2(s) + 11 O2(g) 8 SO2(g) + 2 Fe2O3(s)
Qual a massa de óxido férrico obtida, em kg, a partir de 300 kg de pirita, que apresenta 20% de
impurezas, com a reação tendo um rendimento de 90%?
Dados: Fe = 56 g/mol; S = 32 g/mol; O = 16 g/mol.
LEIS VOLUMÉTRICAS
90) (FESP-90) Analise atentamente as afirmativas abaixo e assinale na coluna I as proposições verdadeiras
(corretas) e na coluna II as proposições falsas (incorretas):
0 0 Volumes iguais de gases quaisquer, contém o mesmo número de moléculas, apenas
quando estão estiverem submetidos às CNTP.
1 1 Uma molécula–grama de qualquer substância, quando submetida as CNTP, ocupa o
volume de 22,4 litros.
2 2 Uma molécula de água pesa 18,0g e, é constituída por dois átomos de hidrogênio e um
de oxigênio ligados covalentemente.
3 3 Uma substância composta quando fracionada por determinado processo químico, pode
originar uma outra substância composta.
4 4 Em qualquer reação química em condições padrão, há uma conservação do número de
moléculas de cada substância participante da reação.
91) (Covest-90) Como produto da eletrólise da água, recolhe-se gás oxigênio no eletrodo positivo (ânodo) e
gás hidrogênio no eletrodo negativo (cátodo). Assinale que afirmativa representa a razão entre os
volumes dos gases recolhidos, nas mesmas condições de temperatura e pressão.
a) 1 volume de oxigênio para 1 volume de hidrogênio.
b) 2 volumes de oxigênio para 1 volume de hidrogênio.
c) 1 volume de oxigênio para 3/2 volumes de hidrogênio.
d) 1 volume de oxigênio para 2 volumes de hidrogênio.
e) 3/2 volumes de oxigênio para 1 volume de hidrogênio.
Prof. Agamenon Roberto LEIS DAS REAÇÕES QUÍMICAS www.agamenonquimica.com 20
92) (CESGRANRIO) De uma reação, em que todos os participantes são gases, obtêm-se as seguintes
informações:
REAGENTES PRODUTOS
Substâncias XaYb Z2 XZ2 Y2Z
Volumes 2 L 7 L 4 L 6 L
Onde X, Y e Z são símbolos de elementos químicos. Os reagentes estão presentes nas quantidades
estequimétricas e o rendimento da reação é 100%. Os volumes foram medidos nas mesmas condições
de temperatura e pressão.
A fórmula molecular da substância XaYb é:
a) XY3.
b) X2Y6.
c) X4Y6.
d) X2Y3.
e) X3Y2.
93) Considere como gasosos todos os participantes da reação a seguir (equação não-balanceada):
Reagentes Produtos
Substância
Volume 2 L 13 L 8 L 10 L
A xB y + D2 A D2 + B2D
em que A, B e D, são símbolos de elementos químicos. Os reagentes estão presentes nas quantidades
estequiométricas e o rendimento da reação é 100%. Os volumes foram medidos nas mesmas
condições de temperatura e pressão.
A fórmula molecular da substância AxBy é:
a) A3B2.
b) A4B10.
c) AB3.
d) A2B6.
e) A4B6.
94) (MACKENZIE-SP) Para a equação abaixo, têm-se valores estequimétricos colocados nos quadros (I) e
(II):
N2 + 3 H2 2 NH3
(I) 28g 6g 34g
(II) 22,4 L 67,2 L 44,8 L (0°C e 1 atm)
É correto afirmar que, usando somente esses valores, verifica-se que a lei de:
a) Proust pode ser aplicada com os valores de (I) somente.
b) Lavoisier pode ser aplicada com os valores de (II), embora não seja obedecida.
c) Gay-Lussac pode ser demonstrada com os valores de (II) e que a lei de Lavoisier é demonstrada
com os valores de (I).
d) Gay-Lussac pode ser aplicada usando-se os valores de (I) e (II).
e) Proust está demonstrada com os valores de (II).
95) Para areação 2 SO2(g) + O2(g) 2 SO3(g), quantos litros de trióxido de enxofre (SO3) seriam produzidos a
partir de 10 litros de O2, considerando-se que todos os volumes foram medidos nas mesmas condições
de temperatura e pressão?
a) 5 L.
b) 10 L.
c) 20 L.
d) 30 L.
e) 40 L.
Prof. Agamenon Roberto LEIS DAS REAÇÕES QUÍMICAS www.agamenonquimica.com 21
96) Em certo reator foram adicionados 6 litros de gás hidrogênio. Considerando a reação a seguir, calcule o
volume, em litros, de amônia gasosa produzido. Considere que os gases estão submetidos a iguais
condições de pressão e temperatura.
H2(g) + N2(g) NH3(g)
a) 1 L.
b) 2 L.
c) 3 L.
d) 4 L.
e) 5 L.
97) 2 litros de oxigênio (O2) transformados em ozônio (O3), sob pressão e temperaturas constantes,
produzirão, aproximadamente:
a) 1,0 L.
b) 1,3 L.
c) 1,5 L.
d) 2,0 L.
e) 3,0 L.

REAÇÕES INORGÂNICAS

Prof. Agamenon Roberto REAÇÕES INORGÂNICAS www.agamenonquimica.com 1
EXERCÍCIOS DE APROFUNDAMENO
01) (UCS-RS) A transformação representada pelo esquema abaixo evidencia:
+
a) uma mistura homogênea.
b) uma mistura heterogênea.
c) uma reação química.
d) um fenômeno físico.
e) um processo de síntese.
02) A equação refere-se à transformação de ozônio em oxigênio comum, representada pela equação:
2 O3 3 O2
Os números 2 e 3 que aparecem no lado esquerdo da equação representam, respectivamente:
a) Coeficiente estequiométrico e número de átomos da molécula.
b) Coeficiente estequiométrico e número de moléculas.
c) Número de moléculas e coeficiente estequiométrico.
d) Número de átomos da molécula e coeficiente estequiométrico.
e) Número de átomos da molécula e número de moléculas.
03) Considere as equações:
I . Zn + 2 HCl ZnCl2 + H2
II . P2O5 + 3 H2O 2 H3PO4
III. AgNO3 + NaCl AgCl + NaNO3
IV.CaO + CO2 CaCO3
V. 2 H2O 2 H2 + O2
É considerada uma reação de decomposição:
a) I.
b) II.
c) III.
d) IV.
e) V.
04) A seqüência que representa, respectivamente, reações de síntese, análise, simples troca e dupla troca
são:
I. Zn + Pb(NO3)2 Zn(NO3)2 + Pb
II. FeS + 2 HCl FeCl2 + H2S
III. 2 NaNO3 2 NaNO2 + O2
IV. N2 + 3 H2 2 NH3
a) I, II, III e IV.
b) III, IV, I e II.
c) IV, III, I e II.
d) I, III, II e IV.
e) II, I, IV e III.
05) No filme fotográfico, quando exposto à luz, ocorre à reação:
2 AgBr 2 Ag + Br2
Essa reação pode ser classificada como:
a) pirólise.
b) eletrólise.
c) fotólise.
d) síntese.
e) simples troca.
Prof. Agamenon Roberto REAÇÕES INORGÂNICAS www.agamenonquimica.com 2
06) Dadas as equações:
I - CuCl2 + H2SO4 CuSO4 + 2 HCl
II - CuSO4 + 2 NaOH Cu(OH)2 + Na2SO4
III - Cu(OH)2 CuO + H2O
A classificação da reação equacionada e o nome do composto assinalado em negrito são:
a) Em I - dupla troca e sulfato de cobre I.
b) Em III - síntese e óxido cúprico.
c) Em II - dupla troca e hidróxido cúprico.
d) Em III - análise e óxido cuproso.
e) Em I - simples troca e sulfato de cobre II.
07) (UFPA) Observe as reações I e II abaixo:
NH NH
HgO Hg O2
3 4
2 2
+
+
I. HCl Cl
II.
Podemos afirmar que I e II são, respectivamente, reações de:
a) síntese e análise.
b) simples troca e síntese.
c) dupla troca e análise.
d) análise e síntese.
e) dupla troca e simples troca.
08) “Na reação de sódio metálico com água ocorre.......................e forma-se ............ .".
A alternativa que preenche corretamente à frase é:
a) libertação de oxigênio, hidróxido de sódio.
b) fusão do sódio, óxido de sódio.
c) eletrólise, hidreto de sódio.
d) hidrólise, íons hidrônio.
e) libertação de hidrogênio, hidróxido de sódio.
09) Ao se misturar solução de ácido sulfúrico com bicarbonato de sódio em pó, obtém-se uma substância
gasosa que geralmente é empregada como:
a) combustível.
b) agente de limpeza.
c) fertilizante.
d) extintor de chamas.
e) anestésico.
10) Dada à equação iônica:
Na 1+
(aq) + CO3
2-
(aq) + H 1+
(aq) + Cl -
(aq) efervescência + íons,
Concluímos que:
a) A efervescência é devida à formação de NaCl.
b) Na2CO3 é um sal insolúvel em água.
c) H2CO3 é um precipitado.
d) NaCl é insolúvel em água.
e) H2CO3 se decompõe em H2O e CO2.
11) Dada a equação:
x KClO3 y KCl + z O2, pode-se afirmar que:
0 0 é de dupla troca.
1 1 é de decomposição.
2 2 o composto KClO3 é o perclorato de potássio.
3 3 o composto KCl é um ácido.
4 4 é uma pirólise.
Prof. Agamenon Roberto REAÇÕES INORGÂNICAS www.agamenonquimica.com 3
12)Nas transformações indicadas abaixo, e que não estão equacionadas, quais etapas em que o ferro
sofreu oxidação?
I II III IV
Fe FeS FeSO4 Fe2(SO4)3 Fe2O3
a) I e II.
b) II e III.
c) I e IV.
d) II e IV.
e) I e III.
13) A combustão do gás metano (CH4) é representada pela equação química:
CH4 + 2 O2 CO2 + 2 H2O + calor
Podemos afirmar, sobre esta reação, que:
a) é uma reação de síntese ou adição.
b) pode ser classificada como reação de dupla troca.
c) é uma fotólise.
d) é reação de oxi-redução.
e) ocorre na ausência do oxigênio.
14) O dicromato de amônio, um sólido alaranjado, quando aquecido, produz gás nitrogênio, vapor de água e
óxido de cromo. Sobre esta reação, corretamente balanceada, com os coeficientes inteiros menores
possíveis, afirma-se:
(NH4)2Cr2O7 N2 + Cr2O3 + H2O
0 0 É reação de síntese ou adição.
1 1 São produzidos 4 mols de água.
2 2 É reação de oxi-redução.
3 3 O nitrogênio sofre oxidação
4 4 Pode ser classificada como reação de análise.
15) Desde que a terra se formou, a todo instante as substâncias nela presentes estão continuamente se
transformando. Durante o dia as plantas transformam a água e o gás carbônico em glicose e oxigênio,
por meio da fotossíntese. Pela respiração os seres vivos, em geral, convertem a glicose em gás
carbônico e água. Para a química estas transformações são denominadas de:
a) fenômenos físicos.
b) fórmulas.
c) equações.
d) reações químicas.
e) propriedade.
16) Há reações químicas que só se processam sob ação da luz como as reações da fotossíntese e a
decomposição natural da água oxigenada. Este tipo de reação tem o nome especial de:
a) pirólise.
b) hidrólise.
c) fotólise.
d) eletrólise.
e) radioatividade.
17) Colocando-se fragmentos de cobre em solução aquosa de ácido sulfúrico ocorre a formação de gás
hidrogênio e sulfato de cobre. Esta reação tem sua equação representada abaixo. Podemos classificar
esta reação como:
Cu + H2SO4 CuSO4 + H2
a) análise total.
b) síntese.
c) simples troca.
d) dupla substituição.
e) decomposição.
Prof. Agamenon Roberto REAÇÕES INORGÂNICAS www.agamenonquimica.com 4
18) (FUVEST-SP) A decomposição térmica do dicromato de amônio é representada pela equação:
1 (NH4)2Cr2O7 N2 + CrxOy + z H2O
Os valores de x, y e z são, respectivamente:
a) 2, 3 e 4.
b) 2, 7 e 4.
c) 2, 7 e 8.
d) 3, 2 e 4.
e) 3, 2 e 8.
19) Uma aplicação importante do bicarbonato de sódio é como fermento de pães e bolos. O crescimento da
massa deve-se à liberação de CO2 obtido na decomposição do bicarbonato de sódio, a qual pode ser
representada por:
2 NaHCO3 Na2CO3 + CO2 + H2O
Sobre esta reação é correto afirmar:
a) Não se encontra corretamente balanceada.
b) É reação de síntese ou adição.
c) Pode ser classificada como reação de oxi-redução.
d) É de dupla troca ou duplo deslocamento.
e) Pode ser classificada como reação de análise.
20) (UFPI) A reação de X com Y é representada abaixo. Indique qual das equações melhor representa a
equação química balanceada.
= átomo de X; = átomo de Y
a) 2 X + Y2 2 XY
b) 6 X + 8 Y 6 XY + 2 Y
c) 3 X + Y2 3 XY + Y
d) X + Y XY
e) 3 X + 2 Y2 3 XY + Y2
21) Em determinadas situações, como o nervosismo ou alimentação inadequada, o ácido clorídrico (HCl) é
produzido em grandes quantidades, causando acidez estomacal. Essa acidez pode ser regulada com o
uso de antiácido composto de hidróxido de magnésio [Mg(OH)2] e hidróxido de alumínio [Al(OH)3], duas
bases que reduzem a acidez gástrica em níveis normais. As reações que ocorrem estão representadas
abaixo e são classificadas como:
2 HCl + Mg(OH)2 MgCl2 + 2 H2O
3 HCl + Al(OH)3 AlCl3 + 3 H2O
a) reações de síntese.
b) reações de análise.
c) reações de dupla troca.
d) reações de deslocamento.
e) reações de oxi-redução.
Prof. Agamenon Roberto REAÇÕES INORGÂNICAS www.agamenonquimica.com 5
22) (UPE-2007 – Q1) Em relação às funções inorgânicas, é correto afirmar que:
a) A única substância gasosa responsável pelo efeito estufa é o gás carbônico.
b) O carbonato de cálcio é uma substância encontrada na natureza, apenas na forma de rochas e
mármore.
c) Colocando-se um palito de fósforo aceso em um tubo de ensaio onde ocorre a reação entre o
carbonato de cálcio e uma solução aquosa de ácido clorídrico a chama se apagará.
d) Na operação de diluição de um ácido concentrado em laboratório, deve-se adicionar a água
destilada ao ácido e, em seguida, homogeneizá-lo com um bastão de vidro.
e) Quando aquecemos o hidróxido de sódio em laboratório, há a decomposição dessa base
originando o óxido de sódio e água.
23) (MACK-SP) Observando a equação: 2 Al(s) + 6 HCl(aq) 2 AlCl3(aq) + 3 H2(g), podemos concluir que:
a) o ácido clorídrico não pode ser guardado em recipiente de alumínio.
b) nessa reação há formação de duas substâncias sólidas.
c) o balanceamento da equação está incorreto.
d) o alumínio, no AlCl3, tem número de oxidação igual a zero.
e) representa uma reação de dupla troca.
24)(UPE-2007 – Q2) As afirmativas abaixo estão relacionadas às propriedades dos compostos inorgânicos,
analise-as e conclua.
0 0 A presença de CO2 desprendido de um sistema reacional indica, com certeza, que
ocorreu a reação entre o carbonato de cálcio e o ácido clorídrico.
1 1 Ferro metálico, reagindo com soluções diluídas de ácido clorídrico ou nítrico, origina sais
de ferro, nos quais o metal se encontra no seu estado de maior número de oxidação.
2 2 O sulfato ferroso sempre se forma como um produto da reação entre o ácido sulfúrico
diluído e o ferro metálico.
3 3 Para cada mol de peróxido de sódio, que reage com quantidade conveniente de água,
forma-se como um dos produtos da reação meio mol de oxigênio.
4 4 Os óxidos dos metais, ao reagirem com água destilada, sempre originam hidróxidos
fortes, porém quase sempre insolúveis em água.
25) Dadas as equações:
I. CuCl2 + H2SO4 CuSO4 + 2 HCl
II. CuSO4 + 2 NaOH Cu(OH)2 + Na2SO4
III. Cu(OH)2 CuO + H2O
0 0 A reação I é de dupla troca.
1 1 A reação II é de oxi-redução.
2 2 Podemos classificar a reação III como decomposição.
3 3 As três reações estão corretamente balanceadas.
4 4 Apenas a reação III é de oxi-redução
26) (Covest-2004) A ferrugem é composta principalmente por Fe2O3. Após o balanceamento da equação
abaixo, a proporção de ferro e oxigênio necessária para formar 2 mol de óxido de ferro III será:
Fe(s) + O2(g) Fe2O3(s)
a) 1 mol de Fe para 1 mol de O2.
b) 1 mol de Fe para 3 mol de O2.
c) 2 mol de Fe para 3 mol de O2.
d) 4 mol de Fe para 3 mol de O2.
e) 3 mol de Fe para 2 mol de O2.
27) Acertando os coeficientes da equação Fe2O3 + C Fe + CO com os menores números inteiros
possíveis, a soma dos coeficientes da equação será igual a:
a) 4.
b) 6.
c) 7.
d) 8.
e) 9.
Prof. Agamenon Roberto REAÇÕES INORGÂNICAS www.agamenonquimica.com 6
28) Completando a reação H3PO4 + Ba(OH)2 ............. + H2O e acertando os coeficientes, a
alternativa que corresponde aos coeficientes estequiometricamente corretos é:
a) 2, 3, 3, 6.
b) 2, 3, 1, 6.
c) 1, 1, 3, 1.
d) 1, 3, 1, 1.
e) 1, 1, 1, 1.
29) A seqüência de reações:
x KHCO3 M + CO2 + H2O
CO2 + Ba(OH)2 N + H2O
Ficará correta se x, M e N forem substituídos respectivamente por:
a) 1, K2CO3 e Ba2CO3.
b) 1, K2O2 e Ba2C.
c) 2, K2O e BaCO3.
d) 2, K2CO3 e Ba2HCO3.
e) 2, K2CO3 e BaCO3.
30) O hidróxido de alumínio reage com o ácido sulfúrico produzindo sulfato de alumínio e água, de acordo
com a equação abaixo:
Al(OH)3 + H2SO4 Al2(SO4)3 + H2O
Acertando os coeficientes desta equação com os menores números inteiros possíveis afirma-se que:
a) O coeficiente do ácido é igual a 2.
b) Temos para a água coeficiente igual 2.
c) A soma de todos os coeficientes é 12.
d) Os coeficientes são, respectivamente, 3, 2, 6 e 1.
e) O oxidante possui coeficiente igual a 3.
31) A reação de neutralização total H3PO4 + Ba(OH)2 Ba3(PO4)2 + H2O após ser balanceada apresentará
os seguintes coeficientes estequiométricos, respectivamente:
a) 2, 3, 3, 6.
b) 2, 3, 1, 6.
c) 1, 1, 3, 1.
d) 1, 3, 1, 1.
e) 1, 1, 1, 1.
32) Dadas as equações químicas não balanceadas:
Al(OH)3 + H2SO4 Al2(SO4)3 + H2O
C3H8 + O2 CO2 + H2O
As somas dos coeficientes (menores e inteiros possíveis) de cada equação química são,
respectivamente:
a) 12 e 12.
b) 12 e 13.
c) 15 e 14.
d) 10 e 11.
e) 10 e 10.
33) (Faap-SP) No interior do alto - forno de uma usina siderúrgica, ocorrem várias reações químicas; uma
das reações é Fe2O3 + CO Fe + CO2, com obtenção de ferro metálico. Balanceando a reação acima,
os coeficientes da reação serão, respectivamente:
a) 1 , 2 , 2 , 2.
b) 1 , 3 , 2 , 3.
c) 2 , 2 , 4 , 4.
d) 1 , 3 , 2 , 4.
e) 2 , 3 , 2 , 1.
Prof. Agamenon Roberto REAÇÕES INORGÂNICAS www.agamenonquimica.com 7
34) Balanceie a equação química abaixo com os menores valores inteiros possíveis e assinale a alternativa
que mostra à soma de todos os coeficientes estequiométricos.
Bi2O3 + NaClO + NaOH NaBiO3 + NaCl + H2O
a) 10.
b) 14.
c) 18.
d) 20.
e) 24.
35) (Unimep-SP) O sulfeto de hidrogênio é oxidado, em solução aquosa, pelo ácido nítrico, de acordo com a
equação:
H2S + HNO3 H2SO4 + NO2 + H2O
Efetuando-se o seu balanceamento, pode-se concluir que a soma de seus coeficientes é:
a) 12.
b) 25.
c) 15.
d) 18.
e) 22.
36) Dada à equação não-balanceada:
K2Cr2O7 + H2O2 + H2SO4 K2SO4 + Cr2(SO4)3 + H2O + O2
Após ajustagem, quando o coeficiente estequiométrico do Cr2(SO4)3 for 1, o coeficiente do O2 será:
a) 3.
b) 7.
c) 2.
d) 6.
e) 5.
37) (UERJ) A equação abaixo representa uma reação possível pelo contato, em presença de saliva, de uma
obturação de ouro e outra de prata. Nesta equação, depois de ajustada, a soma de todos os
coeficientes, considerando os menores inteiros, é:
Au 3+ + Ag Ag 1+ + Au
a) 4.
b) 6.
c) 8.
d) 12.
e) 16.
38) Os filtros contendo carvão ativo procuram eliminar o excesso de cloro na água tratada.
Pode ocorrer a reação:
Cl2 + C + H2O CO2 + H 1+ + Cl 1-
Balanceando a equação com os menores números inteiros possíveis, firma-se:
0 0 A soma dos coeficientes das substâncias dos reagentes é igual a 6.
1 1 O coeficiente do gás carbônico é 3.
2 2 São consumidos 5 mols de Cl2.
3 3 A soma de todos os coeficientes é igual a 8.
4 4 O cloro sofre redução.
39) (UNICAP-2007/Q1) Considere a reação representada pela equação química não balanceada:
H2S + Br2 + H2O H2SO4 + HBr
Nesse processo, pode-se afirmar que:
0 0 O Br2 é o agente redutor.
1 1 O H2SO4 é o agente oxidante.
2 2 A reação representada pela equação química é de dupla troca.
3 3 Para cada mol de Br2 consumido, é produzido 1 mol de HBr.
4 4 Os menores coeficientes de H2S e Br2, na equação balanceada, são 1 e 4,
respectivamente.
Prof. Agamenon Roberto REAÇÕES INORGÂNICAS www.agamenonquimica.com 8
40) Os filtros contendo carvão ativo procuram eliminar o excesso de cloro na água tratada.
Pode ocorrer a reação:
Cl2 + C + H2O CO2 + H 1+ + Cl 1-
Balanceando a equação com os menores números inteiros possíveis, qual a soma dos coeficientes do
1º membro?
a) 4.
b) 5.
c) 6.
d) 7.
e) 8.
41) A soma dos menores coeficientes inteiros da reação de óxido - redução a seguir, o agente oxidante e o
agente redutor são, respectivamente:
MnO4
1 – + Cl 1 – + H + Mn 2+ + Cl2 + H2O
a) 27, Mn 2+ , H +.
b) 15, Mn 2+ , Cl2.
c) 43, MnO4
1 – , Cl 1 – .
d) 28, Mn 2+ , Cl 1 – .
e) 43, MnO4
1 – , Cl2.
42) Considere a equação:
a Al(s) + b Cu2+
(aq) c Al3+
(aq) + d Cu(s)
Após seu balanceamento, tem-se os seguintes valores:
a) a = b = c = d = 1.
b) a = 1, b = 2, c = 1, d = 2.
c) a = 2, b = 1, c = 2, d = 1.
d) a = 2, b = 3, c = 2, d = 3.
e) a = 3, b = 2, c = 3, d = 2.
43) Seja a equação de redox:
CrO4
– 2 + I – 1 + H + Cr+ 3 + I2 + H2O
A soma total dos coeficientes mínimos e inteiros das espécies envolvidas, após o balanceamento, da
equação, é igual a:
a) 24.
b) 26.
c) 29.
d) 35.
e) 37.
44) Ajustando-se os coeficientes da equação, com os menores números inteiros possíveis, encontraremos,
respectivamente:
Cr2O7
2 – + H2O2 + H+ Cr3+ + H2O + O2
a) 1, 3, 8, 2, 7, 3.
b) 1, 3, 4, 2, 2, 3.
c) 2, 3, 8, 4, 7, 3.
d) 1, 3, 8, 1, 7, 5.
e) 2, 3, 4, 2, 7, 5.
45) (CESUBRA-DF) A equação iônica não balanceada entre íons Fe+ 2 e íons MnO4
– em meio ácido está
representada pela equação Fe + 2 + MnO4
– + H3O+ Fe + 3 + Mn + 2 + H2O. Julgue as afirmações:
0 0 O ânion MnO4
– atua como oxidante do processo.
1 1 Cada mol de íons Fe + 2 recebe um mol de elétrons.
2 2 O menor coeficiente inteiro da água na equação balanceada é 12.
3 3 Um mol de íons MnO4
– é reduzido por cinco mols de íons Fe + 2.
4 4 O coeficiente do redutor é 5.
Prof. Agamenon Roberto REAÇÕES INORGÂNICAS www.agamenonquimica.com 9
46) (UPE-2004-Q2) Analise as equações que correspondem às reações químicas possíveis de ocorrerem.
I. Na2SO4 (aq) + 2 CH3COOH (aq) 2 CH3COONa (aq) + H2SO4 (aq)
II. Na2CO3 (aq) + 2 HCl (aq) 2 NaCl (aq) + H2O ( ) + CO2 (g)
III. Fe2(SO4)3 (aq) + 3 Cu (s) 3 CuSO4 (aq) + 2 Fe (s)
IV. 2 Au (s) + H2SO4 (aq) AuSO4 (aq) + H2 (g)
V. Na2O (aq) + SO3 (g) Na2SO4 (aq)
VI. 3 (NH4)2S (aq) + Fe2(SO4)3 (aq) Fe2S3 (s) + 3 (NH4)2SO4 (aq)
VII. CuSO4 (aq) + 2 NaOH (aq) Cu(OH)2 (s) + Na2SO4 (aq)
Assinale a alternativa que contempla as equações químicas corretas.
a) I,II, V e VII, apenas.
b) II, V, VI e VII, apenas.
c) II, IV, V e VII, apenas.
d) VI e VII, apenas.
e) IV, V, VI e VII, apenas.
47) (UPE-2004-Q2) Assinale a substância que pode ser utilizada para limpar uma bandeja de cobre
escurecida pelo tempo:
a) nitrato de cobre.
b) óxido de chumbo.
c) hidróxido de cobre II.
d) água.
e) ácido etanóico.
48) No seguinte trecho (adaptado) de uma peça teatral de C. Djerassi e R. Hoffmann, as esposas de três
químicos do século XVIII conversam sobre um experimento feito com uma mistura de gases.
“Senhora Pohl:
Uma vez o farmacêutico Scheele estava borbulhando [a mistura gasosa] através de uma espécie de
água.
Madame Lavoisier:
Deve ter sido água de cal.
Senhora Priestley:
A água ficou turva, não ficou?
Madame Lavoisier:
É o mesmo gás que expiramos... o gás que removemos com a passagem através da água de cal.
Senhora Pohl
Depois ele me pediu que colocasse no gás remanescente um graveto já apagado, apenas em brasa
numa das extremidades. Já estava escurecendo.
Senhora Priestley:
E o graveto inflamou-se com uma chama brilhante... e permaneceu aceso!”
Empregando símbolos e fórmulas atuais, podem-se representar os referidos componentes da mistura
gasosa por:
a) CO2 e O2.
b) CO2 e H2.
c) N2 e O2.
d) N2 e H2.
e) CO e O2.
Prof. Agamenon Roberto REAÇÕES INORGÂNICAS www.agamenonquimica.com 10

OXIDAÇÃO E REDUÇÃO

Prof. Agamenon Roberto OXIDAÇÃO E REDUÇÃO www.agamenonquimica.com 1
OXIDAÇÃO E REDUÇÃO
01) (Mogi-SP) O número de oxidação do manganês no permanganato de potássio (KMnO4) é:
a) + 2.
b) + 3.
c) + 5.
d) + 7.
e) – 8.
02) (Vunesp) Indique, dentre as substâncias apresentadas, a que contém nitrogênio com numero de
oxidação mais elevado.
a) N2
b) NaN3
c) N2O3
d) NH4Cl
e) HNO3
03)Considere os compostos de fórmulas: NaNO2; H2PO3; Ba2As2O7
Os Nox dos elementos que pertencem à família 15, presente nesses compostos, são, respectivamente:
a) + 1, + 1 e + 2.
b) + 2, – 4 e – 5.
c) + 3, – 2 e – 5.
d) + 3, + 1 e + 3.
e) + 3, + 4 e + 5.
04)Descobertas recentes da medicina indicam a eficiência do óxido nítrico, NO, no tratamento de
determinado tipo de pneumonia. Sendo facilmente oxidado a NO2, quando preparado em laboratório, o
ácido nítrico deve ser recolhido em meio que não contenha oxigênio. Os Nox do nitrogênio no NO e
NO2 são, respectivamente:
a) + 3 e + 6.
b) + 2 e + 4.
c) + 2 e + 2.
d) zero e + 4.
e) zero e + 2.
05) (UEFS-BA) Os números de oxidação do fósforo, carbono e enxofre, respectivamente, nos compostos,
Na4P2O7, CaC2 e Na2S, são:
a) + 5, – 1 e – 2.
b) + 7, – 4 e – 3.
c) + 3, + 2 e + 3.
d) + 5, – 2 e – 1.
e) + 3, + 4 e – 2.
06) (Vunesp) No mineral perovskita, de fórmula mínima CaTiO3, o número de oxidação do titânio é:
a) + 4.
b) + 2.
c) + 1.
d) – 1.
e) – 2.
07) A substância na qual o manganês apresenta maior número de oxidação é:
a) KMnO4.
b) K2MnO4.
c) MnO2.
d) Mn.
e) MnSO4.
Prof. Agamenon Roberto OXIDAÇÃO E REDUÇÃO www.agamenonquimica.com 2
08) Nas substâncias: Cl2, KCl, NaClO4, AlCl3
Os números de oxidação do cloro são respectivamente:
a) 0, – 1, + 7, – 3.
b) 0, – 1, + 7, – 1.
c) – 1, + 1, – 1, + 7.
d) – 1, 0, – 7, + 1.
e) 0, + 1, – 7, + 3.
09) (UGF-RJ) Os números de oxidação dos halogênios nos compostos KBr, NaIO3, F2 e Cl2O3 são,
respectivamente:
a) – 1, + 5, 0, + 3.
b) – 1, – 5, – 2, – 3.
c) + 1, – 1, – 2, + 2.
d) + 1, + 3, 0, + 5.
e) – 1, – 1, – 1, – 1.
10) (Vunesp) O filme “Erin Brockowich” é baseado num fato, em que o emprego de crômio hexavalente
numa usina termoelétrica provocou um número elevado de casos de câncer entre os habitantes de uma
cidade vizinha.
Com bases somente nessa informação, dentre os compostos de fórmulas
CrCl3 CrO3 Cr2O3 K2CrO4 K2Cr2O7
(1) (2) (3) (4) (5)
Pode-se afirmar que não seriam potencialmente cancerígenos:
a) o composto 1, apenas
b) o composto 2, apenas
c) os compostos 1 e 3, apenas
d) os compostos 1, 2 e 3, apenas
e) os compostos 2, 4 e 5, apenas
11) (Vunesp) Nas substâncias CaCO3, CaC2, CO2, C(GRAFITE) e CH4, os números de oxidação do carbono
são, respectivamente:
a) – 4, + 1, + 4, 0, + 4.
b) + 4, – 1, + 4, 0, – 4.
c) – 4, – 2, 0, + 4, + 4.
d) + 2, – 2, + 4, 0, – 4.
e) + 4, + 4, + 4, + 4, + 4.
12) O zarcão é empregado na proteção de superfícies de ferro e pode ser obtido pela adição do óxido misto
de chumbo (2 PbO . PbO2) em óleo. Este óxido apresenta chumbo com número de oxidação
respectivamente:
a) + 4 e + 4.
b) + 1 e + 2.
c) + 2 e + 4.
d) + 2 e + 2.
e) + 4 e + 2.
13) O sistema de segurança air bag usado em automóveis é acionado por um microprocessador em caso
de acidente. Ocorre desencadeamento de reações liberando nitrogênio, que infla prontamente o saco
plástico (air bag). Considerando as reações:
1) NaN3(s) Na(s) + N2(g)
2) Na(s) + KNO3(s) Na2O(s) + K2O(s) + N2(g)
Observa-se que o nitrogênio apresenta, na seqüência das reações 1 e 2, os seguintes números de
oxidação:
a) – 3, 0, + 3, 0.
b) – 1/3, 0, + 5, 0.
c) + 3, 0, – 3, 0.
d) + 1/3, 0, + 5, 0.
e) – 3, + 2, + 3, + 2.
Prof. Agamenon Roberto OXIDAÇÃO E REDUÇÃO www.agamenonquimica.com 3
14) Uma forma comum de poluição das águas subterrâneas e superficiais é o arraste de metais pesados,
tais como zinco (Zn), mercúrio (Hg) e cobre (Cu), que, se entrarem na cadeia alimentar, causarão
problemas de saúde ao homem. Considerando os sais desses metais como ZnS, HgCl2 e CuNO3.
indique a opção correta que corresponde, respectivamente, ao número de oxidação destes metais:
a) + 4, + 1, +2.
b) + 2, + 1, + 3.
c) + 1, + 2, + 2.
d) + 1, + 3, + 1.
e) + 2, + 2, + 1.
15) Os números de oxidações do nitrogênio nos compostos N2H2 e HNO2 valem, respectivamente:
a) – 2, + 5.
b) + 1, + 2.
c) 0, – 5.
d) – 1, + 5.
e) – 1, + 3.
16) Na fluoroapatita, CaF2
. 3 Ca3(PO4)2, o número de oxidação do cálcio é:
a) + 1.
b) – 1.
c) + 2.
d) – 2.
e) + 3.
17) O alúmen de ferro amoniacal é um sal duplo hidratado de fórmula Fe2(SO4)3
. (NH4)2 SO4
. 24 H2O
O número de oxidação do nitrogênio neste composto é:
a) +2
b) +3
c) –3
d) +5
e) –5
18) (MACKENZIE-SP) sabendo que o cloro pertence à família dos halogênios, a substância na qual o cloro
apresenta número de oxidação máximo é:
a) Cl2O5.
b) HCl.
c) Cl2O.
d) HClO4.
e) Cl2.
19) Abaixo encontram-se diversos compostos de nitrogênio.
Li N O Cl H
3 3 3 2 N N N N H N N 2
I II III IV V
Assinale a única opção que apresenta a seqüência correta dos números de oxidação do nitrogênio nos
compostos, ordenados de I a V.
a) – 2, + 4, – 3, +1, + 4.
b) + 3, + 3, + 3, + 3, + 3.
c) + 2, – 5, + 2, – 1, – 4.
d) – 3, + 5, + 3, 0, – 2.
e) + 3, – 3, – 3, 0, + 2.
20) (UFR-RJ) Nas substâncias CO2, KMnO4, H2SO4, os números de oxidação do carbono, manganês e
enxofre são, respectivamente:
a) +4, +7, +6.
b) +3, +7, +6.
c) +4, +6, +6.
d) +3, +7, +4.
e) +4, +7, +5.
Prof. Agamenon Roberto OXIDAÇÃO E REDUÇÃO www.agamenonquimica.com 4
21) Os Nox do cromo (Cr) nos sais K2Cr2O7 e CaCrO4 são, respectivamente:
a) +7 e +4.
b) +6 e +6.
c) – 6 e – 6.
d) +3 e +6.
e) +6 e +3.
22) (UCS-RS) O metano é um alcano utilizado principalmente como combustível em maquinário industrial e
em veículos.
O gás metano é um dos principais constituintes do chamado gás natural.
O número de oxidação e o tipo de hibridização do átomo de carbono no gás metano são,
respectivamente:
a) – 1, sp3.
b) + 1, sp.
c) – 2, sp2.
d) + 2, sp.
e) – 4, sp3.
23) Nas espécies químicas BrO3
1 – ,Cl2O5 e Hl, os halogênios têm números de oxidação, respectivamente,
iguais a:
a) – 5, + 5 e – 1.
b) – 5, – 5 e – 1.
c) – 1, – 5 e + 1.
d) zero, zero e + 1.
e) + 5, + 5 e – 1.
24)Os números de oxidação do enxofre nas espécies SO2 e SO4
2 – são, respectivamente:
a) zero e + 4.
b) + 1 e – 4.
c) + 2 e + 8.
d) + 4 e + 6.
e) – 4 e – 8.
25) (UFU-MG) Os números de oxidação do bromo, iodo e enxofre nas espécies químicas H2BO3
–, IO4
– e
HSO4
– são, respectivamente:
a) + 4, + 8, + 7.
b) + 3, + 7, + 8.
c) + 3, + 7, + 6.
d) + 4, + 5, + 6.
e) + 2, + 6, + 5.
26) (Mackenzie-SP) A espécie química na qual o nitrogênio apresenta o número de oxidação máximo é:
a) NO3
–.
b) NH4
+.
c) N2O3.
d) N2.
e) N2O.
27) (CESGRANRIO-RJ) Observe os íons abaixo relacionados:
HCO3
– ; NH4
+ ; S2O7
2 – ; P2O7
4 – ; e ClO4
– . Com base nas regras de determinação do número de
oxidação, o Nox dos elementos sublinhados nesses íons, na ordem apresentada acima, é:
a) +4; – 3; + 6; +5; +7.
b) +4; +3; +4; +3; +7.
c) +4; +3; +4; +5; +5.
d) – 4; – 3; +4; +3; +5.
e) – 4; – 3; +6; +5; +7.
Prof. Agamenon Roberto OXIDAÇÃO E REDUÇÃO www.agamenonquimica.com 5
28) Os números de oxidação do boro, iodo e enxofre nas espécies químicas H2BO3
– , IO4
– e SO4
2 – são,
respectivamente:
a) +4, +8, +7.
b) +3, +7, +8.
c) +3, +7, +6.
d) +4, +5, +6.
e) +2, +4, +5.
29) (UFV-MG) Os números de oxidação do boro, iodo e enxofre nas espécies químicas H3BO3, IO4
– e HSO4

são, respectivamente:
a) +4, +8, +7.
b) +3, +7, +8.
c) +3, +7, +6.
d) +4, +5, +6.
e) +2, +6, +5.
30) Nas espécies químicas KH, MgH2 e H3PO4 o número de oxidação do hidrogênio é, respectivamente:
a) + 1, + 2 e + 3.
b) + 1, – 2 e + 3.
c) + 1, – 1 e + 1.
d) – 1, – 1 e + 1.
e) – 1, – 2 e – 3.
31) (UFES) Os estados de oxidação (Nox) dos elementos destacados nas fórmulas: ácido metanóico
(HCOOH), peróxido de bário (BaO2), hidreto de berílio (BeH2) e sulfeto de potássio (K2S) são,
respectivamente:
a) – 2, + 4, + 1, – 2.
b) + 2, + 2, – 1, + 2.
c) – 2, + 2, + 1, – 2.
d) + 2, + 2, – 1, – 2.
e) + 2, + 4, + 1, + 2.
32) (UNICAP-PE) No íon nitrato (NO3
–) o número de oxidação do nitrogênio vale:
a) – 1.
b) – 2.
c) + 1.
d) + 5.
e) + 6.
33) Na reação I2O5 + 5 CO 5 CO2 + I2, o número de oxidação do iodo varia de:
a) + 7 para + 2.
b) + 7 para zero.
c) + 5 para +2.
d) + 5 para – 2.
e) + 5 para zero.
34) (SSA – 2008) Os números de oxidação do bismuto, crômio, manganês, carbono e oxigênio nos
compostos NaBiO3, K2Cr2O7, K2MnO4, C12H22O11 e H2O2 são respectivamente:
a) +3, +6¸+4, +2, +3.
b) +5, +6, +6, 0, -1.
c) +5, +6, +7, -2, -1.
d) +3, - 6, +4, 0, -2.
e) +5, +4, +6, 0, -2 .
35) (ESAN-SP) Na reação química representada por M(s) + 2 HCl(aq) MCl2(aq) + H2(g), “M” pode estar
indicando um elemento que, na tabela periódica, pertence à família.
a) 1 A.
b) 2 A.
c) 3 A.
d) 5 A.
e) 7 A.
Prof. Agamenon Roberto OXIDAÇÃO E REDUÇÃO www.agamenonquimica.com 6
36) Na reação de oxi-redução H2S + I2 S + 2 HI, as variações dos números de oxidação do enxofre e do
iodo são, respectivamente:
a) + 2 para zero e zero para + 1.
b) zero para + 2 e + 1 para zero.
c) zero para – 2 e – 1 para zero.
d) zero para – 1 e – 1 para zero.
e) –2 para zero e zero para – 1.
37)(Covest-2008) O nitrogênio é um importante constituinte dos seres vivos, pois é parte de todo
aminoácido. Além de presente na biosfera, ele também é encontrado no solo, nas águas e na
atmosfera. Sua distribuição no planeta é parte do chamado ciclo do nitrogênio. Resumidamente, neste
ciclo, estão presentes as etapas de fixação do nitrogênio atmosférico por microorganismos, que,
posteriormente, é transformado em amônia. A amônia sofre um processo de nitrificação e é convertida a
nitrato, que pode sofrer um processo de desnitrificação e ser finalmente convertido a nitrogênio
molecular, retornando à atmosfera. Sobre esses processos, analise as afirmações a seguir.
0 0 Na reação de nitrificação, o nitrogênio é oxidado de –3 para +3.
1 1 A amônia é uma molécula volátil, porém em solos ácidos pode formar o íon amônio, não
volátil.
2 2 O nitrogênio molecular é muito estável por apresentar uma ligação tripla e, por isto, sua
transformação em amônia, por meios sintéticos, requer grandes quantidades de energia.
3 3 No processo de desnitrificação, o nitrogênio sofre uma redução de +5 para 0.
4 4 A maioria dos nitratos é solúvel em água.
0 0 Falso: A mudança é de –3 para +5.
1 1 Verdadeiro: Estas são características bem conhecidas da molécula de amônia.
2 2 Verdadeiro: A quebra de uma ligação tripla requer muita energia.
3 3 Verdadeiro: No nitrato, o número de oxidação do nitrogênio é +5, e, em N2, é zero.
4 4 Verdadeiro: Os nitratos são quase todos solúveis em água.
38) Assinale a alternativa cuja equação química não representa uma reação de oxi-redução:
a) N2 + H2 NH3.
b) Cl2 + NaI NaCl + I2.
c) Fe + HCl FeCl2 + H2.
d) C2H6O + O2 CO2 + H2O.
e) Na2O + HCl NaCl + H2O.
39) (MACK-SP) A equação que representa uma reação em que não ocorre óxido-redução é:
a) SO3 + Na2O Na2SO4.
b) 2 Na + Cl2 2 NaCl.
c) H2SO4 + Zn ZnSO4 + H2.
d) 2 AgNO3 + Cu Cu(NO3)2 + 2 Ag.
e) 2 H2O2 2 H2O + O2.
40) Na equação representativa de uma reação de oxi-redução:
Ni + Cu 2+ Ni 2 + + Cu
a) o íon Cu 2+ é o oxidante porque ele é oxidado.
b) o íon Cu 2+ é o redutor porque ele é reduzido.
c) o Ni é redutor porque ele é oxidado.
d) o Ni é o oxidante porque ele é oxidado.
e) o Ni é o oxidante e o íon Cu 2+ é o redutor.
41) O elemento X reage com o elemento Z, conforme o processo:
Z 3 – + X Z 1 – + X 2 –
Nesse processo:
a) Z ganha elétrons de X.
b) X ganha elétrons de Z.
c) X e Z cedem elétrons.
d) X e Z perdem elétrons.
e) X e Z cedem e ganham elétrons, respectivamente.
Prof. Agamenon Roberto OXIDAÇÃO E REDUÇÃO www.agamenonquimica.com 7
42) Para uma reação de óxido-redução:
a) O agente redutor sofre redução.
b) A substância que perde o elétron é o agente redutor.
c) O número de oxidação do agente oxidante aumenta.
d) O número de oxidação do agente redutor diminui.
e) A substância que perde elétron é o agente oxidante.
43) Tratando-se o fósforo branco (P4) com solução aquosa de ácido nítrico (HNO3) obtêm-se ácido fosfórico
e monóxido de nitrogênio, segundo a equação química equilibrada.
3 P4 + 20 HNO3 + 8 H2O 12 H3PO4 + 20 NO
O agente oxidante e o agente redutor dessa reação são, respectivamente:
a) P4 e HNO3.
b) P4 e H2O.
c) HNO3 e P4.
d) H2O e HNO3.
e) H2O e P4.
44) (UFPA) Em relação à equação de oxidação-redução não balanceada Fe0 + CuSO4 Fe2(SO4)3 + Cu0,
pode-se afirma que o:
a) número de oxidação do cobre no sulfato cúprico é + 1.
b) átomo de ferro perde dois elétrons.
c) cobre sofre oxidação.
d) ferro é o agente oxidante.
e) ferro sofre oxidação.
45) (Ufac) Na seguinte equação química: Zn + 2 HCl ZnCl2 + H2
a) o elemento Zn oxida-se e reage como agente oxidante.
b) o elemento Zn oxida-se e reage como agente redutor.
c) o elemento Zn reduz-se e reage como agente redutor.
d) o HCl é um agente redutor.
e) a equação é classificada como reversível.
46) (UVA-CE) Na obtenção do ferro metálico a partir da hematita, uma das reações que ocorre nos altos
fornos é “Fe2O3 + 3 CO 2 Fe + 3 CO2”.
Pela equação, pode-se afirmar que o agente redutor e o número de oxidação do metal reagente são,
respectivamente:
a) CO2 e zero.
b) CO e + 3.
c) Fe2O3 e + 3.
d) Fe e – 2.
e) Fe e zero.
47) (UFSM-RS) Na equação iônica a seguir, observe o sentido da esquerda para a direita.
Fe 2+ Ce
aq
+
( )
4+
(a q ) Fe 3+ Ce
aq
+
( )
3+
(a q )
Então analise as afirmativas:
I. O Fe2+ e o Ce4+ são agentes oxidantes.
II. O Fe2+ é o agente redutor porque é oxidado.
III. O Ce3+ e o Fe3+ são agentes redutores.
IV. O Ce4+ é o agente oxidante porque é reduzido.
Estão corretas apenas:
a) I e II.
b) I e III.
c) II e III.
d) I e IV.
e) II e IV.
Prof. Agamenon Roberto OXIDAÇÃO E REDUÇÃO www.agamenonquimica.com 8
48) (PUC-PR) Durante a descarga de uma bateria de automóveis, o chumbo reage com o óxido de chumbo
II e com o ácido sulfúrico, formando sulfato de chumbo II e água:
Pb + PbO2 + H2SO4 PbSO4 + H2O
Nesse processo, o oxidante e o oxidado são, respectivamente:
a) PbO2 – Pb.
b) H2SO4 – Pb.
c) PbO2 – H2SO4.
d) PbSO4 – Pb.
e) H2O – PbSO4.
49) O ferro galvanizado apresenta-se revestido por uma camada de zinco. Se um objeto desse material for
riscado, o ferro ficará exposto às condições do meio ambiente e poderá formar o hidróxido ferroso.
Nesse caso, o zinco, por ser mais reativo, regenera o ferro, conforme a reação representada abaixo:
Fe(OH)2 + Zn Zn(OH)2 + Fe
Sobre essa reação pode-se afirmar:
a) O ferro sofre oxidação, pois perderá elétrons.
b) O zinco sofre oxidação, pois perderá elétrons.
c) O ferro sofre redução, pois perderá elétrons.
d) O zinco sofre redução, pois ganhará elétrons.
e) O ferro sofre oxidação, pois ganhará elétrons.
50) Na reação representada pela equação abaixo, concluímos que todas as afirmações estão corretas,
exceto:
2 Na + 2 H2O 2 NaOH + H2
a) o sódio é o agente redutor.
b) o íon hidroxila é reduzido.
c) o sódio é oxidado.
d) a água é o agente oxidante.
e) o hidrogênio é reduzido.
51) Em uma reação de oxi-redução, o agente oxidante:
a) perde elétrons.
b) sofre oxidação.
c) aumenta sua carga positiva.
d) sofre redução.
e) passa a ter carga nula.
52) Por efeito de descargas elétricas, o ozônio pode ser formado, na atmosfera, a partir da seqüência de
reações representadas a seguir:
I. N2 + O2 2 NO
II. 2 NO + O2 2 NO2
III. NO2 + O2 NO + O3
Considerando as reações no sentido direto, pode-se afirmar que ocorre oxidação do nitrogênio:
a) apenas em I.
b) apenas em II.
c) apenas em I e II.
d) apenas em I e III.
e) em I, II e III.
53) (Covest-2004) Uma bateria de telefone celular comum é a bateria de níquel-hidreto metálico. Nesta
bateria, a reação global, escrita no sentido de descarga, é:
NiOOH + MH Ni(OH)2 + M
Onde “M” é um metal capaz de se ligar ao hidrogênio e formar um hidreto metálico (MH). A partir desta
equação química, podemos afirmar que:
0 0 O estado de oxidação do hidrogênio em MH é +1.
1 1 O NiOOH é o cátodo na célula.
2 2 O estado de oxidação do níquel em Ni(OH)2 é +2.
3 3 Para cada mol de Ni(OH)2 produzido, 2 mols de elétrons são transferidos do ânodo para
o cátodo.
4 4 O agente redutor nesta reação é o hidreto metálico.
Prof. Agamenon Roberto OXIDAÇÃO E REDUÇÃO www.agamenonquimica.com 9
Justificativas:
0 – 0 Nos hidretos metálicos o hidrogênio tem Nox igual a – 1.
1 – 1 O níquel passa +3 para +3 e, portanto sofre redução. A redução ocorre no cátodo.
2 – 2 Como cada oxidrila tem carga – 1 e existem duas oxidrilas o Nox do níquel é +2.
3 – 3 como a variação do Nox do níquel é de 0 – 1, somente um mol de elétrons é transferido por mol de Ni(OH)2 produzido.
4 – 4 O hidreto sendo oxidado provoca a redução do níquel.
54) (Covest-2004) Uma célula eletroquímica de interesse tecnológico recente é chamada de célula de
combustível. Nela, a reação entre oxigênio e combustível (metano, por exemplo) é realizada de maneira
indireta para produzir gás carbônico, água e eletricidade, ao invés de calor. Em uma célula de
combustível:
a) o oxigênio deve estar no anodo.
b) os números de oxidação do oxigênio no gás carbônico e na água são diferentes.
c) o oxigênio atua como agente redutor.
d) o combustível sofrerá uma reação de oxidação.
e) o combustível deve estar no catodo.
55) A cebola, por conter derivados de enxofre, pode escurecer talheres de prata. Este fenômeno pode ser
representado pela equação: 4 Ag(s) + 2 H2S(g) + O2(g) 2 Ag2S(s) + 2 H2O(v)
A respeito deste fato, pode-se afirmar que:
a) a prata sofre redução.
b) a prata é agente redutor.
c) o oxigênio sofre oxidação.
d) o H2S é o agente oxidante.
e) o enxofre sofre redução.
56) A partir pirolusita (MnO2), minério que o Brasil é um dos maiores produtores mundiais, o manganês
pode ser preparado conforme a reação:
MnO2 + C Mn + CO2
O(s) agente(s) redutor(es) é (são):
a) MnO2.
b) MnO2 e Mn.
c) C.
d) Mn.
e) C e CO2.
57) O ciclo do nitrogênio na natureza pode ser representado pelo esquema a seguir:
N2 ( g ) + O2 ( g ) (NO) x
NH NO
Proteínas
I
II
IV III
V
VI
3 ( g ) 3 ( aq )
Neste ciclo, o nitrogênio sofre um processo de:
a) oxidação na etapa V.
b) oxidação em todas as etapas.
c) redução na etapa I.
d) redução na etapa VI.
e) redução em todas as etapas.
Prof. Agamenon Roberto OXIDAÇÃO E REDUÇÃO www.agamenonquimica.com 10
58) (Covest-98) Metanol pode ser usado como combustível para veículos, mas é tóxico para os seres
humanos. Sua reação com K2Cr2O7 em solução aquosa ácida produz formaldeído (formol). Este
processo químico pode ser representado pela equação:
3 CH3OH + Cr2O7
-2(aq) + 8 H+(aq) 3 CH2O + 2 Cr+3(aq) + 7 H2O
Na equação acima o reagente orgânico e o inorgânico sofrem, respectivamente, reações de:
a) substituição, substituição
b) adição, eliminação
c) eliminação, adição
d) oxidação, redução
e) redução, oxidação
comentários:
3CH3OH + Cr2O7
-2 (aq) + 8H+(aq) 3CH2O + 2 Cr+3 (aq) + 7H2O
3
2
CH OH NOX 2
Carbono Oxidaçao
CH O NOX 0
− %
2
2 7
3
Cr O NOX 6
Cromo Reduçao
Cr NOX 3

+
+ + %
Reagente orgânico CH3OH Oxidação
Reagente inorgânico Cr2O7
-2 Redução
59) Considere-se a reação:
Zn + PbSO4 ZnSO4 + Pb
Pode-se afirmar que:
a) Zn sofre oxidação; portanto, é agente oxidante.
b) Zn sofre redução; portanto, é o agente redutor.
c) Pb sofre redução; portanto, é agente oxidante.
d) Pb sofre oxidação; portanto, é agente redutor.
e) Zn é agente oxidante e Pb é agente redutor.
60) Alguns alimentos, como cebola, por exemplo, contêm compostos derivados do enxofre e por isso
provocam escurecimento na faca ao serem cortados. A reação que provoca o escurecimento pode ser
representada por:
Fe(s) + H2S(aq) + 1/2 O2(g) FeS(s) + H2O(l)
cor escura
Analisando-se essa reação, pode-se afirmar que:
a) O ferro sofreu oxidação e o enxofre, redução.
b) O ferro ao se transformar em FeS recebeu dois elétrons.
c) O oxigênio não sofreu variação do seu número de oxidação.
d) O H2S não funciona como redutor nem como oxidante, ele é apenas agente de precipitação.
e) A reação de escurecimento do ferro não é de oxi-redução, pois não houve ganho nem perda de
elétrons.
61) Na reação de óxido-redução 2 HAuCl2 + 3 SnCl2 2 Au + 3 SnCl4 + 2 HCl, os números de oxidação
dos elementos H e Cl são, respectivamente, + 1 e – 1. Ocorre redução:
a) apenas no ouro.
b) apenas no estanho.
c) apenas no cloro.
d) no cloro e no estanho
e) no cloro e no ouro.
62) A fermentação do lixo orgânico, entre outras substâncias, produz gás metano, que ao sofrer combustão
libera certa quantidade de calor. Esta combustão é representada pela equação química
CH4 + 2 O2 CO2 + 2 H2O. Nesta equação podemos observar que:
a) o carbono sofre redução.
b) a variação do Nox do carbono é igual a 4.
c) o oxigênio sofre oxidação.
d) no CO2 o carbono possui Nox igual a + 4.
e) o oxigênio se encontra em todas as substâncias com Nox igual a – 2.
Prof. Agamenon Roberto OXIDAÇÃO E REDUÇÃO www.agamenonquimica.com 11
63) Assinale a afirmativa correta em relação à reação 2 HCl + NO2 H2O + NO + Cl2.
a) O elemento oxigênio sofre redução.
b) O elemento cloro sofre redução.
c) O HCl é o agente oxidante.
d) O NO2 é o agente redutor.
e) O NO2 é o agente oxidante.
64) Analise as afirmações:
0 0 No permanganato de potássio (KMnO4), o manganês tem número de oxidação + 7.
1 1 Na reação SnCl2 + 2 FeCl3 SnCl4 + + 2 FeCl2, o estanho oxidou-se, pois seu número de
oxidação passou de +2 para + 4.
2 2 Na2S2O3 possui enxofre com número de oxidação igual a + 2.
3 3 HNO2 é o ácido nítrico.
4 4 Aly(SO4)x é o sulfato de alumínio, logo , x + y = 5.

LIGAÇÕES QUÍMICAS

Prof. Agamenon Roberto LIGAÇÕES QUÍMICAS www.agamenonquimica.com 1
LIGAÇÕES QUÍMICAS
INTRODUÇÃO À LIGAÇÃO QUÍMICA
01) (ACAFE) O grupo de átomos que é encontrado na forma monoatômica pelo fato de serem estáveis é:
a) Halogênios
b) Calcogênios
c) Metais Alcalinos Terrosos
d) Metais Alcalinos
e) Gases Nobres
02) (UFF-RJ) Para que um átomo neutro de cálcio se transforme em Ca2+, ele deve:
a) receber dois elétrons.
b) receber dois prótons.
c) perder dois elétrons.
d) perder dois prótons.
e) perder um próton.
03) Um elemento químico de configuração eletrônica 1s2 2s2 2p6 3s2 3p5 possui forte tendência para:
a) perder 5 elétrons.
b) perder 1 elétron.
c) perder 2 elétrons.
d) ganhar 2 elétrons.
e) ganhar 1 elétron.
04) (UFRGS-RS) Ao se compararem os íons K+ e Br– com os respectivos átomos neutros de que se
originaram, podemos verificar que:
a) houve manutenção da carga nuclear de ambos os íons.
b) o número de elétrons permanece inalterado.
c) o número de prótons sofreu alteração em sua quantidade.
d) ambos os íons são provenientes de átomos que perderam elétrons.
e) o cátion originou-se do átomo neutro a partir do recebimento de elétrons.
05) (PUC-Campinas-SP) Os átomos de certo elemento químico metálico possuem, cada um, 3 prótons,
4 nêutrons e 3 elétrons. A energia de ionização desse elemento está entre as mais baixas dos
elementos da Tabela Periódica. Ao interagir com halogênio, esses átomos têm alterado o seu número
de:
a) prótons, transformando-se em cátions.
b) elétrons, transformando-se em ânions.
c) nêutrons, mantendo-se eletricamente neutros.
d) prótons, transformando-se em ânions.
e) elétrons, transformando-se em cátions.
06) (MACKENZIE-SP) Para que átomos de enxofre e potássio adquiram configuração eletrônica igual à de
um gás nobre, é necessário que:
dados: S (Z = 16); K (Z = 19).
a) o enxofre receba 2 elétrons e que o potássio receba 7 elétrons.
b) o enxofre ceda 6 elétrons e que o potássio receba 7 elétrons.
c) o enxofre ceda 2 elétrons e que o potássio ceda 1 elétron.
d) o enxofre receba 6 elétrons e que o potássio ceda 1 elétron.
e) o enxofre receba 2 elétrons e que o potássio ceda 1 elétron.
07) (UCS-RS) Em um determinado tipo de ligação química, ocorre a formação de íons devido à perda ou ao
ganho de elétrons pelos átomos. Supondo-se uma ligação que dê origem aos íons Na1 + e F–, é correto
afirmar que:
Dados: 11Na23 e 9F19.
a) O íon F– tem massa maior que o íon Na +.
b) Os íons têm distribuição eletrônica igual.
c) Os íons têm números atômicos iguais.
d) Os íons têm massa atômica igual.
e) Os íons são isótopos.
Prof. Agamenon Roberto LIGAÇÕES QUÍMICAS www.agamenonquimica.com 2
08) Os átomos pertencentes à família dos metais alcalinos terrosos e dos halogênios adquirem configuração
eletrônica de gases nobres quando, respectivamente, formam íons com números de carga:
a) + 1 e – 1.
b) – 1 e + 2.
c) + 2 e – 1.
d) – 2 e – 2.
e) + 1 e – 2.
09) Um certo elemento tem número atômico igual a 37. Qual a carga mais provável do seu íon?
a) – 1.
b) – 2.
c) + 1.
d) + 2.
e) + 3.
10) Um átomo X apresenta 13 prótons e 14 nêutrons. A carga do íon estável formado a partir deste átomo
será:
a) – 2.
b) – 1.
c) + 1.
d) + 2.
e) + 3.
11) Para adquirir configuração eletrônica de um gás nobre, o átomo de número atômico 16 deve:
a) perder dois elétrons.
b) receber seis elétrons.
c) perder quatro elétrons.
d) receber dois elétrons.
e) perder seis elétrons.
12) Considere as configurações eletrônicas de quatro elementos químicos:
I. 1s2 2s2.
II. 1s2 2s2 2p6 3s2 3p6 3d10 4s2 .
III. 1s2 2s2 2p6 3s2 3p6 3d10 4s24p5 .
IV. 1s2 2s2 2p6 3s2 3p6 3d10 4s2 4p6 5s2
Qual deles apresenta tendência a formar um ânion?
a) I.
b) II.
c) III.
d) IV.
e) I ou II.
13) Na classificação periódica, a família formada por elementos que originam cátions exclusivamente
bivalentes é:
a) 7 A.
b) 6 A.
c) 3 A.
d) 2 A.
e) 1 A.
14) Ao se transformar em íon estável, um átomo de magnésio e um átomo de oxigênio, respectivamente:
a) ganha e perde 1 elétron.
b) ganha e perde 2 elétrons.
c) ganha e perde 3 elétrons.
d) perde e ganha 1 elétron.
e) perde e ganha 2 elétrons.
Prof. Agamenon Roberto LIGAÇÕES QUÍMICAS www.agamenonquimica.com 3
15) (UFRN) Na ligação química de um átomo X, alcalino-terroso (2A), com um elemento Y, pertencente à
família dos halogênios (7A), deverá haver a formação de cátion e ânion, respectivamente:
a) X+ e Y–.
b) X+ e Y–2.
c) X+2 e Y–.
d) X+2 e Y–2.
e) X+2 e Y–7.
LIGAÇÃO IÔNICA OU ELETROVALENTE
16)(Covest-2004) Um composto iônico é geralmente formado a partir de elementos que possuem:
a) energias de ionização muito distintas entre si.
b) elevadas energias de ionização.
c) raios atômicos semelhantes.
d) elevadas afinidades eletrônicas.
e) massas atômicas elevadas.
17) A fórmula entre cátion X 3 + e o ânion Y – 1 é:
a) XY.
b) XY3.
c) X7Y.
d) X3Y7.
e) X7Y3.
18) Um elemento químico M apresenta distribuição eletrônica 1s2 2s2 2p6 3s2 3p6 4s2. Sobre este elemento
podemos dizer que:
0 0 Perde 2 elétrons para se tornar estável.
1 1 Origina cátion bivalente.
2 2 É um metal.
3 3 Forma composto iônico com o cloro.
4 4 Liga-se ao oxigênio (Z = 8) formando um composto do tipo MO.
19) (Covest-PE) Assinale a alternativa que apresenta composto com ligação química essencialmente
iônica?
a) NaI.
b) CO2.
c) HCl.
d) H2O.
e) CH4.
20) Um elemento E tem, na sua camada de valência, a configuração 4s2 4p4. Sobre o elemento E, é falso
afirmar que:
a) Pertence à família dos calcogênios na tabela periódica.
b) Está localizado no quarto período, grupo 6A da tabela periódica.
c) É um elemento representativo da tabela periódica.
d) Tende a receber 2 elétrons e formar o íon E2 – .
e) Forma com o elemento X do grupo 1A compostos iônicos de fórmula XE2.
21) A camada mais externa de um elemento X possui 3 elétrons, enquanto a camada mais externa de outro
elemento Y tem 7 elétrons. Uma provável fórmula de um composto, formado por esses elementos é:
a) XY3.
b) X5Y.
c) X3Y.
d) X7Y3.
e) XY.
Prof. Agamenon Roberto LIGAÇÕES QUÍMICAS www.agamenonquimica.com 4
22) Sobre o composto formado pela combinação do elemento X (Z = 20) com o elemento Y (Z = 9) podemos
afirmar que:
0 0 É um composto iônico.
1 1 Tem fórmula XY2.
2 2 Possui cátion X2+.
3 3 O ânion presente foi originado pelo átomo de X.
4 4 Apresenta fórmula XY.
23) (UEPB) Dois átomos de elementos genéricos A e B apresentam as seguintes distribuições eletrônicas
em camadas: A 2, 8, 1 e B 2, 8, 6. Na ligação química entre A e B,
I. O átomo A perde 1 elétron e transforma-se em um íon (cátion) monovalente.
II. A fórmula correta do composto formado é A2B e a ligação que se processa é do tipo iônica.
III. O átomo B cede 2 elétrons e transforma-se em um ânion bivalente.
Assinale a alternativa correta:
a) Apenas II e III são corretas.
b) Apenas I é correta.
c) Apenas II é correta.
d) Apenas I e II são corretas.
e) Todas as afirmativas são corretas.
24) Sobre ligações iônicas afirma-se:
0 0 Os gases nobres, sem exceção, têm 8 elétrons na camada de valência.
1 1 Em geral, um átomo torna-se estável, quando adquire configuração de gás nobre
2 2 Em uma ligação iônica, há transferência de prótons de um elemento para o outro.
3 3 Uma ligação eletrovalente ocorre entre um metal e um ametal.
4 4 Todo composto iônico tem alto ponto de fusão.
25) Átomos do elemento X, da família 3A, combina-se com Y, da família 5A. Sobre estes átomos temos que:
0 0 O elemento X possui na sua camada de valência 3 elétrons.
1 1 O elemento Y possui na sua camada de valência 5 elétrons.
2 2 O composto formado possui fórmula X5Y3.
3 3 O elemento X forma o íon X 3+.
4 4 O elemento Y forma o ânion Y3 –.
26) A fórmula do composto formado pelos íons A+3 e B-3 é:
a) A3B3.
b) A3B.
c) AB3.
d) AB.
e) A2B2.
27) (FAEE-GO) Um elemento X, cujo número atômico é 12, combina-se com um elemento Y, situado na
família 5A da tabela periódica e resulta num composto iônico cuja fórmula provável será:
a) XY.
b) XY2.
c) X2Y.
d) X2Y3.
e) X3Y2.
28) (Mack-SP) Sabendo que o número de elétrons doados e recebidos deve ser o mesmo e que o cálcio
doa dois elétrons e o flúor recebe somente um, então, ao se ligarem entre si átomos de cálcio e flúor,
obtemos uma substância cuja fórmula correta é:
a) CaF.
b) Ca2F.
c) F2.
d) CaF2.
e) Ca2F2.
Prof. Agamenon Roberto LIGAÇÕES QUÍMICAS www.agamenonquimica.com 5
29) (UERJ) A figura abaixo representa o átomo de um elemento químico, de acordo com o modelo de Bohr.
Para adquirir estabilidade, um átomo do elemento representado pela figura deverá efetuar ligação
química com um único átomo de outro elemento químico, cujo símbolo é:
a) C.
b) F.
c) P.
d) S.
e) Mg.
30) Uma substância iônica foi representada pela fórmula X2Y. Sendo assim, na tabela periódica, é possível
que X e Y se localizem, respectivamente, nas colunas:
a) 1A e 2A.
b) 1A e 6A.
c) 2A e 1A.
d) 2A e 5A.
e) 2A e 7A.
31) (Ufersa-RN) Um elemento representativo Y, importante para o metabolismo das plantas, forma
compostos iônicos do tipo XY, onde X é um metal alcalino-terroso. Sabendo que Y possui o menor raio
atômico em seu grupo da tabela periódica, podemos afirmar que se trata do elemento.
a) potássio.
b) oxigênio.
c) nitrogênio.
d) fósforo.
e) flúor.
32) Um elemento M da família dos metais alcalino-terrosos forma um composto binário iônico com um
elemento X da família dos halogênios. Assinale, entre as opções abaixo, a fórmula mínima do
respectivo composto:
a) MX.
b) MX2.
c) M2X.
d) M2X7.
e) M7X2.
33) (Ufes) Para cada um dos seguintes pares de elementos químicos, os relativos de átomos de cada
elemento que constituiriam o composto iônico resultante são, respectivamente:
Li e O; Ca e S; Mg e Br; Ba e H
a) 1:2, 1:1, 1:1, 1:2.
b) 2:1, 1:1, 2:1, 2:1.
c) 1:6, 2:6, 2:7, 2:1.
d) 2:1, 1:1, 1:2, 1:2.
e) 1:6, 1:3, 2:7, 1:2.
34) O elemento químico alumínio (Z = 13) pode se ligar a um elemento químico para formar um composto
iônico na proporção de 1:3. Este elemento químico pode ter número atômico:
a) 11.
b) 3.
c) 9.
d) 31.
e) 5.
Prof. Agamenon Roberto LIGAÇÕES QUÍMICAS www.agamenonquimica.com 6
35) Os átomos dos metais alcalinos terrosos (M) apresentam dois elétrons em sua camada de valência. É
de prever os óxidos e cloretos desses metais tenham, respectivamente, as fórmulas:
a) MO e MCl2.
b) MO e MCl.
c) MO2 e MCl.
d) MO2 e MCl4.
e) M2O e MCl2.
36) (Covest-90) Um metal (M) do grupo 2 A forma um óxido. A fórmula química deste óxido é do tipo:
a) M2O.
b) MO.
c) MO2.
d) M2O2.
e) M2O3.
37) O átomo neutro de um certo elemento X tem três elétrons de valência. Considerando-se o óxido, o
hidreto e o cloreto desse elemento, o composto que está com a fórmula correta é:
a) XO3.
b) X3Cl.
c) X2O3.
d) X3Cl3.
e) X3H.
38) (Mack-SP) A fórmula do composto formado, quando átomos do elemento genérico M, que formam
cátions trivalentes, ligam-se com átomos do elemento Y, pertencente à família dos calcogênios, é:
a) M3Y2.
b) M2Y3.
c) MY3.
d) M3Y.
e) M2Y.
39) (UFSM-RS) O amianto, conhecido também como asbesto, é um material constituído por fibras
incombustíveis. É empregado como matéria-prima na fabricação de materiais isolantes usados na
construção civil, como fibrocimento. O uso dessas fibras vem tendo queda desde a década de 1960,
quando estudos confirmaram os efeitos cancerígenos desse material, principalmente sobre o aparelho
respiratório.
Entre seus componentes, além do SiO2, estão o óxido de magnésio (MgO) e o óxido de alumínio
(Al2O3).
Em relação ao composto MgO, analise as afirmativas:
I. A ligação entre o magnésio e o oxigênio se dá por transferência de elétrons, sendo classificada
como ligação iônica.
II. Os átomos não alcançaram a configuração do gás nobre após a ligação.
III. Após a ligação entre os átomos de magnésio e oxigênio, há formação de um cátion Mg2+ e um
ânion O2–.
Dados: Mg (Z = 12); O (Z = 8)
Está(ao) correta(s) apenas:
a) I.
b) II.
c) III.
d) I e II.
e) I e III.
40) (PUC-MG) Um elemento da coluna 2 combina-se com o cloro, dando composto de massa 111 g/mol.
Esse composto apresenta fórmula:
a) MgCl2.
b) SrCl2.
c) CaCl2.
d) BeCl2.
e) BaCl2.
Prof. Agamenon Roberto LIGAÇÕES QUÍMICAS www.agamenonquimica.com 7
41) (UFPA) Sejam os elementos X, com 53 elétrons, e Y, com 38 elétrons. Depois de fazermos a
distribuição eletrônica, podemos afirmar que o composto mais provável formado pelos elementos é:
a) YX2.
b) Y3X2.
c) Y2X3.
d) Y2X.
e) YX.
42) (Mackenzie-SP) Para reciclar o alumínio, a partir de latinhas de refrigerantes descartadas, usam-se
apenas 5% da energia necessária para produzi-las a partir do óxido de alumínio presente na bauxita. A
fórmula do óxido de alumínio é:
Dados: O (Z = 8); Al (Z = 13).
a) AlO.
b) AlO3.
c) AlO2.
d) Al2O.
e) Al2O3.
43) (Fuvest-SP) Dois metais distintos, designados X e Y, reagem com o cloro formando os compostos
iônicos XCl e YCl. Os íons dos elementos X e Y devem, portanto, possuir igual:
a) raio iônico.
b) carga elétrica.
c) número de prótons.
d) energia de ionização.
e) número de elétrons.
44) Num composto, sendo X o cátion e Y o ânion, e a fórmula X2Y3, provavelmente os átomos X e Y no
estado normal tinham os seguintes números de elétrons na camada de valência, respectivamente:
a) 2 e 3.
b) 2 e 5.
c) 3 e 2.
d) 3 e 6.
e) 5 e 6.
45) (Fatec-SP) Identifique os pares de números atômicos correspondentes a elementos que, quando se
combinam, formam o composto de fórmula A2
3+B3
2 –.
A 3+ B 2 –
a) 12 7.
b) 19 16.
c) 15 17.
d) 13 8.
e) 13 13.
46) Um elemento X (Z = 20) forma com Y um composto de fórmula X3Y2. O número atômico de Y é:
a) 7.
b) 9.
c) 11.
d) 12.
e) 18.
47) Um composto apresenta as propriedades a seguir:
1 – alto ponto de fusão e ebulição.
2 – bom condutor de corrente elétrica no estado líquido ou em solução aquosa.
3 – sólido à temperatura ambiente.
Este composto deve ser formado pelos seguintes elementos:
a) sódio e potássio.
b) magnésio e flúor.
c) cloro e oxigênio.
d) oxigênio e nitrogênio.
e) carbono e hidrogênio.
Prof. Agamenon Roberto LIGAÇÕES QUÍMICAS www.agamenonquimica.com 8
48) (MACKENZIE-SP) No composto de fórmula K2O, o cátion presente tem 20 nêutrons e distribuição
eletrônica 1s2 2s2 2p6 3s2 3p6. O número de prótons desse íon é:
a) 18.
b) 19.
c) 20.
d) 38.
e) 39.
49) (ITA-SP) Em cristais de cloreto de sódio, cada íon sódio tem como vizinhos mais próximos quantos íons
cloretos?
a) 1.
b) 2.
c) 4.
d) 6.
e) 8.
50) (SSA – 2008) Um elemento “A” de número atômico 20 e outro “B” de número atômico 17, ao reagirem
entre si, originarão um composto
a) molecular de fórmula AB2.
b) molecular de fórmula A2B.
c) iônico de fórmula AB.
d) iônico de fórmula A2B.
e) iônico de fórmula AB2.
51) (UFRJ) Os átomos X e Y apresentam configurações eletrônicas 1s2 2s2 2p6 3s1 e 1s2 2s2 2p5,
respectivamente. Entre esses átomos forma-se um composto:
a) iônico, de fórmula XY2.
b) molecular, de fórmula X2Y.
c) molecular, de fórmula XY2.
d) iônico, de fórmula XY4.
e) iônico, de fórmula XY.
52) (Unimep-SP) Um elemento A, com número de massa 27 e 14 nêutrons, combina-se com um elemento B
que apresenta número de massa 32 e 16 nêutrons. O tipo de ligação e a fórmula resultante desta
combinação serão, respectivamente:
a) covalente, AB.
b) iônica, A2B3.
c) covalente, A2B.
d) iônica, A3B2.
e) covalente, A2B3.
53) (UPE-2006-Q1) Sejam os elementos X, Y, Z e W com suas respectivas distribuições eletrônicas.
X 1s2 .............................3s1
Y 1s2..............................3p4
Z 1s2 .............................4s2 3d6
W 1s2.............................2p3
Considerando esses dados, analise as afirmativas abaixo.
I. O elemento “X” reage com a água, tornando o meio alcalino e liberando um gás inflamável.
II. O cátion Z2+ tem 12 elétrons no terceiro nível de energia.
III. O elemento “Y” reage com o elemento “Z” em condições convenientes de laboratório, originando
um sal ZY insolúvel em água.
IV. Os compostos formados pelo elemento “W”, em sua maioria, apresentam orbitais híbridos
centrados em “W”, envolvendo orbitais atômicos “d”.
São verdadeiras apenas as afirmativas:
a) I e III.
b) I, II e IV.
c) II e III.
d) I, III e IV.
e) III e IV.
Prof. Agamenon Roberto LIGAÇÕES QUÍMICAS www.agamenonquimica.com 9
54) (UNIMES-SP) Considerando as substâncias:
I. Hélio.
II. Enxofre.
III. Cloreto de lítio.
IV. Cloreto de magnésio.
V. Amônia.
Dentre estas substâncias, apresentam ligações iônicas:
Dados: 2He; 16S; 17Cl; 3Li; 12Mg; 7N; 1H.
a) III e IV.
b) I e IV.
c) I e V.
d) III e V.
e) II e III.
55) (Covest-2006). Sobre alguns aspectos relacionados aos elementos químicos, analise as afirmativas
abaixo.
1) Elementos com baixo número de elétrons de valência tendem a formar ligações covalentes com
elementos de elevado número de elétrons de valência.
2) Elementos gasosos se localizam geralmente na parte central da tabela periódica, pois estes
elementos possuem orbitais d semipreenchidos.
3) Um elemento facilmente ionizável deve possuir um elevado número atômico e um baixo número
de elétrons de valência.
Está(ão) correta(s) apenas:
a) 3
b) 2
c) 1
d) 1 e 2
e) 2 e 3
56) (Rumo-2004) Num laboratório, um cientista obteve as seguintes observações sobre uma substância X:
I. É sólida em condições ambientes.
II. Dissolve-se em água.
III. Possui alto ponto de fusão.
IV. Não conduz eletricidade no estado gasoso.
V. Em solução aquosa ou quando fundida, conduz eletricidade.
É provável que a substância X seja:
a) um composto molecular polar que se ioniza em água.
b) um metal que reage com água.
c) uma substância apolar que se dissocia em água.
d) um composto molecular que se dissocia em água.
e) um composto iônico.
57) (UFRGS-RS) Considere as espécies químicas cujas fórmulas estão arroladas abaixo.
1 - HBr
2 - BaO
3 - CaC 2
4 - SiO2
5 - B2O3
Quais delas apresentam ligação tipicamente iônica?
a) Apenas 1 e 2.
b) Apenas 1 e 3.
c) Apenas 2 e 3.
d) Apenas 2, 4 e 5.
e) Apenas 3, 4 e 5.
Prof. Agamenon Roberto LIGAÇÕES QUÍMICAS www.agamenonquimica.com 10
58) (Vunesp-SP) Os elementos X e Y têm, respectivamente, 2 e 6 elétrons na camada de valência. Quando
X e Y reagem, forma-se o composto:
a) covalente, de fórmula XY.
b) covalente, de fórmula XY2.
c) covalente, de fórmula X2Y3.
d) iônico, de fórmula X2+Y2 – .
e) iônico, de fórmula X2
1+Y2 – .
59) (UFAM-AM)
Sobre as espécies O1- e T1+ não é correto afirmar que:
a) são íons isoeletrônicos
b) Quanto aos raios iônicos/atômicos pode-se dizer o do O1- > O e o do T1+ > T
c) seus átomos formam com o elemento M, respectivamente,os compostos M3O e MT
d) O íon T1+ não ocorre naturalmente, uma vez que este elemento apresenta grande energia de
ionização
e) O íon O1- apresenta camada de valência igual a 2s2 2p4
60) (USF-SP) Da combinação química entre o alumínio (Z = 13) e o enxofre (Z = 16), pode resultar a
substância..
a) iônica de fórmula AlS.
b) molecular de fórmula AlS.
c) iônica de fórmula Al3S2.
d) molecular de fórmula AlS2.
e) iônica de fórmula Al2S3.
61) (Covest-98) A análise química de uma amostra de rocha do planeta Marte mostrou que a mesma é uma
substância pura. Se dois elementos “A” e “B” dessa amostra apresentam eletronegatividades (escala
de Pauling) de 0,8 e de 3,0 respectivamente, podemos afirmar que:
a) Não existe ligação química entre os dois elementos da rocha, pois as eletronegatividades diferem
bastante.
b) Existe ligação entre os dois elementos e ela deve ser iônica.
c) Existe ligação entre os dois elementos e ela deve ser covalente.
d) O elemento “A” está à direita do elemento “B” na tabela periódica.
e) A rocha é constituída por uma substância simples.
62) Dois elementos, representados por X e Y, combinam-se. As distribuições de elétrons de X e Y são as
seguintes:
Níveis K L M N
X 2 8 8 1
Y 2 8 6
Que alternativa apresenta a fórmula e o tipo de ligação do composto formado?
a) X2Y, iônico.
b) XY2, covalente.
c) XY2, iônico.
d) X2Y, covalente.
e) X7Y2, covalente.
Prof. Agamenon Roberto LIGAÇÕES QUÍMICAS www.agamenonquimica.com 11
63) (UNESP) Qual a fórmula do composto formado pelos elementos 20Ca40 e 17Cl35 e qual o tipo de ligação
envolvida?
a) CaCl, iônica.
b) CaCl, covalente.
c) CaCl2, iônica.
d) CaCl2, covalente.
e) Ca2Cl, iônica.
64) Com base na distribuição eletrônica do elemento X, assinale a alternativa CORRETA.
X = 1s2 2s2 2p6 3s2 3p6 4s2
a) O elemento X forma compostos moleculares com halogênios.
b) O elemento X forma compostos iônicos com halogênios.
c) O elemento X é geralmente encontrado no estado gasoso.
d) O elemento X é um elemento de transição.
e) O elemento X é um não-metal.
65) (UDESC-SC) Considere os seguintes elementos químicos: Na, Mg, S, H e Br. Os compostos iônicos
formados entre esses elementos são:
a) Na2S - MgS - NaH - MgH2 - NaBr - MgBr2.
b) Na2S - MgS - H2S - NaBr - MgBr2 - HBr.
c) NaS - MgS - Mg2H - NaBr - Mg2Br.
d) NaS2 - MgS - NaH - Mg2H - NaBr - Mg2Br.
e) Na2S - MgS - NaBr - MgBr2 - Na2Mg.
66) (UFRS) Um elemento “X” que apresenta a distribuição eletrônica em níveis de energia, K = 2, L = 8,
M = 8, N = 2, formando com:
a) um halogênio Y um composto molecular XY.
b) um calcogênio Z um composto iônico XZ.
c) o hidrogênio um composto molecular HX.
d) um metal alcalino M um composto iônico MX.
e) um halogênio R um composto molecular X2R.
67) Em alguns casos, os mortos dos povos do litoral eram desenterrados, e seus ossos cobertos com um
pó vermelho, que podia ser extraído da hematita, minério de ferro, cujo principal componente é o óxido
férrico ou óxido de ferro (III).
A fórmula do composto e tipo predominante de ligação são, respectivamente,
a) FeO - covalente.
b) Fe2O3 iônica
c) Fe3O2 iônica
d) FeO - iônica.
e) Fe2O3 - covalente.
68) (FEMPAR-PR) Sobre um composto constituído por um elemento do grupo 2 e outro do grupo 17 da
tabela periódica, é incorreto afirmar:
a) Quando fundido ou em solução, é capaz de conduzir corrente elétrica.
b) É um sólido cristalino com alto ponto de fusão.
c) É insolúvel em água.
d) Sua fórmula mínima pode ser representada por AB2.
e) É formado pela atração entre pares iônicos.
69) Qual das propriedades abaixo é representativa dos compostos iônicos?
a) Não conduzem a corrente elétrica quando fundidos
b) São líquidos à temperatura ambiente
c) São gasosos à temperatura ambiente
d) Apresentam baixos pontos de fusão
e) Não conduzem a corrente elétrica quando se encontram no estado sólido
Prof. Agamenon Roberto LIGAÇÕES QUÍMICAS www.agamenonquimica.com 12
70) (Covest-2004)Compostos covalentes possuem, em geral, propriedades muito diferentes de compostos
iônicos. Considerando esses tipos de compostos, analise as afirmações seguintes:
1) São compostos de alto ponto de fusão.
2) São isolantes elétricos fundidos.
3) São composto duros e quebradiços.
De forma genérica, podemos dizer que:
a) 1 e 2 se referem a compostos iônicos.
b) somente 1 se refere a compostos iônicos.
c) 1 e 3 se referem a compostos iônicos.
d) somente 3 se refere a compostos covalentes.
e) 2 e 3 se referem a compostos covalentes.
71) (Uema) Se comparado a água, o cloreto de sódio possui ponto de fusão ............, em conseqüência da
............ entre .................
Dados: Na (Z = 11); Cl (Z = 17).
Os termos que preenchem corretamente e ordenadamente as lacunas acima são:
a) elevado, forte atração, suas moléculas.
b) mais baixo, fraca atração, seus íons.
c) mais elevado, fraca atração, seus átomos.
d) mais baixo, fraca atração, seus íons.
e) elevado, forte atração, seus íons.
72) Nas condições ambientes, os compostos iônicos:
a) São sempre sólidos.
b) São sempre líquidos.
c) São sempre gasosos.
d) Podem ser sólidos, líquidos ou gasosos.
e) Podem ser líquidos ou gasosos.
73) (Fatec-SP) A propriedade que pode ser atribuída à maioria dos compostos iônicos (isto é, aos
compostos caracterizados predominantemente por ligações iônicas entre as partículas) é:
a) dissolvidos em água, formam soluções ácidas.
b) dissolvem-se bem em gasolina, diminuindo sua octanagem.
c) fundidos (na fase líquida), conduzem corrente elétrica.
d) possuem baixos pontos de fusão e de ebulição.
e) são moles, quebradiços e cristalinos.
74) (FCMMG) Observe as seguintes características:
I. Sólidos em condições ambientais (25ºC e 1atm).
II. Solúveis em água.
III. Altos pontos de fusão e ebulição.
Essas propriedades são características das substâncias:
a) Hg e Au.
b) KCl e NH3.
c) NaCl e KI.
d) CCl4 e C6H6.
e) CO e Pt
75) (PUC-RS) O elemento A tem número atômico 11 e o elemento B, 8. O composto mais provável formado
pelos elementos A e B será:
a) Líquido nas condições ambientes.
b) Um sólido com baixo ponto de fusão.
c) Bom condutor de eletricidade quando fundido.
d) Um composto de fórmula genérica AB2.
e) Insolúvel em água.
Prof. Agamenon Roberto LIGAÇÕES QUÍMICAS www.agamenonquimica.com 13
LIGAÇÃO COVALENTE OU MOLECULAR
76) Ao formar ligações covalentes com o hidrogênio, a eletrosfera do carbono adquire configuração
eletrônica de gás nobre. Com isto, é de esperar a formação da molécula:
a) CH.
b) CH2.
c) CH3.
d) CH4.
e) CH5.
77) (UCSal-BA) Qual dos seguintes gases, à temperatura e pressão ambientes, é formado por moléculas
monoatômicas?
a) ozônio.
b) hidrogênio.
c) nitrogênio.
d) argônio.
e) oxigênio.
78) (UEMS-MS) Analise as seguintes afirmações e assinale a alternativa correta.
I. Os ânions formados por elementos dos metais alcalinos e alcalino-terrosos apresentam oito elétrons
na camada de valência.
II. Os cátions de calcogênios e halogênios apresentam configuração eletrônica estável.
III. Na formação da ligação covalente, quando um átomo recebe elétrons, transforma-se num ânion.
IV. Na formação da ligação iônica, quando um átomo da família dos halogênios cede elétrons,
transforma-se num ânion com configuração eletrônica semelhante à de um gás nobre.
Com relação às afirmativas está(ão) correta(s):
a) I, II e III
b) I e III
c) II, III e IV
d) III e IV
e) nenhuma das afirmativas
79) (Mack-SP) A molécula que apresenta somente uma ligação covalente normal é:
Dados: O (Z = 8); C (Z = 6); F (Z = 9); H (Z = 1).
a) F2.
b) O2.
c) CO.
d) O3.
e) H2O.
80) (UC-BA) O modelo abaixo serve para representar as ligações covalentes na molécula de ...
Dados: H (Z = 1); N (Z = 7); O (Z = 8); F (Z = 9).
a) HF.
b) N2.
c) O2.
d) F2.
e) H2.
81) (Covest-PE) Nos compostos covalentes os átomos dos elementos se ligam através de ligações simples,
dupla ou triplas dependendo de suas configurações eletrônicas. Assim, é correto afirmar que as
fórmulas estruturais das moléculas H2, N2, CO2 e F2, são:
a) H – H, N = N, O C – O, F – F.
b) H – H, N N, O C – O, F = F.
c) H – H, N N, O = C = O, F – F.
d) H – H, N N, O C – O, F – F.
e) H = H, N N, O = C = O, F = F.
Prof. Agamenon Roberto LIGAÇÕES QUÍMICAS www.agamenonquimica.com 14
82) Quando pensamos em transformações químicas, podemos ser levados a crer que estas se passam
sempre em laboratórios, mas a natureza é o maior “laboratório” que existe. No início, a Terra era
apenas uma imensa bola de fogo que, ao longo dos tempos, foi sofrendo inúmeras alterações, de
modo que hoje em dia pode ser considerada uma grande mistura química.
Atualmente, um dos principais responsáveis pela constante alteração do planeta é o HOMEM e, muitas
vezes, essas alterações são desastrosas. Uma delas é o EFEITO ESTUFA, provocado pelo uso
excessivo de veículos automotivos (ninguém mais quer andar) e as queimadas, utilizadas para
aumentar as áreas de cultivo. O planeta está aquecendo e isso é percebido por qualquer um. O clima
mudou. Belém, por exemplo, não tem mais a (tradicional) chuva das duas da tarde. Aliás, em Belém
quase não chove! Nossa terra está seca!
O principal responsável pelo efeito estufa é o gás carbônico, em cuja estrutura encontramos:
Dados: 6C12 e 8O16
a) apenas ligações eletrovalentes.
b) apenas ligações apolares.
c) ligações covalentes.
d) ligações coordenadas.
e) ligações metálicas.
83) Considerando sua posições na tabela periódica, o hidrogênio e o oxigênio devem formar o composto de
fórmula:
a) HO.
b) HO2.
c) H2O.
d) H2O3.
e) H3O2.
84) Dois átomos P e Q, de configurações eletrônicas do último nível igual a 2p5 e 2p4, respectivamente,
formam ligações do tipo _________________ e a fórmula do composto formado é _________.
a) iônica; PQ.
b) covalente; PQ.
c) iônica; P2Q.
d) covalente; P2Q.
e) covalente; P5Q4.
85) Os elementos P e Br podem combinar-se formando a substância:
a) PBr, covalente.
b) PBr2, iônica.
c) PBr2, covalente.
d) PBr3, iônica.
e) PBr3, covalente.
86) (PUC-PR) No esquema abaixo estão as distribuições eletrônicas de alguns átomos representados por
letras que não correspondem aos símbolos reais.
X; 1s2.
Y: 1s2 2s2 2p5
Z: 1s2 2s2 2p6 3s2 3p5.
T: 1s2 2s2 2p4.
W: 1s2 2s2 2p6 3s2.
Os compostos X2T, Y2, WZ2, WT são, respectivamente:
a) iônico, iônico, iônico, molecular.
b) molecular, molecular, iônico, iônico.
c) iônico, iônico, molecular, molecular.
d) iônico, molecular, iônico, iônico.
e) molecular, molecular, molecular, iônico.
87) Dois elementos químicos X e Y combinam-se formando uma substância molecular XY3. X e Y podem ter
números atômicos, respectivamente:
a) 1 e 7.
b) 2 e 9.
c) 13 e 16.
d) 15 e 35.
e) 20 e 36.
Prof. Agamenon Roberto LIGAÇÕES QUÍMICAS www.agamenonquimica.com 15
88) (UESPI) O fosfogênio (COCl2), um gás incolor, tóxico, de cheiro penetrante, utilizado na Primeira Guerra
Mundial como gás asfixiante, é produzido a partir da reação:
CO(g) + Cl2(g) COCl2(g)
Sobre a molécula do fosfogênio, podemos afirmar que ela apresenta:
a) duas ligações duplas e duas ligações simples
b) uma ligação dupla e duas ligações simples
c) duas ligações duplas e uma ligação simples
d) uma ligação tripla e uma ligação dupla
e) uma ligação tripla e uma simples
89) (FEI-SP) A fórmula N N indica que os átomos de nitrogênio estão compartilhando três:
a) prótons.
b) elétrons.
c) pares de prótons.
d) pares de nêutrons.
e) pares de elétrons.
90) As ligações químicas predominantes entre os átomos dos compostos H2S, PH3 e AgBr são,
respectivamente:
a) iônica, covalente e iônica.
b) covalente, iônica e iônica.
c) iônica, covalente e covalente.
d) covalente, covalente e iônica.
e) iônica, iônica e covalente.
91) O gás carbônico (CO2) é o principal responsável pelo efeito estufa, enquanto o dióxido de enxofre (SO2)
é um dos principais poluentes atmosféricos.
Se considerarmos uma molécula do CO2 e uma molécula do SO2, podemos afirmar que o número total
de elétrons compartilhados em cada molécula é, respectivamente, igual a:
Dados: C (Z = 6); O (Z = 8); S (Z = 16).
a) 4 e 3.
b) 2 e 4.
c) 4 e 4.
d) 8 e 4.
e) 8 e 6.
92) (FURG – RS) A água, o sal de cozinha e o butano (principal componente do gás de cozinha) são
substâncias químicas que utilizamos diariamente para o preparo de alimentos. Esses compostos têm
suas estruturas constituídas, respectivamente, por ligações do tipo
a) iônicas, iônicas e covalentes.
b) covalentes, covalentes e iônicas.
c) covalentes, covalentes e covalentes.
d) iônicas, iônicas e iônicas.
e) covalentes, iônicas e covalentes.
93) (UNICID-SP) O hidrogênio (Z = 1) e o nitrogênio (Z = 7) devem formar o composto de fórmula:
a) N2H.
b) NH2.
c) NH3.
d) NH4.
e) NH5.
94)O selênio e o enxofre pertencem à família VIA da tabela periódica. Sendo assim, o seleneto e o sulfeto
de hidrogênio são representados, respectivamente, pelas fórmulas:
a) HSe e HS..
b) H2Se e HS.
c) HSe e H2S.
d) H2Se e H2S.
e) H3Se e H3S.
Prof. Agamenon Roberto LIGAÇÕES QUÍMICAS www.agamenonquimica.com 16
95) (UNI-RIO) O dióxido de carbono (CO2) é um gás essencial no globo terrestre. Sem a presença desse
gás, o globo seria gelado e vazio. Porém, quando é inalado em concentração superior a 10%, pode
levar o indivíduo à morte por asfixia. Esse gás apresenta em sua molécula um número de ligações
covalentes igual a:
a) 4.
b) 1.
c) 2.
d) 3.
e) 0.
96) (UFAM-AM)
Qual alternativa abaixo apresenta substâncias que não podem ser formadas pela correta combinação
dos elementos?
a) EY2; E3X2; QT3; ML
b) ET2; MY, ML, PL3
c) OL3; GT2; AZ
d) E3O2; OL3; LY; GT2
e) XL3; ML; QO; EY2
97) (PUC-SP) Considere os seguintes elementos químicos e suas localizações na Tabela Periódica.
A: família 1A
B: família 5A
C: família 6A
D: família 7A
Qual á a fórmula representativa de uma possível substância formada por dois dos elementos citados e
cuja fórmula molecular apresenta três ligações covalentes?
a) AB3.
b) A2B.
c) B3C.
d) AD.
e) BD3.
98)(UFRJ) Observe a estrutura genérica representada abaixo.
H O
X
H O
O
Para que o composto esteja corretamente representado, de acordo com as ligações químicas indicadas
nas estrutura, X deverá ser substituído pelo seguinte elemento:
Dados: P (Z = 15), S (Z = 16), C (Z = 6), N (Z = 7) e H (Z = 1).
a) Fósforo.
b) Enxofre.
c) Carbono.
d) Nitrogênio.
e) Hidrogênio.
99) Na molécula de hidroxilamina (NH2OH), o número total de pares eletrônicos que unem os átomos é igual
a: Dados: H (Z = 1); N (Z = 7); O (Z = 8)
a) 3.
b) 4.
c) 5.
d) 6.
e) 7.
Prof. Agamenon Roberto LIGAÇÕES QUÍMICAS www.agamenonquimica.com 17
100) Analise a tabela e assinale a alternativa correta:
Ligação iônica Uma ligação
covalente simples
Duas ligações
covalentes dupla
somente
I MgCl2 HCl P2O3
II Cl2 O2 CO
III F2 N2 N2O3
IV FeCl3 HBr CO2
V NaCl Cl2 SO2
a) I.
b) II.
c) III.
d) IV.
e) V.
101)(UFLA-MG) Assinale a alternativa em que ambos os compostos apresentam ligações covalentes
múltiplas (duplas ou triplas).
Dados: H (Z = 1); O (Z = 8); Cl (Z = 17); N (Z = 7); C (Z = 6); Al (Z = 13); K (Z = 19).
a) H2O e O2.
b) H2O2 e HCl.
c) Cl2 e NH3.
d) CO2 e N2.
e) AlCl3 e KCl.
102)O número total de elétrons que são compartilhados na formação de uma molécula de gás carbônico,
CO2(g), é igual a:
Dados: carbono (Z = 6); oxigênio (Z = 8)
a) 2.
b) 4.
c) 6.
d) 8.
e) 10.
103)(Acafe-SC) Num cristal de NaCl, a menor distância entre os núcleos dos íons Na+ e Cl– é 2,76 Å, e a
distância entre os dois íons cloreto que se encostam é 3,26 Å.
Portanto, o raio do íon sódio é:
a) 2,76 Å
b) 0,95 Å
c) 3,62 Å
d) 0,86 Å
e) 6,38 Å
104)(Covest-2008) Os halogênios: F (Z = 9), Cl (Z = 17), Br (Z = 35) e I (Z = 53) são elementos químicos
importantes, alguns deles também encontrados na água do mar. Sobre estes elementos, podemos
afirmar que:
a) apresentam, todos, camada de valência com configuração eletrônica s2p5.
b) são elementos com baixa eletronegatividade e esta propriedade decresce ao longo do grupo na
tabela periódica.
c) formam moléculas diatômicas do tipo X2, todas elas gasosas nas condições ambientes (1 atm e
25oC).
d) o átomo de Br deve possuir raio atômico maior que o do F, por outro lado, o raio iônico do Br– é
menor que o raio iônico do Cl–.
e) apresentam forte tendência a formar compostos covalentes com os metais alcalinos.
Prof. Agamenon Roberto LIGAÇÕES QUÍMICAS www.agamenonquimica.com 18
105)(FCMSC-SP) A ligação entre átomos iguais para formar moléculas diatômicas é sempre do tipo:
a) iônico.
b) covalente.
c) de Van der Waals.
d) metálico.
e) eletrovalente.
106)(PUC-MG) O elemento X do terceiro período da tabela periódica forma com o magnésio o composto
MgX e, com o hidrogênio, H2X. O número de elétrons da última camada de X é:
a) 1.
b) 2.
c) 4.
d) 6.
e) 7.
107)Se o composto molecular mais simples formado pelos elementos X e Y for XY3, as estruturas
eletrônicas das camadas mais externas de X e Y poderão ser respectivamente:
a) ns2 np3 nd10 (n +1)s2 (n +1) p5.
b) ns2 np4 nd10 (n +1)s2 (n +1) p5.
c) ns2 np1 ns2 np4.
d) ns2 np5 ns2 np4.
e) ns2 np6 ns2 np5.
108)(Covest-2008) Em relação aos elementos químicos descritos no início de cada proposição, analise as
sentenças sublinhadas.
1) O lítio metálico é utilizado atualmente nas baterias de telefones celulares. A primeira e a segunda
energias de ionização para este elemento (Z = 3) são 520 e 7.300 kJ mol–1, respectivamente. A
segunda energia de ionização é muito alta porque, com a perda do segundo elétron, o íon adquire a
configuração eletrônica de um gás nobre.
2) O flúor (Z = 9) tem grande tendência de formar íons fluoreto; o neônio (Z = 10) não tende a formar
íons, pois é um gás nobre, e o sódio (Z = 11) é encontrado na natureza na forma de Na+. F– , Ne e
Na+ têm a mesma configuração eletrônica; entretanto, o raio do íon sódio é o menor em
decorrência de sua carga nuclear mais elevada.
3) O hidrogênio (Z = 1), que é o elemento mais abundante no universo, possui três isótopos, com
número de massa (A) igual a 1, 2 e 3 O deutério é o isótopo com A = 2, e o trítio tem A = 3. A fusão
de dois núcleos de deutério pode originar um núcleo que possui 2 prótons e 3 nêutrons.
4) Oxigênio, silício e alumínio são os três elementos mais abundantes no planeta Terra. Tanto o silício
quanto o alumínio podem se combinar com oxigênio, formando óxidos. O oxigênio tem Z = 8, o
silício Z = 14, e o alumínio Z = 13.
Conseqüentemente, as composições dos óxidos de silício e de alumínio devem ser Si2O3 e AlO2,
respectivamente.
Está(ão) correta(s):
a) 1, 2, 3 e 4
b) 1 e 3 apenas
c) 2 apenas
d) 3 apenas
e) 2, 3 e 4 apenas
109)O elemento flúor forma compostos com hidrogênio, carbono, potássio e magnésio, respectivamente. Os
compostos covalentes ocorrem com:
a) H e Mg.
b) H e K.
c) C e Mg.
d) H e C.
e) K e Mg.
Prof. Agamenon Roberto LIGAÇÕES QUÍMICAS www.agamenonquimica.com 19
110)(Mack-SP) Dentre os compostos a seguir, indique qual deles apresenta apenas ligações covalentes
comuns:
a) SO3.
b) NaCl.
c) NH3.
d) O3.
e) H2SO4.
111)(Covest-2008) Considerando os elementos químicos com as seguintes configurações eletrônicas:
Aa: 1s1; Bb: 1s2 2s1; Cc: 1s2 2s2 2p2; Dd: 1s2 2s2 2p4; Ee: 1s2 2s2 2p5;
Ff: 1s2 2s2 2p6; Gg: 1s2 2s2 2p6 3s1, analise as afirmativas a seguir.
0 0 Apenas dois desses elementos apresentam configuração eletrônica de gás nobre.
1 1 Aa e Dd podem formar moléculas diatômicas homonucleares.
2 2 A molécula de Aa2 é formada por uma ligação simples, e a molécula de Dd2 tem ligação
dupla.
3 3 Aa, Bb e Ff pertencem ao mesmo grupo da Tabela Periódica.
4 4 Bb, Cc e Ee pertencem ao mesmo período da Tabela Periódica.
0 – 0 Falso: Apenas Ff é um gás nobre.
1 – 1 Verdadeiro: Ao formar moléculas diatômicas, ambos ficarão com suas camadas eletrônicas preenchidas.
2 – 2 Verdadeiro: Aa tem apenas um elétron para compartilhar. No caso de Dd, dois elétrons devem ser compartilhados entre os
dois átomos.
3 – 3 Falso: Ff tem a segunda camada completa, enquanto os demais têm 1 elétron na camada mais externa.
4 – 4 Verdadeiro: Em todos, a 2ª camada é a mais externa.
112)(Covest-2008) Também em relação aos elementos químicos cujas configurações eletrônicas foram
apresentadas na questão anterior, analise as afirmativas a seguir.
0 0 Bb e Gg formam cátions monovalentes.
1 1 A primeira energia de ionização de Gg é maior que a de Bb.
2 2 Uma substância resultante da combinação de Aa com Dd deverá ter a fórmula Aa2Dd.
3 3 Aa e Bb formam compostos covalentes quando se combinam com Ee.
4 4 Ff2 deve ser um composto estável.
0 – 0 Verdadeiro: Ao perder um elétron, ambos adquirem configuração eletrônica de gás nobre.
1 – 1 Falso: O elétron mais externo de Gg sente menor atração pelo núcleo que o elétron mais externo de Bb.
2 – 2 Verdadeiro: Cada Aa precisa compartilhar 1 elétron, e Dd necessita de 2.
3 – 3 Falso: BbEe é um composto iônico.
4 – 4 Falso: Ff tem configuração eletrônica de gás nobre.
113)(Covest-2008) Ainda com relação às configurações eletrônicas apresentadas na questão 10, podemos
afirmar que:
0 0 GgEe é um composto iônico.
1 1 Cc pode apresentar hibridização do tipo sp3.
2 2 CcAa3 e CcDd2 são compostos estáveis.
3 3 Dd e Ee são muito eletronegativos.
4 4 Gg é um metal de transição.
0 – 0 Verdadeiro.
1 – 1 Verdadeiro.
2 – 2 Falso: CcAa4 é que deve ser estável, pois Cc precisa de 4 elétrons para completar seu octeto.
3 – 3 Verdadeiro.
4 – 4 Falso: Gg não tem elétrons d.
114)O elemento mais eletronegativo do terceiro período na classificação periódica une-se, respectivamente,
ao hidrogênio e ao sódio através de ligações:
a) covalente e metálica.
b) covalente e iônica.
c) metálica e covalente.
d) metálica e iônica.
e) iônica e covalente.
Prof. Agamenon Roberto LIGAÇÕES QUÍMICAS www.agamenonquimica.com 20
115)(Cesgranrio-RJ) Um átomo possui a seguinte distribuição eletrônica [Ar]3d10 4s24p5 . Esse átomo, ao se
ligar a outros átomos não-metálicos, é capaz de realizar:
a) somente uma ligação covalente simples.
b) somente uma ligação covalente dupla.
c) uma ligação covalente simples e no máximo uma dativa.
d) uma ligação covalente simples e no máximo duas dativas.
e) uma ligação covalente simples e no máximo três ligações dativas.
116)(Mack-SP) Os números quânticos do elétron mais energético do átomo X no estado fundamental são:
n = 3, = 1, m = – 1 e s = + 1/2.
Indique o tipo de ligação e a fórmula do composto formado entre o elemento X e o elemento Y
localizado no 4º período e na família 1 da tabela periódica.
Observação: considere que o primeiro elétron a entrar no orbital possui spin – 1/2.
a) Y2X3 e dativa.
b) YX e iônica.
c) YX2 e covalente normal.
d) Y2X e iônica.
e) YX e covalente normal.
117)Podemos afirmar sobre o ácido sulfúrico (H2SO4) que:
Dados: H (Z = 1); O (Z = 8); S (Z = 16)
0 0 No composto temos quatro ligações covalentes normais.
1 1 O hidrogênio une-se ao oxigênio por uma covalência normal.
2 2 Encontramos no referido ácido duas ligações covalentes dativas.
3 3 Temos 4 ligações covalentes dativas.
4 4 O composto é iônico.
118)(Covest-90) Em qual das espécies abaixo está representada corretamente a estrutura de Lewis?
119)(UFPA) Na reação de óxido de lítio com ácido clorídrico, ocorre a formação de cloreto de lítio e água:
Li2O + 2 HCl 2 LiCl + H2O
As substâncias envolvidas nesta reação apresentam os seguintes tipos de ligações químicas:
Li2O HCl LiCl H2O
a Covalente Covalente Iônica Iônica
b Covalente Iônica Iônica Covalente
c Iônica Covalente Covalente Iônica
d Iônica Covalente Iônica Covalente
e Iônica Iônica Covalente Covalente
120)Na fórmula do ácido sulfúrico (H2SO4), encontramos:
a) 6 ligações covalentes.
b) 8 ligações covalentes.
c) 2 ligações covalentes e 2 ligações dativas.
d) 4 ligações covalentes e 2 ligações dativas.
e) 6 ligações covalentes e 2 ligações dativas.
a) H
H
H
H
H H
H H
H H
Cl
O
F F
C C
N
b)
c)
d)
e)
Prof. Agamenon Roberto LIGAÇÕES QUÍMICAS www.agamenonquimica.com 21
121)Certo átomo pode formar 3 covalências normais e 1 dativa. Qual a provável família desse elemento na
classificação periódica?
a) 3 A .
b) 4 A .
c) 5 A .
d) 6 A .
e) 7 A .
122)(SSA -2010.1º ano) As afirmativas abaixo são referentes às ligações químicas que ocorrem nas
substâncias moleculares ou iônicas.
I. Na molécula do C3H3Cl, há duas ligações duplas entre átomos de carbono.
II. Na molécula do ácido fosfórico, não há ligação covalente dativa entre átomos constituintes
dessa molécula.
III. O cloreto de amônio é uma substância, que exemplifica a existência de ligações iônica e
covalente na mesma molécula.
IV. As moléculas do CO e HCN apresentam em comum uma ligação covalente tripla,
envolvendo átomos de carbono.
V. Na molécula do ácido clórico, não há ligação covalente dativa entre átomos de oxigênio e
cloro.
São VERDADEIRAS
a) I, II e III.
b) I, III e IV.
c) I, III e V.
d) II, III e V.
e) III, IV e V.
I. Cl – C = C = C – H Cl – C C – CH3 (pode ser verdade ou falso)
I I
H H
O – H
I
II. H – O – P O
I
O – H
III. Verdadeiro, pois no NH4
+ temos ligações covalentes e este íon liga-se ao Cl– por uma ligação iônica.
IV. Falso, no CO (monóxido de carbono) temos uma ligação dativa e uma ligação dupla. Porém há autores que
consideram a ligação dativa como covalente normal, isto faria a afirmação verdadeira.
V. H – O – Cl O (Há duas ligações dativas).
O
123)(Mackenzie-SP) O número de ligações dativas do elemento cloro (grupo 7 A ou 17) é:
a) 7.
b) 5.
c) 3.
d) 1.
e) 0.
124)Analise as proposições referentes às ligações químicas:
0 0 Os metais alcalinos sempre formam ligações covalentes com os halogênios.
1 1 Os elementos do grupo IIA, simbolizados por M, formam ligações iônicas com o cloro,
originando compostos do tipo MCl2.
2 2 A ligação química entre o elemento de número atômico 9 e o elemento de número atômico
11 apresenta forte caráter iônico.
3 3 A ligação covalente é caracterizada pelo compartilhamento de par de elétrons entre dois
átomos.
4 4 Na ligação coordenada, dois átomos contribuem, cada um, com um elétron.
Prof. Agamenon Roberto LIGAÇÕES QUÍMICAS www.agamenonquimica.com 22
125)No cianeto de potássio (KCN), há ligações:
a) iônica e covalentes simples.
b) iônica e covalente dupla.
c) iônica e covalente tripla.
d) metálica e covalente tripla.
e) metálica e iônica.
126) (UNAMA-AM)
O planeta está em chamas!
O efeito estufa já está elevando a temperatura da terra a níveis quase insuportáveis para o homem. A
emissão dos gases causadores deste efeito só faz aumentar de ano a ano e o maior vilão é a
quantidade, cada vez maior, de veículos automotivos queimando combustíveis derivados do petróleo,
como a gasolina e o diesel. Esta queima contínua lança na atmosfera quantidades enormes de gás
carbônico e de vapor d’água. Uma outra substância que contribui bastante para o aumento da
temperatura da terra é o metano, produzido, principalmente, pelos rebanhos de gado bovino e ovino.
Em termos de ligação química, as três substâncias citadas no texto apresentam, na ordem destacada:
a) 4 ligações covalentes normais; 2 ligações covalentes normais; 4 ligações covalentes normais.
b) 2 ligações covalentes normais e 1 dativa; 3 ligações covalentes normais; 4 ligações covalentes
normais.
c) 4 ligações covalentes normais e 1 dativa; 2 ligações covalentes normais; 4 ligações covalentes
normais.
d) 2 ligações covalentes normais; 2 ligações covalentes normais; 4 ligações covalentes normais.
127)(UPE-2008-Q1) Analise as distribuições eletrônicas abaixo, referentes aos elementos químicos A, B, C,
D e E.
A _ 1s2.............3p4
B _ 1s2.............2p4
C _ 1s2.............2p3
D _ 1s2.............3s1
E _ 1s2.............3p5
São feitas as seguintes afirmações em relação aos elementos acima.
I. A existência na atmosfera do composto DE produz alterações significativas no pH do ambiente,
contribuindo para a perda da biodiversidade.
II. Em países nos quais a sua matriz energética é baseada nos combustíveis fósseis, constata-se
que sua atmosfera é rica em AB2 e AB3.
III. Os desmatamentos da Mata Atlântica, as doenças pulmonares, a poluição dos rios e as fontes
de água estão relacionados com a presença de B3 na atmosfera terrestre.
IV. A presença, em nosso planeta, de B3 na ozonosfera é muito prejudicial à saúde dos seres
vivos, pois inúmeras são as doenças dele decorrentes que atingem os humanos.
São FALSAS as afirmativas, EXCETO:
a) I apenas.
b) II apenas.
c) III apenas.
d) IV apenas.
e) I e II apenas.
Prof. Agamenon Roberto LIGAÇÕES QUÍMICAS www.agamenonquimica.com 23
128)(Unifor-CE) À molécula de água, H2O, pode-se adicionar o próton H+, produzindo o íon hidrônio H3O+.
H
H
H
H
H
O H
O
+ +
+
No hidrônio, quantos pares de elétrons pertencem, no total, tanto ao hidrogênio quanto ao oxigênio?
a) 1.
b) 2.
c) 3.
d) 4.
e) 6.
129)Na molécula do monóxido de carbono, , quantos elétrons são compartilhados pelos átomos?
a) 4.
b) 5.
c) 6.
d) 10.
e) 14.
130)(UFCE) No envenenamento por monóxido de carbono (CO), as moléculas desse gás se ligam aos
átomos de ferro da hemoglobina, deslocando o oxigênio e causando, rapidamente, a asfixia.
Quantos pares de elétrons disponíveis do oxigênio existem na molécula do CO para se ligarem ao
ferro da hemoglobina por meio de ligação covalente dativa?
a) 1.
b) 2.
c) 3.
d) 4.
e) 6.
131)(UCS-RS) Nas fórmulas estruturais de ácidos abaixo, “X” representa um elemento químico.
H
H H
H
H
H H
H
X
X X
O X
O O
O
O
O O
O
O
O O
O
O O
I.
II.
III.
IV.
Os elementos que substituem corretamente o “X” nas fórmulas estruturais são, respectivamente:
a) N, C, S, P.
b) N, Si, Se, Br.
c) P, C, Se, N.
d) N, Sn, As, P.
e) P, Pb, Br, As.
(I) X: tem 3 elétrons desemparelhados (cada covalente normal) e um par (dativa) 5 A (N)
(II) X: tem 4 elétrons desemparelhados (cada covalente normal) 4 A (C).
(III) X: tem 2 elétrons desemparelhados (cada covalente normal) e 2 pares livres (2 dativas) 6 A (S).
(IV) X tem 3 elétrons desemparelhados (cada covalente normal) e um par (dativa) 5 A (P)
132)(Covest-2005) Um elemento químico foi investigado por um grupo de pesquisadores que obteve as
seguintes informações a respeito de seu átomo:
(I) Número de camadas eletrônicas: 3
(II) Número de elétrons na última camada: >3
(III) Número de elétrons desemparelhados: 2
Estas informações permitem que algumas das características deste elemento sejam conhecidas. Entre
elas podemos destacar:
0 0 O elemento é um metal.
1 1 O elemento pode realizar ligações covalentes.
2 2 O elemento possui orbitais "s" totalmente preenchidos.
3 3 O elemento pode fazer ligações com o oxigênio (Z=8).
4 4 No tocante a ligações covalentes do tipo sigma, este elemento pode realizar no máximo
2 ligações.
C O
Prof. Agamenon Roberto LIGAÇÕES QUÍMICAS www.agamenonquimica.com 24
Justificativa:
Com as informações, pode-se concluir que existem dois números atômicos possíveis para o elemento
em questão: Z= 14 ou Z = 16.
0-0) Falsa. Pelas informações pode-se deduzir que o elemento em questão é um elemento típico, localizado no
lado superior direito da tabela periódica e, portanto, um não-metal ou, no máximo, um semimetal.
1-1) Verdadeira. Sendo um não-metal, este elemento pode realizar ligações covalentes.
2-2)Verdadeira. Possuindo mais de 3 elétrons na última camada implica que os orbitais "s" estão totalmente
preenchidos.
3-3) Verdadeira. Praticamente todos os elementos da tabela periódica se ligam ao oxigênio.
4-4) Falsa. Através de hibridização, por exemplo, o possível elemento de Z = 14 poderia realizar 4 ligações sigma
(híbridos sp3), e o elemento de Z = 16 poderia realizar 6 ligações (híbridos sp3d2).
133)(MACKENZIE) A fosfina é um gás auto – inflamável, formado por fósforo (Z = 15) hidrogênio (Z = 1),
produzindo na decomposição de matérias orgânicas. Assim, em cemitérios, por vezes, as pessoas se
assustam ao se depararem com nuvens deste gás e, se correrem, devido ao deslocamento do ar, têm
a impressão de que o fogo as acompanha. Esse fenômeno é conhecido por fogo – fátuo. Com relação
à fosfina, é INCORRETO afirmar que:
a) Tem fórmula molecular PH3.
b) Possui três ligações covalente sigma.
c) O fósforo possui um par de elétrons disponível.
d) Não possui ligação pi.
e) Tem fórmula estrutural P H.
134)O átomo A (Z = 14) combina-se com o hidrogênio (Z = 1), formando um composto cuja fórmula e tipo de
ligação são, respectivamente:
a) AH4 e sigma (sp3 – s)
b) AH3 e sigma (sp2 – s)
c) AH4 e sigma (sp2 – s)
d) AH2 e sigma (sp – s)
e) AH3 e sigma (sp – s)
135)(UNEMAT-MT) As hibridações ocorridas em ordem seqüencial nos compostos H2CO3, CH4 e C2H2, são
respectivamente dos tipos:
a) sp3, sp2, sp.
b) sp, sp3, sp2.
c) sp, sp2, sp3.
d) sp2, sp, sp3.
e) sp2, sp3, sp.
136)(ITA-SP) A(s) ligação(ões) carbono-hidrogênio existente(s) na molécula do metano (CH4), pode(m) ser
interpretada(s) como formada(s) pela interpenetração frontal dos orbitais atômicos “s” do átomo de
hidrogênio com os seguintes orbitais atômicos do átomo de carbono:
a) quatro orbitais “p”.
b) quatro orbitais híbridos “sp3 “.
c) um orbital híbrido “sp3 “.
d) um orbital “s” e três orbitais “p”.
e) um orbital “p” e três orbitais “sp2”.
137)Na molécula de hidreto de bromo, HBr, a ligação entre o átomo de hidrogênio e o de bromo é
predominantemente:
a) sigma s-s.
b) pi p-p.
c) sigma s-p.
d) sigma p-p.
e) pi s-p.
138)Na molécula do H2, temos ligações covalente:
a) sigma do tipo s-s.
b) sigma do tipo s-p.
c) sigma do tipo p-p.
d) pi e sigma s-s.
e) pi.
Prof. Agamenon Roberto LIGAÇÕES QUÍMICAS www.agamenonquimica.com 25
139)(ACAFE) Incrível, mas 15% do gás metano existente na atmosfera provém do arroto dos bois, vacas,
cabras e carneiros, contribuindo para o efeito estufa (aquecimento atmosférico). Assinale a alternativa
que descreve os tipos de ligações químicas encontradas neste gás:
a) 2 iônicas e 2 covalentes
b) 2 ligações dativas
c) 4 ligações duplas
d) 2 sigmas e 2 pi
e) 4 ligações sigmas
140)Na molécula do Cl2, temos:
a) uma ligação covalente do tipo s-s.
b) uma ligação covalente do tipo s-p.
c) uma ligação covalente do tipo sigma p-p.
d) uma ligação covalente do tipo pi.
e) uma ligação covalente do tipo pi e outra do tipo sigma, do tipo p-p.
141) Na molécula com a fórmula estrutural abaixo, as ligações H – C, Cl – C e O = C são, respectivamente:
H – C = O
I
Cl
a) sigma s-sp2, sigma p-sp2, (sigma sp2-p + pi).
b) sigma s-sp2, sigma p-sp2, (sigma sp2-sp2 + pi).
c) sigma s-sp, sigma p-sp, (sigma sp-sp + pi).
d) sigma p-p, sigma p-p, (sigma sp2-p + pi).
e) pi, pi, (pi + pi).
142)Quais dos compostos apresentam hibridização do tipo “sp2”?
I II III IV V
BeCl2 BCl3 CCl4 C2Cl6 C2Cl4
a) I e II.
b) II e III.
c) IV e V.
d) II e V.
e) Todos os compostos.
143)(PUC-RJ) Observa-se que, exceto o hidrogênio, os outros elementos dos grupos IA a VIIIA da tabela
periódica tendem a formar ligações químicas de modo a preencher oito elétrons na última camada.
Esta é a regra do octeto. Mas, como toda regra tem exceção, assinale a opção que mostra somente
moléculas que não obedecem a esta regra:
BH3 CH4 H2O HCl XeF6
I II III IV V
a) I, II e III.
b) II, II e IV.
c) IV e V.
d) I e IV.
e) I e V.
144)(IFET) Analise as proposições abaixo com relação as ligações químicas e suas propriedades:
II. O átomo de alumínio sempre forma compostos iônicos com ametais.
III. Os compostos BeH2 , NO e XeF2 estão de acordo com a regra do octeto.
IV. Sólidos iônicos são maus condutores de calor e eletricidade.
V. O ciclo de Born-Haber e a aplicação da lei de Hess para justificar a formação do agregado iônico.
Esta(ao) correta(s), apenas:
a) I.
b) I e II.
c) I e III.
d) III.
e) III e IV.
Prof. Agamenon Roberto LIGAÇÕES QUÍMICAS www.agamenonquimica.com 26
145)(PUC-SP) Qual das seguintes séries contém todos os compostos covalentes, cuja estabilização ocorre
sem que atinjam o octeto?
a) BeCl2, BF3, H3BO3, PCl5.
b) CO, NH3, HClO, H2SO3.
c) CO2, NH4OH, HClO2, H2SO4.
d) HClO3, HNO3, H2CO3, SO2.
e) HCl, HNO3, HCN, SO3.
146)A hibridação “sp2” corresponde a geometria:
a) triangular.
b) quadrada.
c) piramidal.
d) tetraédrica.
e) linear.
147)Quando o NITROGÊNIO (grupo 5A ou 15) se liga ao cloro (grupo 7A ou 17), a molécula formada é:
a) linear.
b) trigonal.
c) tetraédrica.
d) piramidal.
e) angular.
148)(PUC-MG) Os compostos BF3, SO2, PH3, CO2 são moléculas de configuração espacial,
respectivamente:
a) trigonal, angular, trigonal, linear.
b) piramidal, angular, piramidal, angular.
c) trigonal, angular, piramidal, linear.
d) trigonal, linear, piramidal, linear.
e) piramidal, angular, piramidal, linear.
149)(UFPA) Dadas as moléculas dióxido de carbono (CO2), acetileno (C2H2), água (H2O), ácido clorídrico
(HC ) e monóxido de carbono (CO), o número de moléculas lineares é:
a) 1.
b) 2.
c) 3.
d) 4.
e) 5.
150)(Esam-RN) Considere as seguintes fórmulas e ângulos de ligações:
Fórmula Ângulo
H2O 105º
NH3 107º
CH4 109º28’
BH2 180º
As formas geométricas dessas moléculas são, respectivamente:
a) angular, piramidal, tetraédrica, linear.
b) angular, piramidal, tetraédrica, angular.
c) angular, angular, piramidal, trigonal.
d) trigonal. Trigonal, piramidal, angular.
e) tetraédrica, tetraédrica, tetraédrica, angular.
151)Assinale a alternativa que apresenta uma molécula com geometria trigonal:
Dados: 6C; 5B; 8O; 9F; 17Cl.
a) CO2.
b) BF3.
c) O2.
d) CH4.
e) HCl.
Prof. Agamenon Roberto LIGAÇÕES QUÍMICAS www.agamenonquimica.com 27
152)(PUC-SP) Os compostos BF3, SO2, PH3, CO2 são moléculas de configuração espacial,
respectivamente:
a) trigonal, angular, trigonal, linear.
b) piramidal, angular, piramidal, angular.
c) trigonal, angular, piramidal, linear.
d) trigonal, linear, piramidal, linear.
e) piramidal, angular, piramidal, linear.
153)(Odonto. Diamantina-MG) Considera as fórmulas e os ângulos de ligações dados a seguir:
Fórmula H2O NH3 CH4 BeH2
Ângulo 105° 107° 109°28’ 180°
As formas geométricas dessas moléculas são, respectivamente:
a) tetraédrica, tetraédrica, tetraédrica, angular.
b) angular, piramidal, tetraédrica, angular.
c) angular, piramidal, tetraédrica, linear.
d) angular, angular, piramidal, trigonal.
e) trigonal, trigonal, piramidal, angular.
154)(UFRN) As geometrias das moléculas de amônia, NH3, fluoreto de boro, BF3, gás carbônico, CO2, e
fluoreto de enxofre, SF6, são, respectivamente:
a) trigonal plana, trigonal plana, linear, octaédrica.
b) piramidal, trigonal plana, angular, tetraédrica.
c) trigonal plana, trigonal plana, angular, octaédrica.
d) piramidal, trigonal plana, linear, octaédrica.
e) piramidal, trigonal piramidal, linear, octaédrica.
155)(UFRS) O modelo de repulsão de pares de elétrons da camada de valência estabelece que a
configuração eletrônica dos elementos que constituem uma molécula é responsável pela sua geometria
molecular. Relacione as moléculas com as respectivas geometrias.
Dados: H (Z = 1); C (Z =6); N (Z = 7); O (Z = 8); S (Z = 16).
1 Linear 4 Angular
2 Quadrada 5 Pirâmide trigonal
3 Trigonal plana 6 Bipirâmide trigonal
Moléculas: SO3 NH3 CO2 SO2
A relação numérica, de cima para baixo, das moléculas, que estabelece a seqüência de associações
corretas é:
a) 5 – 3 – 1 – 4.
b) 3 – 5 – 4 – 6.
c) 3 – 5 – 1 – 4.
d) 5 – 3 – 2 – 1.
e) 2 – 3 – 1 – 6.
156)(URCA-CE) Assinale a opção que contém, respectivamente, a geometria das moléculas NH3 e SiCl4 no
estado gasoso.
Dados:
a) Plana trigonal e plana trigonal.
b) Piramidal e plana trigonal.
c) Plana trigonal e tetraédrica.
d) Piramidal e piramidal.
e) Piramidal e tetraédrica.
H. .N. . Cl. Si . .
.
. . .
. . . . . .
Prof. Agamenon Roberto LIGAÇÕES QUÍMICAS www.agamenonquimica.com 28
157)(UNIP-SP) Com relação à geometria das moléculas:
C P Cl
O
I I I I I I
Cl
Cl
Cl
Cl
Cl
Cl Cl
..
C Cl
Pode-se afirmar que:
a) todas são planas.
b) todas são piramidais.
c) I e II são planas.
d) apenas I é plana.
e) apenas II é espacial
158)(IFET) A geometria molecular e a polaridade das moléculas são conceitos importantes para predizer as
propriedades de um determinado composto. Dentre as alternativas abaixo, assinale aquela que
apresenta, respectivamente, as geometrias: linear, trigonal plana e quadrado planar:
a) SO2, NH3 e SF4.
b) HCN, PH3 e CH4.
c) XeF2, SO3 e XeF4.
d) CO, NH3 e CH4.
e) XeF2, SO2 e SF4.
159)(Udesc) Em 1932, o químico norte-americano Linus Pauling propôs uma medida quantitativa de
distribuição dos elétrons nas ligações em que o poder de atração dos elétrons nas ligações por um
átomo, quando esse é parte da ligação, é chamado de eletronegatividade.
Assinale a alternativa que aponta qual é o átomo de halogênio mais eletronegativo e por quê.
a) O mais eletronegativo é átomo do iodo, pois é o menor entre os halogênios e seus elétrons estão
fortemente atraídos pelo núcleo do átomo.
b) O átomo mais eletronegativo é átomo de cloro, pois é o menor entre os halogênios e seus elétrons
estão fortemente atraídos pelo núcleo do átomo.
c) O mais eletronegativo é o átomo de flúor, pois é o menor entre os halogênios e seus elétrons estão
fortemente atraídos pelo núcleo do átomo.
d) O átomo mais eletronegativo é o átomo de bromo, pois é o maior entre os halogênios e seus
elétrons formam ligações covalentes com mais facilidade.
e) O átomo mais eletronegativo é o átomo de flúor, pois é o maior entre os halogênios e seus elétrons
estão fortemente atraídos pelo núcleo do átomo.
160)(PUC-MG) Dentre as afirmações abaixo, a INCORRETA é:
Dados: H (Z = 1); Cl (Z = 17); K (Z = 19); I (Z = 53).
a) O composto formado entre um metal alcalino terroso e um halogênio é covalente.
b) O composto covalente HCl é polar, devido à diferença de eletronegatividade existente entre os
átomos de hidrogênio e cloro.
c) O composto de fórmula KI é iônico.
d) A substância de fórmula Cl2 é apolar.
e) Ligação covalente é aquela que se dá pelo compartilhamento de elétrons entre dois átomos.
161)Considere as afirmações abaixo, que se referem à molécula da espécie química SF4, interpretada à luz
da Teoria da repulsão dos pares de elétrons da camada de valência.
I. Ela apresenta estrutura tetraédrica.
II. Ela apresenta um par eletrônico isolado.
III. Suas quatro ligações S – F encontram-se no mesmo plano.
Quais estão corretas?
a) Apenas I.
b) Apenas II.
c) Apenas III.
d) Apenas I e II.
e) Apenas II e III.
Prof. Agamenon Roberto LIGAÇÕES QUÍMICAS www.agamenonquimica.com 29
162)Sobre as seguintes geometrias moleculares, analise as afirmações:
C O
..
H
O
H
..
..
H
N
H
H
F
B
F
F
O
0 0 O composto CO2 é apolar, porque o vetor momento dipolar resultante nulo.
1 1 Os compostos NH3 e H2O são moleculas polares.
2 2 Os compostos BF3 e CO2 são apolares.
3 3 Os compostos H2O e BF3 são moléculas polares, pois o vetor momento polar resultante
é diferente de zero.
4 4 Os compostos NH3 e BF3 são moléculas apolares.
163)O tipo de ligação química que ocorre entre dois átomos de cloro para formar a molécula do Cl2 é:
a) covalente polar.
b) covalente dativa.
c) eletrovalente.
d) covalente apolar.
e) metálica.
164)(Fuvest-SP) A figura mostra modelos de algumas moléculas com ligações covalentes entre seus
átomos.
A B C D
Analise a polaridade dessas moléculas, sabendo que tal propriedade depende da:
• Diferença de eletronegatividade entre os átomos que estão diretamente ligados (nas moléculas
apresentadas, átomos de elementos diferentes têm eletronegatividades diferentes).
• Forma geométrica das moléculas.
Observação: Eletronegatividade é a capacidade de um átomo para atrair os elétrons da ligação
covalente.
Dentre essas moléculas, pode-se afirmar que são polares apenas:
a) A e B.
b) A e C.
c) A, C e D.
d) B, C e D.
e) C e D.
165) Indique a molécula que não possui ligações polares:
a) H2O.
b) HCl.
c) O2.
d) CH4.
e) CHCl3.
166)(Vunesp) Um elemento químico A, de número atômico 11, um elemento químico B, de número atômico
8, e um elemento químico C, de número atômico 1, combinam-se formando o composto ABC.
As ligações A – B e B – C, no composto, são, respectivamente:
a) covalente polar, covalente apolar
b) iônica, iônica
c) covalente polar, covalente polar
d) iônica, covalente polar
e) metálica, iônica
Prof. Agamenon Roberto LIGAÇÕES QUÍMICAS www.agamenonquimica.com 30
167)Com relação às geometrias das moléculas abaixo, pode-se afirmar que ...
H
H
H H H
H
Cl
Cl
Cl .Cl
.
.
. .
.
. .
.
.
.
.
. .
.
.
.
. . .
.
. .
. . . .
. .
. .
.
.
.
.
. . . . .
.
.
.
. .
.
.
.
.
. .
.
. .
.
.
. . .
.
. .
. . . .
. .
. .
.
.
.
.
.C . . .
C C
O O O F B F
F
I) II) III)
IV) V)
a) nenhuma delas é planar.
b) todas são planares.
c) apenas uma é planar.
d) duas delas são planares.
e) três delas são planares.
168)Sobre ligações químicas:
0 0 Nas ligações covalentes normais cada átomo participa com um elétron.
1 1 Átomos de cloro (7A) podem realizar até três ligações dativa.
2 2 Sódio e cloro unem-se por ligações covalentes.
3 3 O nitrogênio (5A) tem capacidade de realizar apenas uma ligação covalente normal.
4 4 Moléculas de H2 são polares.
169)(Covest-95) Faça a associação entre as duas colunas:
I H2O. Ligação metálica
II NaCl Sólido molecular
III C2H4. L i g a ç ã o covalente polar
IV Na Ligação iônica
V I2 Ligação “pi”
Lendo a segunda coluna de cima para baixo, teremos:
a) II, V, I, III, IV.
b) I, II, IV, III, V.
c) III, IV, II, V, I.
d) V, I, III, IV, II.
e) IV, V, I, II, III.
170) (Covest-2007) O elemento fósforo (Z = 15) forma com o elemento cloro (Z = 17) as moléculas de
tricloreto de fósforo e de pentacloreto de fósforo. Sobre estes compostos podemos dizer que:
a) O tricloreto de fósforo é uma molécula apolar, enquanto que o pentacloreto é polar.
b) As ligações entre fósforo e cloro são todas do tipo “s” no tricloreto de fósforo e do tipo no
pentacloreto
c) O cloro, nestes compostos, apresenta 10 elétrons de valência.
d) A hibridização do fósforo é a mesma, em ambos os compostos.
e) Nenhum desses compostos apresenta geometria plana.
171)(UFPel-RS) Em abril de 1997, foi comemorado o centenário de descoberta do elétron. Considerando-se
que a interação mais íntima entre átomos que se ligam, na forma de compostos, é feita pelos seus
elétrons mais externos, caracterizando, assim, o seu comportamento, a fórmula química provável,
resultante da combinação entre átomos dos elementos K (Z = 19) e S (Z = 16), e o tipo de ligação que
ocorre entre eles são, respectivamente:
a) K2S; ligação iônica.
b) K2S; ligação covalente polar.
c) K2S; ligação covalente apolar.
d) KS; ligação iônica.
e) K2S2; ligação covalente polar.
172)(UEL-PR) A molécula NH3 apresenta entre os átomos ligações “X”. Estas ligações resultam do
compartilhamento de “Y” que estão mais deslocados para um dos átomos, resultando moléculas “Z”.
Completa-se o texto acima substituindo-se X, Y e Z, respectivamente, por:
a) iônicas, prótons e polar.
b) covalentes, elétrons e apolar.
c) iônicas, elétrons e apolar.
d) covalentes, elétrons e polar.
e) iônicas, prótons e apolar.
Prof. Agamenon Roberto LIGAÇÕES QUÍMICAS www.agamenonquimica.com 31
173)Um elemento A, de número atômico 16, combina-se com um elemento B, de número atômico 17.
Indique em qual das opções abaixo a fórmula molecular, a forma geométrica e a propriedade citada
descrevem corretamente o composto formado entre A e B:
a) AB; linear; sólido.
b) AB2; angular; polar.
c) A2B; angular; ponto de fusão acima de 100°C.
d) AB2; linear; apolar.
e) A2B; linear; conduz corrente elétrica quando fundido.
174)(UFES) A molécula que apresenta momento dipolar diferente de zero (molecular polar) é:
a) CS2.
b) CBr4.
c) BCl3.
d) BeH2.
e) NH3.
175)O gás carbônico liberado na atmosfera, originário da queima de combustíveis fósseis, é considerado o
responsável pelo efeito estufa, já que absorve ondas de calor refletidas pela superfície terrestre,
provocando o aquecimento da atmosfera. Por outro lado, o hidrogênio é considerado combustível não
poluente, pois o seu produto de queima é a água, que também absorve ondas de calor; porém,
condensa-se facilmente em função do seu ponto de ebulição, ao contrário do CO2.
Com base nessas informações, pode-se afirmar que a diferença de ponto de ebulição entre o CO2 e o
H2O relaciona-se
a) à interação iônica das moléculas do CO2.
b) ao menor peso molecular da água.
c) à polaridade da molécula da água.
d) ao conteúdo de oxigênio das moléculas.
e) à diferença dos raios atômicos dos elementos.
176)As polaridades das ligações e a polaridade final das moléculas de CO2, SO2 e N2, são respectivamente:
a) CO2; ligações polares e molécula apolar. SO2; ligações polares e molécula apolar. N2; ligações
apolares e molécula apolar.
b) CO2; ligações polares e molécula polar. SO2; ligações apolares e molécula apolar. N2; ligações
apolares e molécula apolar.
c) CO2; ligações polares e molécula apolar. SO2; ligações polares e molécula polar. N2; ligações
apolares e molécula apolar.
d) CO2; ligações polares e molécula apolar. SO2; ligações polares e molécula apolar. N2; ligações
apolares e molécula polar.
e) CO2; ligações polares e molécula apolar. SO2; ligações polares e molécula polar. N2; ligações
apolares e molécula apolar.
177)(FAAP-SP) “Experimente lavar com água suas mãos sujas de graxa ou manteiga”. Assinale as
afirmações corretas em relação a essa frase.
I. Suas mãos ficam limpas imediatamente, pois a graxa ou manteiga se dissolvem na presença
de um oxidante, no caso a água.
II. Suas mãos não ficam limpas, porque, não sendo solúveis em água, essas substâncias
continuam aderidas às mãos.
III. Suas mãos não ficam limpas, porque a dissolução é uma fusão a frio.
a) somente I e II são corretas.
b) somente I e III são corretas.
c) somente III é correta.
d) somente II é correta.
e) somente II e III são corretas.
178)(Rumo-2004) As moléculas de CCl4, H2O, SO2 e CO2 são respectivamente:
Dados: H (Z = 1); O (Z = 8); Cl (Z = 17); C (Z = 6); S (Z = 16).
a) polar, apolar, apolar e polar.
b) apolar, polar, apolar e apolar.
c) polar, apolar, polar e polar.
d) apolar, polar, polar e apolar.
e) apolar, polar, polar e polar.
Prof. Agamenon Roberto LIGAÇÕES QUÍMICAS www.agamenonquimica.com 32
179)(UFRS) O momento dipolar é a medida quantitativa da polaridade de uma ligação. Em moléculas
apolares, a resultante dos momentos dipolares referentes a todas as ligações apresenta valor igual a
zero. Entre as substâncias covalentes abaixo:
I) CH4 II) CS2 III) HBr IV) N2
Quais as que apresentam a resultante do momento dipolar igual a zero?
a) Apenas I e II.
b) Apenas II e III.
c) Apenas I, II e III.
d) Apenas I, II e IV.
e) I, II, III e IV.
180)Analise as proposições:
0 0 Moléculas do gás hidrogênio (H2) são polares.
1 1 As ligações entre os átomos de H e Cl são do tipo sigma.
2 2 Nas moléculas do N2 encontraremos uma ligação sigma e duas ligações pi.
3 3 A molécula de água é polar com duas ligações sigma.
4 4 A molécula de água é apolar com duas ligações sigma.
181)Átomos da família dos halogênios (7A):
0 0 Podem realizar até três ligações covalentes dativa ou coordenada.
1 1 Efetuam, no máximo, uma ligação covalente normal.
2 2 Só participam de ligações covalentes.
3 3 Formam moléculas apolares quando na forma de substância simples.
4 4 Ligados ao hidrogênios produzem moléculas lineares.
182)Observando a geometria da molécula H2O afirmamos que:
0 0 Tem geometria linear.
1 1 Suas ligações são polares.
2 2 São moléculas polares.
3 3 O oxigênio possui elétrons capazes de realizarem ligações dativas.
4 4 Hidrogênio e oxigênio possuem mesma eletronegatividade.
183)Sobre ligações químicas e polaridade das moléculas, afirma-se que:
0 0 Os átomos de carbono na molécula de metano (CH4), eteno (C2H4) e etino (C2H2)
apresentam, respectivamente, hibridação dos tipos: sp, sp2 e sp3.
1 1 Uma molécula diatômica polar é necessariamente constituída de átomos diferentes.
2 2 O composto CH3 – CH = CH – CH = CH2 apresenta 12 ligações sigma e 2 ligações pi.
3 3 A molécula BeCl2 tem estrutura linear.
4 4 O BF3 é uma molécula que possui ligações covalentes polares, sendo, portanto, uma
molécula polar.
184)(AEE-ANÁPOLES-GO) Relativamente ao hidreto de boro, é incorreto afirmar que:
Dados: B (Z = 5) e H (Z = 1).
a) Apresenta geometria trigonal plana.
b) Os ângulos entre os orbitais são de 120°.
c) A hibridação do boro é sp2.
d) É um composto predominantemente iônico.
e) Apresenta três ligações covalentes.
185)(Covest-2005) A descoberta do elemento boro (Z = 5) é atribuída a Sir Humprey Davy, Gay Lussac e
L. J. Thenard, em 1808, simultaneamente, na Inglaterra e na França. Somente com base no seu
número atômico, muitas informações sobre suas propriedades podem ser inferidas. Abaixo estão
enunciadas algumas dessas propriedades, mas somente uma é correta:
a) Seu estado de oxidação mais comum é 2.
b) A estrutura de Lewis de sua molécula diatômica é :B:B:
c) Deve formar moléculas em que o átomo de boro não obedece a regra do octeto.
d) Não forma compostos covalentes.
e) É um elemento do terceiro período da tabela periódica.
Prof. Agamenon Roberto LIGAÇÕES QUÍMICAS www.agamenonquimica.com 33
186)(PUC-MG) O composto BCl3 apresenta configuração espacial e polaridade:
a) angular e polar.
b) tetraédrica e apolar.
c) piramidal e polar.
d) diagonal e polar.
e) trigonal e apolar.
187)Na escala de eletronegatividade de Pauling, tem-se:
Li H Br N O
1,0 2,1 2,8 3,0 3,5
Esses dados permitem afirmar que, entre as moléculas a seguir, a mais polar é:
a) O2 (g).
b) LiBr (g).
c) NO (g).
d) HBr (g).
e) Li2 (g).
188)Assinale a opção na qual as duas substâncias são apolares:
a) NaCl e CCl4.
b) HCl e N2.
c) H2O e O2.
d) CH4 e Cl2.
e) CO2 e HF.
189)O aumento de diferença de eletronegatividade entre os elementos ocasiona a seguinte ordem no
caráter das ligações:
a) covalente polar, covalente polar, iônica.
b) iônica, covalente polar, covalente apolar.
c) covalente apolar, iônica, covalente polar.
d) covalente apolar, covalente polar, iônica.
e) iônica, covalente apolar, covalente polar.
190)(LA SALLE-RS) Dentre as moléculas:
I. CH4.
II. H2O.
III. CO2.
IV. NH3.
São apolares, embora formadas por ligações polares:
a) I e III.
b) I e IV.
c) III e IV.
d) II e IV.
e) II e III.
191)Considerando a polaridade das ligações e as estruturas moleculares, analise as afirmações:
0 0 A molécula H2O tem menor caráter polar que a molécula do H2S.
1 1 A molécula de H2O é polar, enquanto a molécula de CO2 é apolar.
2 2 A molécula de BF3 tem três ligações polares, porém a molécula é apolar.
3 3 A molécula de NH3 é mais polar que a molécula de CH4.
4 4 A molécula de CCl4 é apolar, porém a molécula de CHCl3 é polar.
192)Dos seguintes gases, qual o menos solúvel na água?
a) SO3.
b) HCl.
c) NO2.
d) CH4.
e) NH3.
Prof. Agamenon Roberto LIGAÇÕES QUÍMICAS www.agamenonquimica.com 34
193)(UNICAP-PE) Assinale, entre os gases abaixo representados, o mais solúvel em água.
N N N
H H H H H C
O
O
O
O
a) oxigênio.
b) nitrogênio.
c) hidrogênio.
d) amônia.
e) gás carbônico.
194)Hidrocarbonetos são compostos apolares de fórmula geral CxHy. O cicloexano (C6H12) e o benzeno
(C6H6) são líquidos, enquanto o naftaleno ou naftalina (C10H8) é sólido. Qual das afirmações seguintes é
falsa?
a) C6H6 é pouco solúvel (praticamente insolúvel) em H2O.
b) naftaleno é bastante é bastante solúvel em benzeno.
c) NH3 é extremamente solúvel em H2O.
d) HCl é praticamente insolúvel em H2O.
e) NH3 é uma substância covalente polar.
195)(PUC-MG) Dentre as afirmativas abaixo, a incorreta é:
a) O composto covalente HCl é polar, devido à diferença de eletronegatividade existente entre os
átomos de hidrogênio e cloro.
b) O composto de fórmula KI é iônico.
c) A substância de fórmula Cl2 é apolar.
d) Ligação covalente é aquela que se dá pelo compartilhamento de elétrons entre dois átomos.
e) O composto formado entre um metal alcalino terroso e um halogênio é covalente.
196)(Covest-2005) Uma substância sólida foi dissolvida em água, sem que aparentemente uma reação
tenha ocorrido. A solução resultante apresentou pH maior que 8, e era condutora de eletricidade.
Embora estes dados não sejam suficientes para identificar esta substância, podemos fazer algumas
afirmação sobre a natureza da mesma. Assinale a afirmativa que melhor descreve a natureza mais
provável deste sólido.
a) É uma substância covalente apolar.
b) É um composto iônico.
c) É uma mistura de pelo menos dois compostos.
d) Contém um metal alcalino.
e) É uma substância simples.
197)Um estudante realizou, em casa, o seguinte experimento:
• Abriu uma torneira até obter um fio de água.
• Atritou uma régua de plástico num tecido.
• Aproximou a régua o mais próximo possível de água sem tocá-la.
• A água sofreu um pequeno desvio, ou seja, a água foi atraída pela régua.
Qual a interpretação correta encontrada pelo estudante?
a) A molécula de água é polar porque os centros das cargas coincidem.
b) A molécula de água é apolar, pois os centros das cargas não coincidem.
c) A molécula de água é polar, pois os centros das cargas não coincidem.
d) A molécula de água é apolar, pois os centros das cargas coincidem.
e) Moléculas de água apresentam ligações por pontes de hidrogênio com elevada tensão superficial.
198)(Unirio) Uma substância polar tende a se dissolver em outra substância polar. Com base nesta regra,
indique como será a mistura resultante após a adição de bromo (Br2) à mistura inicial de tetracloreto de
carbono (CCl4) e água (H2O).
a) Homogênea, como o bromo se dissolvendo completamente na mistura.
b) Homogênea, com o bromo se dissolvendo apenas no CCl4.
c) Homogênea, com o bromo se dissolvendo apenas na H2O.
d) Heterogênea, com o bromo se dissolvendo principalmente no CCl4.
e) Heterogênea, com o bromo se dissolvendo principalmente na H2O.
Prof. Agamenon Roberto LIGAÇÕES QUÍMICAS www.agamenonquimica.com 35
199)A alternativa que corresponde à geometria molecular, à polaridade e às forças intermoleculares do
composto citado é:
Dados: H (Z = 1); B (Z = 5); C (Z = 6); N (Z = 7); O (Z = 8); F (Z = 9); S (Z = 16).
a) NH3: trigonal plana, apolar e ligação de hidrogênio.
b) CO2: linear, polar e forças de dipolo permanente.
c) H2S: angular, polar e ligação de hidrogênio.
d) CH4: tetraédrica, apolar e forças de dipolo induzido.
e) BF3: trigonal plana, polar e ligação covalente.
200)(Covest-2001) As ligações químicas nas substâncias K(s), HCl(g), KCl(s) e Cl2(g), são respectivamente:
a) metálica, covalente polar, iônica, covalente apolar.
b) iônica, covalente polar, metálica, covalente apolar.
c) covalente apolar, covalente polar, metálica, covalente apolar.
d) metálica, covalente apolar, iônica, covalente polar.
e) covalente apolar, covalente polar, iônica, metálica.
201)(Covest-2006) O uso de combustíveis fósseis traz sérios transtornos ambientais, entre outras coisas, o
aumento da concentração de CO2 (carbono, Z = 6 e oxigênio, Z = 8) na atmosfera, podendo provocar
alterações climáticas como furacões e tempestades tropicais mais intensas.
0 0 A molécula de CO2 é polar e sua estrutura é angular.
1 1 O carbono e o oxigênio apresentam, respectivamente, 2 e 4 elétrons de valência.
2 2 O oxigênio é um elemento mais eletronegativo que o carbono.
3 3 O oxigênio apresenta maior raio atômico que o carbono.
4 4 A molécula de CO2 não satisfaz a regra do octeto.
202)(UFG-MG) Três tubos de ensaio contêm, separadamente, amostras de 4 mL dos líquidos tetracloreto
de carbono (CCl4), etanol (H3C – CH2 – OH) e gasolina (mistura de hidrocarbonetos apolares). A cada
um destes tubos foi adicionado 1 mL de água. As densidades destes líquidos e o comportamento das
misturas estão abaixo relacionados:
líquido
água
etanol
gasolina
tetracloreto de carbono
densidade a 25°C (g/mL)
1,0
0,8
0,7
1,5
tubo I tubo II tubo III
a) I – CCl4, II – etanol, III – gasolina.
b) I – CCl4, II – gasolina, III – etanol.
c) I – etanol, II – gasolina, III – CCl4.
d) I – etanol, II – CCl4, III – gasolina.
e) I – gasolina, II – etanol, III – CCl4.
203)(UPE-2006-Q1) Admita os dois conjuntos de moléculas abaixo.
X = {NH3, BF3, CH4, SF6, O3}
Y = {BF3, PCl5, O3, SOCl2, PH3}
Em relação às moléculas que formam o conjunto X Y, assinale a alternativa correta.
a) Uma delas é melhor descrita, admitindo-se uma dupla ligação localizada e fixa entre dois átomos de
um mesmo elemento químico.
b) As moléculas são apolares e uma delas tem geometria trigonal.
c) Uma das moléculas é homonuclear, sendo representada a ligação deslocalizada dessa molécula
por uma única estrutura de Lewis.
d) Os átomos de uma das moléculas apresentam hibridização sp3d.
e) Uma das moléculas é polar, enquanto que a outra, apesar de apresentar três ligações polarizadas,
é apolar e tem forma geométrica trigonal plana.
Obs: o ozônio é polar (forma canônica angular)
204)(UPE-2006-Q1) Dentre as moléculas abaixo, assinale aquela que tem um momento dipolar, resultante
igual a zero.
a) metanal.
b) metanol.
c) clorometano.
d) 1,3,5 – triclorobenzeno.
e) 1,2,3 – triclorobenzeno.
Prof. Agamenon Roberto LIGAÇÕES QUÍMICAS www.agamenonquimica.com 36
205)(UPE-2002)
0 0 O CCl4 é uma molécula de geometria tetraédrica com momento dipolar igual a zero.
1 1 A molécula do tetrafluoreto de enxofre tem geometria octaédrica e é fortemente polar.
2 2 No sulfato de sódio, há duas ligações iônicas e quatro ligações covalentes.
3 3 O N2O5 é um óxido ácido que apresenta três ligações covalentes dativas em sua
molécula.
4 4 Um composto iônico típico dissolve-se igualmente em solventes polares e apolares na
mesma temperatura e pressão.
206)(Covest-2004) O trifluoreto de boro é um composto bastante reativo e muito utilizado em sínteses
químicas. Sabendo-se os números atômicos do boro (Z = 5) e do flúor (Z = 9), podemos deduzir
algumas características deste composto, tais como:
0 0 Possui geometria piramidal de base triangular com o boro, no topo da pirâmide, e com
três átomos de flúor, na base.
1 1 A ligação B – F é polar, já que o flúor é um elemento mais eletronegativo que o boro.
2 2 A molécula do trifluoreto de boro é apolar por conta de sua simetria.
3 3 O boro apresenta hibridização de seus orbitais, do tipo sp3.
4 4 Apesar de fazer ligações covalentes com o flúor, o boro ainda possui orbitais vazios, o
que torna o trifluoreto de boro um ácido de Lewis.
207)(Covest-96) Associe o tipo de ligação ou interação (coluna da direita) que possibilita a existência das
substâncias listadas (coluna da esquerda), no estado sólido:
1 Gelo Iônica
2 Parafina Covalente
3 Ferro Metálica
4 Carbonato de cálcio Ponte de hidrogênio
5 diamante Van der Walls
Os números na segunda coluna, lidos de cima para baixo, são:
a) 1, 2, 3, 4, 5.
b) 4, 2, 3, 1, 5.
c) 4, 5, 3, 1, 2
d) 4, 5, 3, 2, 1
e) 1, 2, 5, 3, 4
208)Compostos de HF, NH3 e H2O apresentam pontos de fusão e ebulição maiores quando comparados
com H2S e HCl, por exemplo, devido às:
a) forças de Van Der Waals.
b) forças de London.
c) pontes de hidrogênio.
d) interações eletrostáticas.
e) ligações iônicas.
209)(Covest-2005) A amônia é um gás bastante solúvel em água, produzindo soluções alcalinas. Sabendo
que ele é formada por átomos de N (Z = 7) e H (Z = 1), podemos dizer que:
0 0 O nitrogênio na molécula de amônia apresenta orbitais híbridos do tipo sp2.
1 1 A geometria da molécula é trigonal plana.
2 2 A molécula de amônia pode formar pontes de hidrogênio com a molécula de água.
3 3 A amônia pode ser vista como uma base de Lewis.
4 4 A amônia é uma substância simples.
0-0) Falsa. O nitrogênio, na molécula de amônia, apresenta orbitais híbridos do tipo sp3.
1-1) Falsa. Ela tem a forma de um tetraedro ligeiramente distorcido, onde um dos vértices está ocupado pelo par de elétrons não ligantes, e os demais,
pelos átomos de hidrogênio. O nitrogênio ocupa o centro deste tetraedro.
2-2) Verdadeira. Tanto os átomos de hidrogênio da molécula de água quanto os da molécula de amônia estão extremamente polarizados e podem
interagir em pontes de hidrogênio com os pares de elétrons não ligantes disponíveis em ambas as moléculas.
3-3) Verdadeira. A molécula possui um par de elétrons não ligantes que podem ser compartilhados em ligações coordenadas, o que satisfaz o conceito de
base de Lewis.
4-4) Falsa. A amônia é composta por átomos de hidrogênio e nitrogênio.
Prof. Agamenon Roberto LIGAÇÕES QUÍMICAS www.agamenonquimica.com 37
210)(UPE-2007 – Q1) Analise as afirmativas abaixo que se relacionam aos fundamentos da química. Dentre
elas, assinale a que você julga verdadeira.
Dado: Cu (Z = 29)
a) É possível distribuir 14 elétrons em um orbital do tipo “f”, desde que os spins desses elétrons sejam
opostos.
b) No íon Cu2+, há três orbitais “d” semipreenchidos no terceiro nível de energia.
c) Em uma seqüência de átomos pertencentes a uma mesma família, nem sempre o mais
eletronegativo é o de maior afinidade eletrônica.
d) A não-existência do estado líquido para os gases nobres evidencia a ausência de interações
atrativas entre suas moléculas.
e) Como o átomo de enxofre tem um raio atômico maior que o do oxigênio, o ângulo entre os átomos
de hidrogênio na molécula do H2S é maior que o existente na molécula do H2O.
211)(U. F. Santa Maria-RS) A temperatura de ebulição das substâncias normalmente aumenta à medida
que aumenta a sua massa molecular. Analisando o gráfico, que mostra a temperatura de ebulição (T.E.)
de ácidos halogenídricos, percebe-se que o HF tem um comportamento anômalo. Esse comportamento
do ácido fluorídrico pode ser atribuído a (à):
a) fortes ligações covalentes entre os átomos.
b) formação de cristais covalentes.
c) interações do tipo forças de Van der Waals.
d) interações do tipo pontes de hidrogênio.
e) fortes ligações iônica entre os átomos.
212)(Covest-2005) Sobre as moléculas NH3, BF3 e CH4, podemos afirmar que:
1) por se tratarem de moléculas heteroatômicas assimétricas, todas são polares.
2) a molécula BF3 deve ser plana, pois o elemento B apresenta uma hibridização do tipo sp2.
3) as moléculas NH3 e CH4 apresentam pontes de hidrogênio devido à presença de H em sua
estrutura.
Está(ao) correto(s) apenas:
a) 1.
b) 2.
c) 3.
d) 1 e 3.
e) 2 e 3.
213)(Vunesp) A um frasco graduado contendo 50 mL de álcool etílico foram adicionados 50 mL de água,
sendo o frasco imediatamente lacrado para evitar perdas por evaporação. O volume da mistura foi
determinado, verificando-se que era menor do que 100 mL. Todo o processo foi realizado à
temperatura constante. Com base nessas informações, é correto afirmar:
a) Os volumes das moléculas de ambas as substâncias diminuíram após a mistura.
b) Os volumes de todos os átomos de ambas as substâncias diminuíram após a mistura.
c) A distância média entre moléculas vizinhas diminuiu após a mistura.
d) Ocorreu reação química entre a água e o álcool.
e) Nas condições descritas, mesmo que fossem misturados 50 mL de água a outros 50 mL de água, o
volume final seria inferior a 100 mL.
214)(UEL-PR) Das seguintes fórmulas, qual representa uma substância cujas moléculas se associam por
pontes de hidrogênio?
a) CH4.
b) HF.
c) SiH4.
d) BH3.
e) H2.
Prof. Agamenon Roberto LIGAÇÕES QUÍMICAS www.agamenonquimica.com 38
215)(UFS-SE) Na seguinte estrutura estão representadas moléculas de água unidas entre si por ligações:
H
O
H
H
O
H H
O
H
a) covalentes.
b) iônicas.
c) por pontes de hidrogênio.
d) por pontes de oxigênio.
e) peptídicas.
216)(Covest – 2011) Considere os seguintes compostos:
1) CH3CH2OH
2) CH3COOH
3) CH3COOCH2CH3
4) CH3COO-Na+
0 0 O composto (1) possui interações intermoleculares do tipo ligações de hidrogênio.
1 1 O composto (3) pode ser obtido a partir da reação de esterificação entre (1) e (2).
2 2 O composto (4) deve possuir maior ponto de fusão.
3 3 O composto (2) pode ser obtido a partir da redução do composto (1)
4 4 O composto (4) pode ser obtido a partir da reação de (2) com uma base.
0-0) Verdadeiro. O composto (1) possui interações intermoleculares do tipo ligações de hidrogênio, já
que possui hidrogênio ligado a átomo de oxigênio.
1-1) Verdadeiro. O composto (3) pode ser obtido a partir da reação de esterificação entre (1) e (2). de
acordo com o esquema abaixo:
CH3COOH + CH3CH2OH CH3COOCH2CH3 + H2O
2-2) Verdadeiro. O composto (4) deve possuir maior ponto de fusão, já que (4) é iônico.
3-3) Falso. O composto (2) pode ser obtido a partir da redução do composto (1). O correto seria
oxidação.
4-4) Verdadeiro. O composto (4) pode ser obtido a partir da reação de (2) com uma base. de acordo com
o esquema abaixo:
CH3COOH + NaOH CH3COO-Na+ + H2O
217)(UPE-2003) Os “umidificantes” são usados há bastante tempo para proteger e reidratar a pele. Esses
produtos são constituídos por emolientes e umectantes, cuja finalidade é aumentar o teor de água na
pele, de diferentes formas. Os umectantes atuam adicionando água à pele, atraindo vapor de água do
ar. Dentre as substâncias abaixo, qual a que melhor se comporta, quimicamente, como umectante?
a) benzeno.
b) etano.
c) glicerina.
d) éter dimetílico.
e) tetracloreto de carbono.
218)(UPE-2007 – Q2) As afirmativas seguintes estão relacionadas com as ligações químicas. Assinale a
verdadeira.
a) Os compostos iônicos típicos são constituídos por íons atraídos eletrostaticamente, razão pela qual
só conduzem a corrente elétrica quando dissolvidos em água.
b) Uma das características fundamentais das ligações químicas, sejam elas metálicas, covalentes ou
iônicas, é que são fortemente orientadas no espaço.
c) Os compostos formados por ligações covalentes são geralmente gasosos, apolares e, em contato
com água, não formam soluções eletrolíticas.
d) Os compostos ortoclorofenol e paraclorofenol apresentam temperaturas de ebulição iguais, porque
as moléculas dessas substâncias não formam ligações de hidrogênio intermoleculares.
e) Dentre os gases nobres, o radônio apresenta a mais alta temperatura de ebulição.
Prof. Agamenon Roberto LIGAÇÕES QUÍMICAS www.agamenonquimica.com 39
219)(UNIFOA-RJ) A água é a substância química mais abundante da matéria viva, constituindo, em média,
cerca de 75% do peso do corpo dos seres vivos, podendo variar entre indivíduos de espécies
diferentes e em indivíduo da mesma espécie, só variando os fatores como idade, sexo e estado
fisiológico. A água, quando comparada a outros líquidos, tem propriedades interessantes, todas elas
relacionadas com a sua estrutura molecular. Para que a água no estado líquido se forme, é necessário
que ocorram:
a) ligações iônicas.
b) ligações coordenadas.
c) pontes de hidrogênio.
d) ligações covalentes.
e) pontes de dissulfeto.
220)(UFSC) O gelo-seco corresponde ao CO2 solidificado, cuja fórmula estrutural é O = C = O. O estado
sólido é explicado por uma única proposição correta. Assinale-a.
a) Forças de Van der Waals entre moléculas fortemente polares de CO2.
b) Pontes de hidrogênio entre moléculas do CO2.
c) Pontes de hidrogênio entre a água e o CO2.
d) Forças de Van der Waals entre moléculas apolares do CO2.
e) Interações fortes entre os dipolos na molécula do CO2.
221)(UNIRIO) “... o Corpo de Bombeiros de José Bonifácio, a 40 km de São José do Rio Preto, interior de
São Paulo, foi acionado por funcionários do frigorífico Minerva. O motivo foi o vazamento de amônia”.
A amônia (NH3) é um gás à temperatura ambiente. Nesta temperatura, suas moléculas estão pouco
agregadas e, no estado líquido, elas estão mais próximas umas das outras. Assinale a opção que indica
a interação existente entre suas moléculas no estado líquido.
Dados: H (Z = 1); N (Z = 7).
a) ligação de hidrogênio.
b) dipolo – dipolo.
c) dipolo – dipolo induzido.
d) dipolo induzido – dipolo induzido.
e) íon – dipolo.
222)(UEL-PR) É de se prever que compostos, gasosos nas condições ambientes, constituídos por
moléculas polares (com dipolos permanentes) sejam:
I) Facilmente liquefeitos por aumento de pressão e abaixamento de temperatura.
II) Bons condutores de corrente elétrica.
III) Formados por um único elemento químico.
Dessas afirmações, apenas:
a) I é correta.
b) II é correta.
c) III é correta.
d) I e II são corretas.
e) II e III são corretas.
223)(UCDB-DF) O CO2 no estado sólido (gelo seco) passa diretamente para o estado gasoso em condições
ambiente; por outro lado, o gelo comum derrete nas mesmas condições em água líquida, a qual passa
para o estado gasoso numa temperatura próxima a 100°C. Nas três mudanças de estados físicos, são
rompidas, respectivamente:
a) ligações covalentes, pontes de hidrogênio e pontes de hidrogênio.
b) interações de Van der Walls, ligações iônicas e ligações iônicas.
c) interações de Van der Walls, pontes de hidrogênio e ligações covalentes.
d) interações de Van der Walls, pontes de hidrogênio e pontes de hidrogênio.
e) interações de van der Walls, pontes de hidrogênio e interações de Van der Walls.
224)(Covest-2004) A oxidação de um álcool primário (I) levará à formação de aldeído (II) e ácido carboxílico
(III), dependendo da força do agente oxidante utilizado. Qual a ordem do ponto de ebulição destes
compostos?
a) III > II > I.
b) II > I > III.
c) I > II > III.
d) III > I > II.
e) I > III > II.
Prof. Agamenon Roberto LIGAÇÕES QUÍMICAS www.agamenonquimica.com 40
225)(Covest-2004) Interações intermoleculares são importantes na natureza, pois determinam várias
propriedades de diversas moléculas, muitas delas vitais para os seres vivos, tais como as moléculas de
água e de proteínas. Sobre este assunto, analise as proposições a seguir.
0 0 O álcool etílico (etanol) apresenta interações do tipo ligações de hidrogênio.
1 1 A molécula de água apresenta interações do tipo ligações de hidrogênio.
2 2 A molécula de água apresenta interações do tipo dipolo-dipolo.
3 3 A molécula do dióxido de carbono apresenta interações do tipo dipolo induzido.
4 4 O ponto de ebulição dos álcoois é mais alto do que os dos respectivos ácidos
carboxílicos, em grande parte porque o número de ligações de hidrogênio nos ácidos é
menor do que nos álcoois.
226)(Covest-2006) No tocante a ligações de hidrogênio, é correto afirmar que:
a) ligações de hidrogênio ocorrem somente entre moléculas e nunca dentro de uma mesma molécula.
b) o ponto de fusão da água é menor que o do sulfeto de hidrogênio, por conta das ligações de
hidrogênio, que são muito intensas na molécula de água.
c) ligações de hidrogênio têm a mesma energia que uma ligação covalente simples.
d) ligações de hidrogênio podem influenciar na densidade de uma substância.
e) átomos de hidrogênio ligados covalentemente a átomos de oxigênio não podem participar de
ligações de hidrogênio.
227)(UFRGS-RS) Freqüentemente, quando colocamos um refrigerante no congelador por tempo
prolongado, ocorre extravasamento de seu conteúdo.
Sobre esse fenômeno são feitas as seguintes afirmações:
I. Ocorre expansão do gás carbônico, CO2(g), presente no refrigerante.
II. Há organização das moléculas de água numa estrutura hexagonal.
III. Acentua-se a formação de pontes de hidrogênio.
Que afirmações estão corretas?
a) Apenas I.
b) Apenas II.
c) Apenas I e III.
d) Apenas II e III.
e) Todas estão erradas.
228)Na coluna da esquerda da tabela a seguir estão relacionadas algumas substâncias com as respectivas
fases de agregação. A coluna da direita contém sugestões a respeito do tipo de ligação que ocorre
entre átomos, íons ou moléculas.
substância ligação
1 N2 (gás) 6 Ponte de hidrogênio
2 Gelo (água congelada) 7 Iônica
3 Ne (sólido) 8 Van der Waals
4 HF (líquido) 9 Covalente polar
5 Na3PO4 (sólido) 10 Covalente apolar
Qual a única opção cujas associações estão corretas?
a) 2 – 7; 3 – 8; 4 – 9; 5 – 7.
b) 1 – 10; 2 – 10; 3 – 8; 4 – 7.
c) 1 – 9; 2 – 8; 4 – 6; 5 – 10.
d) 1 – 10; 2 – 6; 3 – 8; 4 – 6.
e) 2 – 6; 3 – 9; 4 – 7; 5 – 7.
229)(UFMG) Cinco gotas de acetona e cinco gotas de etanol foram colocadas separadamente sobre uma
placa de vidro. A acetona evaporou-se totalmente em primeiro lugar. Todas as alternativas contêm
explicações corretas para esse fenômeno, exceto:
a) A acetona é mais volátil do que o etanol.
b) A interação intermolecular na acetona é menor do que no etanol.
c) A massa molar da acetona é maior do que a do etanol.
d) A polaridade das moléculas da acetona é menor do que a das moléculas do etanol.
e) A pressão de vapor da acetona é maior do que a do etanol.
Prof. Agamenon Roberto LIGAÇÕES QUÍMICAS www.agamenonquimica.com 41
230)(Covest-2003) A compreensão das interações intermoleculares é importante para a racionalização das
propriedades físico-químicas macroscópicas, bem como para o entendimento dos processos de
reconhecimento molecular que ocorrem nos sistemas biológicos. A tabela abaixo apresenta as
temperaturas de ebulição (TE), para três líquidos à pressão atmosférica.
Líquido
Fórmula Química TE (°C)
acetona (CH3)2CO 56
água H2O 100
etanol CH3CH2OH 78
Com relação aos dados apresentados na tabela acima, podemos afirmar que:
a) As interações intermoleculares presentes na acetona são mais fortes que aquelas presentes na
água.
b) As interações intermoleculares presentes no etanol são mais fracas que aquelas presentes na
acetona.
c) Dos três líquidos, a acetona é o que apresenta ligações de hidrogênio mais fortes.
d) A magnitude das interações intermoleculares é a mesma para os três líquidos.
e) As interações intermoleculares presentes no etanol são mais fracas que aquelas presentes na água.
A temperatura de ebulição (TE) está relacionada com a magnitude das interações intermoleculares. Quanto maior a
TE do líquido, mais energia teremos que fornecer para transferirmos as moléculas da fase líquida para a fase
gasosa. Portanto, líquidos com maior TE terão interações intermoleculares mais fortes. De acordo com as
temperaturas de ebulição, teremos a seguinte ordem nas interações intermoleculares: H2O > CH3CH2OH >
(CH3)2C=O.
231)O ácido desoxirriboucléico, DNA, é componente essencial de todas as células e é constituído por duas
“filas” formadas, cada uma, de muitas unidades denominadas nucleotídeos. Essas duas “filas” se
mantêm unidas uma à outra pela atração entre átomos de hidrogênio de uma fila e átomos de oxigênio
de outra fila. Esse tipo de ligação, muito importante em bioquímica, é denominado:
a) covalência coordenada.
b) forças de Van der Waals.
c) pontes de hidrogênio.
d) ligação iônica.
e) covalência simples.
232)(UFES) A trimetilamina e a propilamina possuem exatamente a mesma massa molecular e, no entanto,
pontos de ebulição (PE) diferentes:
3
2
C
N
H
CH3
CH3
trimetilamina, PE = 2,9 °C
H3C CH
2
CH
2
H
N
propilamina, PE = 49°C
O tipo de força intermolecular que explica esse fato é:
a) ligação covalente apolar.
b) ligação covalente polar.
c) ligação iônica.
d) ligação de hidrogênio.
e) forças de Van der Waals.
233)(PUC-PR) As festas e eventos têm sido incrementados com efeito de névoa intensa do gelo-seco, o
qual é constituído por gás carbônico solidificado.
A respeito deste fato, pode-se afirmar:
a) a névoa nada mais é que a liquefação do gás carbônico pela formação das forças intermoleculares.
b) O gelo-seco é uma substância composta e encontra-se na natureza no estado líquido.
c) O gelo-seco é uma mistura de substâncias adicionadas ao gás carbônico e, por essa razão, a
mistura se solidifica.
d) Na solidificação do gás carbônico ocorre a formação de forças intermoleculares dipolo-dipolo.
e) Sendo moléculas do CO2 apolar, a atração entre as moléculas se dá por dipolo instantâneo-dipolo
induzido.
Prof. Agamenon Roberto LIGAÇÕES QUÍMICAS www.agamenonquimica.com 42
234)(ACR-2004) “Os governantes de Aliso Viejo, Estados Unidos, propuseram uma lei para limitar produtos
feitos com monóxido de dihidrogênio, uma substância presente em quase todos os venenos e que se,
inalada, pode levar à morte. A proposta de lei perdurou até a hora em que eles descobriram a fórmula
da substância: H2O, ou seja, água. A denuncia era apenas uma brincadeira feita por alguns sites”.
(Super interessante, junho 2004)
Sobre a molécula de água e suas ligações interatômicas e intermoleculares afirma-se:
I) É uma substância polar e apresenta ligações apolares entre os átomos de hidrogênio e
oxigênio.
II) As suas interações intermoleculares são do tipo “pontes de hidrogênio”.
III) Sua geometria molecular é linear.
IV) As ligações entre seus átomos é do tipo s – p.
São verdadeiras, apenas, as afirmações:
a) I e II.
b) I, II e IV.
c) II e IV.
d) III e IV.
e) II e III.
235)Observe as estruturas abaixo.
Vitamina C Vitamina A
Sobre a solubilidade da vitamina A (retinol) e da vitamina C (ácido ascórbico) em água e no tecido
adiposo, é correto afirmar que a
a) vitamina C é solúvel tanto na água como no tecido adiposo, pois a sua molécula apresenta uma
cadeia carbônica aromática
b) vitamina A é insolúvel no tecido adiposo, porque apresenta uma molécula quase apolar, e o grupo
OH- constitui uma parte muito pequena da cadeia.
c) vitamina A é solúvel em água, pois apresenta uma extensa cadeia carbônica alifática, a qual facilita
as interações intermoleculares com as moléculas de água.
d) vitamina C é solúvel em água, devido à presença de grupos hidroxilas que permitem a formação de
pontes de hidrogênio com a molécula de água.
e) Nenhuma das respostas anteriores.
236)(Fatec-SP) A condutividade elétrica dos metais é explicada admitindo-se:
a) Ruptura de ligações iônicas.
b) Ruptura de ligações covalentes.
c) Existência de elétrons livres.
d) Existência de prótons livres.
e) Existência de nêutrons livres.
237)(ACR-2004) “Por que as pessoas põem gelo nos mictórios? O gelo serve para reduzir a mau cheiro nos
mictórios. Nem toda mulher sabe disso, mas o arsenal antifedor no banheiro dos homens inclui também
limão, casca de laranja e bolinhas de naftalina.
Gelo é o método mais eficaz porque, no contato com a urina quente, derrete e ajuda a levar o líquido
para o esgoto. A temperatura baixa também inibe o crescimento de bactérias e diminui a volatilidade
das substâncias, o que dificulta a propagação do odor. Já o limão e a naftalina servem só para
mascarar o cheiro da urina recente ou do material acumulado na tubulação.
Em bares e restaurantes, o consumo de bebidas alcoólicas e sal aumenta a concentração de amoníaco,
responsável pelo odor.
(Super interessante, junho 2004)
Sobre as moléculas de água (H2O) e amônia (NH3) é correto afirmar que:
a) Apenas a água apresenta entre suas moléculas interações de Van der Waals.
b) A geometria da molécula de amônia é trigonal plana.
c) Moléculas de água são polares e de amônia são apolares.
d) As interações entre as moléculas da amônia são covalentes polares.
e) Tanto a amônia como a água apresentam interações entre suas moléculas do tipo pontes de
hidrogênio.
Prof. Agamenon Roberto LIGAÇÕES QUÍMICAS www.agamenonquimica.com 43
238)(UFRN) Na ligação metálica, os átomos dos metais estão ligados devido à:
a) fraca força de atração entre os elementos.
b) formação de pares de elétrons.
c) atração elétrica entre cátions e ânions.
d) formação de cátions e ânions.
e) atração elétrica entre cátions e elétrons.
239)(UFJF-MG) Complete o quadro abaixo:
Dados: B (Z = 5); Cl (Z = 17); C (Z = 6); H (Z = 1); Be (Z = 4)
Fórmula Tipo de hibridação N° de orbitais
híbridos
Geometria
molecular
Orbitais envolvidos na
ligação sigma formada
BeCl2
CH4
BeH2
240) Na ligação dupla possuímos obrigatoriamente:
a) uma ligação gama ( ) e uma pi ( ).
b) duas ligações pi ( ).
c) uma ligação sigma ( ) e uma gama ( ).
d) duas ligações sigma ( ).
e) uma ligação sigma ( ) e uma pi ( ).
241)(ESTÁCIO-RJ) Considere um mecânico com as mãos sujas de graxa (derivado do petróleo). O melhor
solvente para a remoção da graxa é:
a) água.
b) gasolina.
c) vinagre.
d) água com sal.
e) álcool comum.